conecte-se conosco


Polícia Federal

PF investiga desvios de valores em contrato com empresas do ramo de energia em Minas Gerais

Publicado

São Paulo/SP – A Polícia Federal deflagrou hoje (11/4), em São Paulo, a Operação “E o vento levou”, quarta fase da Operação Descarte, trabalho conjunto da PF, da Receita Federal e do Ministério Público Federal. Esta fase tem como objetivo apurar desvios de valores de contrato firmado entre empresas do ramo de energia, com posterior repasse de parte do recurso, por meio de superfaturamento de um contrato, para empresas privadas.

Policiais federais deram cumprimento a 26 mandados de busca e apreensão, em endereços das pessoas e empresas envolvidas com os fatos investigados, nas cidades de São Paulo/SP, Rio de Janeiro/RJ, Belo Horizonte/MG, Taubaté/SP, Nova Lima/MG e Mogi das Cruzes/SP. As medidas judiciais foram expedidas pela 2ª Vara Criminal da Justiça Federal de São Paulo.

No decorrer das investigações, foi apurado desvio de dinheiro de empresa mineira do ramo de energia, por meio do aporte de R$ 850 milhões de reais em outra empresa de mesma área de atuação. Esse recurso foi posteriormente repassado, por meio do superfaturamento de um contrato, para uma empresa privada e, em seguida, foi promovido a transferência de valores a várias outras empresas. De acordo com as investigações, parte do dinheiro repassado foi convertido em espécie e distribuído a diversas pessoas.

Nesta fase da operação, apura-se também a participação de executivos e acionistas de empreiteira e de empresas públicas envolvidas no esquema da fraude, além dos operadores financeiros e outras empresas usadas para escoar o dinheiro desviado.

Aos investigados poderão ser imputados, na medida de suas participações nos fatos, os crimes de Associação Criminosa (art. 288 do Penal), Peculato (art. 312 do Código Penal), Evasão de Divisas (art. 22 da Lei 7.492/86) e Lavagem de Dinheiro (art. 1º da Lei 9.613/98), e Falsidade Ideológica (art. 299 do Código Penal) cujas penas, somadas, poderão resultar em 9 a 38 anos de prisão.

Haverá uma coletiva à imprensa, na Superintendência Regional da Polícia Federal em São Paulo, às 11h.

 

 

** O nome da fase da operação remete à área de atuação da empresa e ao esquema de lavagem de dinheiro para escoamento dos valores desviados do seu caixa.

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Polícia Federal

Operação Carrossel investiga grupo responsável por roubo a agências dos Correios na PB

Publicado


.

João Pessoa/PB – A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (29/5) a Operação Carrossel, com o objetivo de desarticular grupo criminoso responsável por assaltos às agências dos Correios do Estado da Paraíba.

Aproximadamente 15 policiais federais participaram do cumprimento dos mandados judiciais (prisão e busca e apreensão), nas cidades de Mossoró/RN e João Pessoa/PB. A ação policial contou, também, com o apoio da Força Tarefa da Secretaria de Operações Integradas (SEOPI), do Ministério da Justiça e Segurança Pública, em Mossoró/RN.

As investigações identificaram uma quadrilha especializada em roubo a agências dos Correios, responsável por mais de uma dezena de crimes contra aquela empresa pública no Estado da Paraíba, no período de 2019 e 2020. Num primeiro momento, foram identificados quatro integrantes da organização, todos do Estado do Rio Grande do Norte. Um dos indivíduos foi preso na data de hoje, na cidade de Mossoró/RN, e é acusado de participar de diversos roubos a agências dos Correios na Paraíba, entre eles os praticados nas cidades de Soledade (29.10.2019) e Taperoá (10.01.2020 e 31.01.2020).

 

Contato: (83) 3565-8510

Continue lendo

Polícia Federal

PF combate tráfico de drogas no Acre

Publicado


.

Cruzeiro do Sul/AC – A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (29/5) a Operação Tetra, com o cumprimento nove mandados de busca em apreensão em Cruzeiro do Sul/AC. A operação é um desdobramento de investigações iniciadas ainda no ano passado. Os mandados de hoje foram cumpridos a fim de encontrar indícios da participação dos envolvidos com o tráfico de drogas. A ação contou com o apoio da Polícia Civil de Cruzeiro do Sul.

No cumprimento das buscas, houve a apreensão de aproximadamente R$ 30 mil, na residência de um dos alvos e foi realizado uma prisão em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

Um dos locais em que foi cumprido mandado de busca e apreensão foi a casa da esposa de um dos principais alvos da operação, membro proeminente de uma facção criminosa que atua no estado do Acre. Ele foi preso na quarta-feira (27/5), em um hotel no Peru, em operação da Polícia Nacional Peruana. No mesmo hotel, foi preso outro brasileiro, considerado a principal cabeça da organização criminosa na região de Pucallpa, foragido da Justiça desde janeiro de 2019, quando fugiu da Unidade Prisional Manoel Nery.

Dentro do contexto desta investigação, a Polícia Federal já realizou outras ações. Em outubro de 2019, no cumprimento de mandados judiciais, foram apreendidos uma espingarda calibre 12 com munições, bem como de celulares na casa de um dos suspeitos; em outro endereço foram apreendidos celulares e comprovantes de pagamentos, relacionados ao tráfico de drogas. Ainda naquele mês, foi presa uma jovem transportando dois quilos de pasta base de cocaína para a cidade de Tarauacá/AC, com passagens, alimentação e acomodação pagas por um dos membros do grupo criminoso em Cruzeiro do Sul.

Importante registrar que os mandados foram cumpridos em total observância às orientações da ANVISA, sobre o uso de equipamentos de proteção individual, para resguardar a saúde dos policiais e dos investigados.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Acre

Contato: (68) 3212-1200 / 3212-1211/ 3212-1213
E-mail: [email protected]

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana