conecte-se conosco


Polícia Federal

PF investiga suspeitos de distribuírem na internet imagens pornográficas envolvendo crianças e adolescentes.

Publicado


São Luís/MA – A Polícia Federal deflagrou nesta manhã (14/7), nas cidades de Água Doce do Maranhão/MA, Barra do Corda/MA, Jenipapo dos Vieiras/MA e Tuntum/MA, a Operação LUNA PARK MA,­­­ para promover a repressão à divulgação de imagens e vídeos de exploração sexual de crianças e adolescentes na internet. 

Cerca de 15 policiais federais deram cumprimento a quatro mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal de São Luís/MA, decorrentes de representações apresentadas pela Polícia Federal, objetivando arrecadar computadores, discos rígidos, mídias magnéticas, pen drives, bem como quaisquer outros materiais relacionados à pornografia infantil.

Os suspeitos foram identificados em investigações iniciadas a partir de relatório produzido pela Polícia Federal, em cooperação com a Polizia Di Stato – Compartimento Polizia Postale Delle Comunicazioni Lombardia, no âmbito da Operação da polícia postal italiana denominada LUNA PARK (https://www.commissariatodips.it/notizie/articolo/operazione-luna-park/index.html).

Três maranhenses são investigados por terem participação ativa em grupos de aplicativos de troca de mensagens dedicados ao compartilhamento de arquivos contendo imagens de exploração sexual de crianças e adolescentes, utilizando terminais telefônicos vinculados ao Maranhão.

Durante as diligências, na cidade de Tuntum/MA, uma pessoa foi autuada em flagrante pela posse de centenas de arquivos com imagens de abuso sexual de crianças e adolescentes, que estavam armazenadas em seu celular.

Se confirmadas as suspeitas, os investigados responderão pelas penas do delito de armazenamento de imagens e vídeos de exploração sexual infantil (Art. 241-B, do ECA) que podem chegar a 4 (quatro) anos; e pelo crime de disponibilização/divulgação de material de pornografia infantil (Art. 241-A, do ECA) podendo chegar a 6 (seis) anos por cada compartilhamento realizado.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Maranhão

Contato:  (98) 3131-5105
E-mail: [email protected]

***A denominação LUNA PARK MA é uma referência à operação realizada pela polícia postal italiana.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia Federal

Polícia federal, em ação conjunta com a Polícia Militar do Estado do Paraná, apreende 400 caixas de cigarros contrabandeados do Paraguai

Publicado


Umuarama/PR – Nesta terça-feira (28/9), ação conjunta entre a Polícia Federal e Polícia Militar do Estado do Paraná logrou êxito na apreensão de um caminhão baú carregado com 400 caixas de cigarros contrabandeados do Paraguai.

Durante atividade de rotina, policiais identificaram a movimentação suspeita de veículos na PR-323, na área urbana do município de Umuarama/PR. Realizada a abordagem policial, foi confirmado que o caminhão baú, com placas do estado de São Paulo, estava repleto de caixas de cigarros, cujo montante, segundo informações do motorista do veículo, um homem de 48 anos, alcança aproximadamente 400 caixas.

Em virtude do transporte ilegal, o caminhão e os objetos ilícitos foram encaminhados para a Polícia Federal em Guaíra/PR.

O preso responderá pelos delitos de contrabando e também de corrupção ativa, tendo em vista ter oferecido propina aos policiais, com o objetivo de liberar os objetos ilícitos e livrar-se de sua prisão.

A pena para o delito de corrupção ativa pode chegar a 12 anos de prisão, enquanto que a pena para o de contrabando é de 5 anos de reclusão.

A ação ocorreu no âmbito da OPERAÇÃO HÓRUS, promovida pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, que visa a integração policial nas ações de patrulhamento e repressão a delitos fronteiriços.

Comunicação Social da Polícia Federal em Guaíra/PR

Continue lendo

Polícia Federal

Operação Rent´s a Car desarticula grupo criminoso que comercializava carros alugados com a utilização de documentos falsos

Publicado


Uberlândia/MG – A Força Tarefa de Segurança Pública de Uberlândia, em apoio à Polícia Civil mineira, deflagrou nesta terça-feira, 28/9, a Operação Rent’s a Car, no intuito de combater os ilícitos praticados por associação criminosa que atua na cidade de Uberlândia, com ramificações nos estados de Goiás, Piauí e São Paulo.

São cumpridos 12 mandados de prisão e 14 de busca e apreensão em Minas Gerais, na cidade de Uberlândia, e em Goiás, nas cidades de Catalão e Itumbiara.

Os investigados são suspeitos de comercializarem ilegalmente veículos locados em agências de aluguel de automóveis. A prática criminosa consiste em transferir a propriedade de carros alugados para pessoas com documentos falsos e, após, vendê-los a terceiros de boa-fé. Foram identificados 58 veículos apropriados pelos criminosos.

O prejuízo estimado é superior a R$ 5,5 milhões dentre produtos e proveitos da empreitada criminosa.

A expressão Rent’s a Car, do idioma Inglês, faz referência às agências de aluguel de carros ou locadoras de veículos, as quais foram vítimas dos crimes praticados pela associação investigada.

Os presos serão encaminhados para o Presídio Professor Jacy de Assis e poderão responder pelos crimes de associação criminosa, estelionato, falsidade documental, lavagem de dinheiro, corrupção ativa e peculato eletrônico.

Seguindo todos os protocolos de cuidados do Ministério da Saúde, a FTSP/UDI prossegue com seu trabalho.

Comunicação Social da Polícia Federal em Minas Gerais

Fone: (31) 3330-5270
E-mail: [email protected]

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana