conecte-se conosco


Policial

PF diz que pousada em Manso era de ‘fachada’ e que fazendas foram usadas para lavar dinheiro do tráfico

Publicado


Lancha apreendida na manhã desta sexta-feira na pousada na região do Lago de Manso [Fotos – Polícia Federal]

A pousada Paraíso do Manso Resort, na região do Lago do Manso, um dos alvos da “Operação Status”, deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta sexta-feira (11), era usada como “fachada” para a lavagem de dinheiro e lazer dos investigados, de acordo com o delegado, Lucas Vilela, em coletiva a imprensa. A operação investiga lavagem de dinheiro e tráfico de drogas no Brasil e no Paraguai. Estão sendo sequestrados mais de R$ 230 milhões que seriam fruto do crime.

Na propriedade de luxo, foram apreendidos lanchas, jetis skis e quadricíclos. O proprietário, Tairone Conde Costa, foi preso em Cuiabá. Além dele também foram presas outras três pessoas em Campo Grande (MS). A concessionária de carros de luxo Classe A Motors, de sua propriedade, instalada na avenida Fernando Correa da Costa, também foi alvo dos agentes federais..

Durante a coletiva, o delegado revelou que a pousada em Manso era usada como “fachada” para lavagem de dinheiro, com o registro de serviços de hotelaria. No local, inclusive, foi realizado um show com uma dupla sertaneja para comemorar o aniversário de um dos líderes do esquema.

“Ela não funciona de fato. Na verdade é uma casa de campo, onde eles costumavam passar férias e ter momentos de lazer. Em 2017 inclusive, foi realizada uma festa de aniversário que contou com uma dupla sertaneja famosa”, explicou o delegado.

Sobre a concessionária de veículos de luxo Classe A Motors, o delegado da Polícia Federal disse a empresa realmente funcionava como uma loja de vendas, mas que durante as investigações concluíram que parte do capital da empresa era ilícito. “Apesar de trabalhar efetivamente com compra e venda de veículos caros, grande parte da movimentação financeira tinha origem ilícita”.

Segundo o delegado, além da concessionária, os criminosos utilizaram duas fazendas e plantações de arroz no município de Barra de Garças (520 km de Cuiabá) para lavar dinheiro oriundo do tráfico de drogas.

As apreensões de drogas do grupo foram feitas desde 2014 até 2020, e que a operação de hoje mira o sequestro de bens para afetar a capacidade financeira dos criminosos.

A operação foi batizada de “Status” em alusão à ostentação de alto padrão de vida mantida pelos líderes da organização criminosa, com participações em eventos de arrancadas com veículos esportivos de alto valor, contratação de artistas famosos para eventos pessoais e residências de luxo.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

Homem tem prisão cumprida por estupro de menina de cinco anos em Cáceres

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem considerado foragido da Justiça há mais de um ano por estupro de vulnerável cometido contra uma menina de apenas cinco anos teve o mandado de prisão cumprido, nesta segunda-feira (19.10), em ação da Polícia Civil com apoio da Polícia Militar no município de Cáceres (228 km a oeste de Cuiabá).

O autor dos abusos foi investigado em inquérito policial instaurado pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cáceres, ocasião em que teve o mandado de prisão representado pelo crime de estupro de vulnerável.

O suspeito é pai da irmã mais velha da vítima e aproveitou a necessidade de apoio da ex-companheira para estabelecer um convívio maior com a menina. Em uma ocasião, o suspeito deu carona em sua motocicleta para a criança e aproveitou o momento para passar a mão nas partes íntimas da menina. Não satisfeito, ele levou a menor para lateral da casa onde novamente abusou da menina.

A situação foi flagrada pela irmã de 9 anos da menina que chamou pela vítima e viu o momento em que o suspeito e a criança arrumavam as roupas. Diante das provas levantadas, a delegada Judá Maali Marcondes representou pela prisão preventiva do suspeito que estava foragido desde a data do crime.

O mandado foi expedido pela Justiça e após mais de um ano de diligências, a Polícia Civil com apoio da Polícia Militar conseguiu localizar o suspeito que teve a ordem judicial cumprida. Ele foi encaminhado à Cadeia Pública de Cáceres a disposição da Justiça.

 

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Policiais civis cumprem prisão de homem investigado por homicídio na agrovila de Palmeiras

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais civis de Santo Antônio de Leverger e da 3a Delegacia de Cuiabá cumpriram na última semana o mandado de prisão contra o autor de um homicídio ocorrido no ano passado na Agrovila de Palmeiras.

A vítima, Elton Ferreira Marques, 33 anos, foi executada por vários disparos de arma de fogo na frente de sua residência na agrovila, município de Santo Antônio de Leverger, no dia 19 de setembro do ano passado. O rapaz foi socorrido por uma ambulância do distrito, mas morreu a caminho do pronto-socorro de Cuiabá.

De acordo com o delegado Adalberto Antônio de Oliveira, a prisão temporária foi decretada pelo juiz da Comarca de Santo Antonio de Leverger. O investigado, de 26 anos, foi encaminhado para unidade prisional do Capão Grande, em Várzea Grande.

De acordo com as informações coletadas na investigação, o investigado pelo crime já teria tentado contra a vida da vítima por três vezes, entretanto não houve registros desses fatos à Polícia Civil.

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana