conecte-se conosco


Nacional

PF envia inquérito sobre facada em Bolsonaro para MP mineiro

Publicado


Jair Bolsonaro nos ombros de apoiador durante ato de campanha
REPRODUÇÃO/AGÊNCIA BRASIL

Jair Bolsonaro foi atacado em ato de campanha em setembro de 2018

A Polícia Federal enviou ao Ministério Público de Juiz de Fora (MG) o inquérito da facada contra o presidente Jair Bolsonaro. O MP vai analisar o que se produziu até agora e decidir quais serão os próximos passos.

A Polícia Federal já  solicitou mais 90 dias
para continuar o inquérito sobre o ataque a Jair Bolsonaro
. Cabe ao MP decidir se concederá a prorrogação do prazo ou não.

Adélio Bispo
de Oliveira foi preso no mesmo dia suspeito de ser o autor da facada
e continua detido até hoje. Se for condenado, ele pode pegar de três a 10 anos de cadeia. Entretanto,  pode ter sua pena reduzida
 devido a transtornos mentais apontados em laudos médicos.

A Polícia já descartou as possibilidades de ele pertencer a uma organização criminosa e de ter recebido ajuda para o ataque. A PF, no entanto, ainda investiga as pessoas que mantiveram contato com Adélio nos últimos anos.

Leia também: PF deflagra operação em oito estados contra desmatamento ilegal na Amazônia

Jair Bolsonaro
foi atacado com uma facada na região abdominal no dia 6 de setembro de 2018, quando participava de um ato de campanha em Juiz de Fora. O presidente ficou internado e passou por cirurgias.

publicidade
1 comentário

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nacional

Prefeitura de São Paulo anuncia PMI para parceria na área hospitalar

Publicado

source
Chamamento Público com intuito de receber estudos para modernização e adequação de instalações prediais e prestação de serviços hospitalares não assistenciais e serviços de apoio de 12 hospitais municipais está aberto até 27/06/2022
rawpixel.com / Freepik

Chamamento Público com intuito de receber estudos para modernização e adequação de instalações prediais e prestação de serviços hospitalares não assistenciais e serviços de apoio de 12 hospitais municipais está aberto até 27/06/2022

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria de Governo Municipal, com apoio da Secretaria Municipal de Saúde e da São Paulo Parcerias, abriu chamamento público para receber estudos para projeto inédito na área da saúde.

Trata-se de Procedimento de Manifestação de Interesse (“PMI”) aberto por meio do Chamamento Público nº CH/002/2022/SGM-SEDP, com fundamento no Decreto Municipal nº 57.678, de 4 de maio de 2017, para que interessados se credenciem e sejam autorizados a realizar e apresentar estudos com vistas a auxiliar a administração pública municipal na concepção de parceria com o setor privado para modernização e adequação de instalações prediais e prestação de serviços hospitalares não assistenciais e serviços de apoio em 12 hospitais públicos do município de São Paulo, que eram administrados pela extinta Autarquia Hospitalar Municipal.

A soma das áreas dos hospitais, distribuídos em todas as regiões do município, que são alvo deste PMI, é superior a 132 mil m², com capacidade de mais de 2.100 leitos, gerando um custo anual, apenas com a prestação de serviços hospitalares não assistenciais e serviços de apoio abarcados no PMI, superior a R$ 350 milhões.

Visando diminuir os gastos públicos, o edital do PMI prevê que os estudos deverão apresentar possibilidades eficientes de melhoria da qualidade dos serviços oferecidos, por meio da proposição de soluções integradas, com base em critérios de melhor relação custo-benefício, voltadas ao ganho de escala e ao aumento da eficiência e do controle operacional e econômico dos serviços dos hospitais, de modo a reduzir os custos e, eventualmente, o número de contratos, garantindo qualidade e eficiência da fiscalização.

Os estudos deverão envolver equipe multidisciplinar, tendo em vista a diversidade de disciplinas arroladas no funcionamento das unidades hospitalares, viabilizando diagnósticos e projetos completos, bem como atualização de registros de dados e informações sobre as condições físicas e materiais da infraestrutura predial e dos equipamentos hospitalares.

As propostas apresentadas deverão, ainda, observar princípios de sustentabilidade, com eventuais intervenções, reformas e investimentos executados frente a cronogramas factíveis e no menor prazo possível, considerando a manutenção ininterrupta dos serviços hospitalares e visando melhoria dos serviços de saúde nos hospitais municipais.

Garantir melhor qualidade de serviço ao usuário, promover eventuais melhorias na infraestrutura e equipamentos dos hospitais, assegurar condições de trabalho ideais aos servidores e desonerar a Prefeitura são alguns dos objetivos do PMI.

Entre as premissas básicas a serem seguidas pelos autorizados é vedada a apresentação de estudos que contemplem serviços assistenciais, que considerem concessão de incentivos fiscais e tributários não previstos na legislação, que incluam em seus estudos hospitais não previstos neste PMI e que contrariem os princípios do Sistema Universal de Saúde – SUS, como universalização e equidade.

Sobre o PMI

Poderão participar deste PMI pessoas físicas e jurídicas, nacionais ou estrangeiras, individualmente ou em consórcio, que preencham os requisitos de participação previstos no edital, tendo os interessados em participar do procedimento até 30 (trinta) dias após a publicação do edital para realizar o credenciamento.

Os credenciados que forem autorizados a participar do PMI terão prazo de 60 (sessenta) dias para entregar os respectivos estudos no fim da etapa inicial.

Deverão ser apresentados estudos de modelagem de (i) engenharia e arquitetura, (ii) operacional, (iii) econômico-financeira e (iv) jurídica, que poderão ser ressarcidos futuramente pelo vencedor da parceria em caso de aproveitamento. O valor máximo de ressarcimento dos estudos é de R$ 7.086.485,96, dividido proporcionalmente pelo porte dos hospitais, entre os blocos e o tipo de modelagem.

Os 4 blocos em que 12 hospitais foram divididos, com o objetivo de buscar equilíbrio entre a potencial demanda para elaboração dos Estudos, são:

Bloco 1: Hospital Municipal Fernando Mauro Pires da Rocha; Hospital Municipal José Soares Hungria; Hospital Municipal Maternidade Mario Degni;

Bloco 2: Hospital Municipal Carmino Cariccho; Hospital Municipal Maternidade Dr. Mário de Moraes Altenfelder Silva; Hospital Municipal Alexandre Zaio;

Bloco 3: Hospital Municipal Alípio Correa Netto; Hospital Municipal Waldomiro de Paula; Hospital Municipal Tide Setúbal; e

Bloco 4: Hospital Municipal Arthur Ribeiro de Saboya; Hospital Municipal Ignácio Proença de Gouveia; Hospital Municipal Benedicto Montenegro.

Por fim, para participar do Chamamento Público, os interessados podem consultar os requisitos e critérios exigidos pelo edital neste link .

Informações relevantes

Objeto: Chamamento Público para elaboração de estudos, diagnósticos, levantamentos de arquitetura, engenharia, viabilidade operacional, jurídica e econômico-financeira com vistas a auxiliar a administração pública municipal na concepção de parceria com o setor privado para modernização e adequação de instalações prediais e prestação de serviços hospitalares não assistenciais e serviços de apoio em 12 (doze) hospitais públicos do município de São Paulo. Prazo final para protocolo de pedido de esclarecimentos pelos interessados: 22 de junho de 2022, às 18:00 h.

Prazo final de credenciamento para realização de estudos: 27 de junho de 2022, às 18:00 h.

Endereço da SGM: Viaduto do Chá, nº 15, 11º andar, CEP 01002-900 São Paulo, SP

Horário de funcionamento da SGM em dias úteis: das 9h às 18h.

Sítio eletrônico:  http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/governo/desestatizacao_projetos/hospitais/pmi/index.php?p=329450

Endereço Eletrônico: [email protected]

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Continue lendo

Nacional

Carreta perde freio e atinge 15 veículos em rodovia da Paraíba

Publicado

source
Carreta perde freio e atinge veículos em trecho da BR-230, na Grande João Pessoa
Antônio Vieira/TV Cabo Branco – 26.05.2022

Carreta perde freio e atinge veículos em trecho da BR-230, na Grande João Pessoa

Quatro pessoas ficaram feridas após uma carreta perder o freio e causar um acidente com cerca de outros 15 veículos na BR-230, entre os municípios de Santa Rita e Bayeux, na Grande João Pessoa, na Paraíba. 

O caminhão que estava carregado de papelão teria perdido o freio seguindo em direção ao município de Bayeux. Segundo Corpo de Bombeiros, quatro vítimas foram socorridas para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa com ferimentos leves.

Ainda de acordo com Bombeiros, há suspeita de um possível vazamento de combustível no veículo.

O motorista do caminhão disse aos agentes que ele havia saído de Campina Grande, no Agreste da Paraíba, com direção a Goiânia, quando o caminhão perdeu o freio e atingiu  três motocicletas, 11 carros de passeio e um outro caminhão.

A Polícia Rodoviária Federal e o Corpo de Bombeiros estão no local para instruir os motoristas que passam na região. O trecho segue parcialmente interditado.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana