conecte-se conosco


Polícia Federal

PF desarticula associação criminosa voltada à exploração e ao comércio ilegal de diamantes

Publicado


.

Vilhena/RO – A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (24/9) a denominada Operação Crassa, que tem como tem como objetivo desarticular organização criminosa dedicada à exploração e ao comércio ilegais de diamantes extraídos ilegalmente da Terra Indígena Roosevelt, em Rondônia.

Estão sendo cumpridos 53 mandados de busca e apreensão em 7 diferentes estados da federação e no Distrito Federal, todos expedidos pela 3ª Vara Criminal da Subseção Judiciária de Rondônia. Além das buscas, foi determinado pelo juízo o sequestro de bens imóveis.

Para o cumprimento dos mandados, foi mobilizado um efetivo de cerca de 150 policiais federais, distribuídos entre os estados de Rondônia, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Piauí, Roraima, São Paulo e o Distrito Federal.

A investigação teve início em 2018, com a prisão em flagrante de três indivíduos em posse de diversas pedras de diamante, que haviam se deslocado de São Paulo a Rondônia para adquiri-las. Na ocasião, admitiram que os diamantes eram da Reserva Roosevelt.

Durante as investigações, houve êxito na identificação do esquema criminoso, que conta com a participação de garimpeiros, lideranças indígenas, financiadores do garimpo, avaliadores, comerciantes e intermediadores, que estabelecem a conexão entre os fornecedores e o mercado consumidor nacional e internacional.

Dentre os crimes investigados estão organização criminosa, usurpação de bens da União e lavagem de dinheiro.

O termo Crassa remete ao estado bruto dos diamantes, tendo sido identificado no início das investigações a referência Bruto ao lado dos contatos relacionados a garimpeiros e intermediários do comércio ilegal do mineral na agenda dos indivíduos presos em flagrante.

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Rondônia/RO

Contato (69) 3216-6242

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia Federal

Polícia Federal apreende 159 kg de drogas no município de Nova Santa Helena/MT

Publicado


Cuiabá/MT- A Polícia Federal apreendeu na sexta-feira (30/10) aproximadamente 159 quilos de cocaína. A droga foi encontrada em um caminhão e em uma caminhonete parados na BR-163, no município de Nova Santa Helena/MT.

Parte da droga estava escondida no assoalho do baú do caminhão e a outra quantidade em um fundo falso da caminhonete.

Os dois presos, após terem sido ouvidos na Delegacia de Polícia Federal em Sinop/MT e indiciados pela prática do crime de tráfico de drogas, foram encaminhados para o Presídio Osvaldo Florentino Leite Ferreira – Ferrugem.

 

 

Comunicação Social da PF em Mato Grosso

www.pf.gov.br – [email protected]

Contato: (65) 99284-8987

Continue lendo

Polícia Federal

Polícia Federal recupera notebooks furtados da Receita Federal

Publicado


Santa Maria/RS – A Polícia Federal prendeu em flagrante, na sexta-feira (30/10), um indivíduo, de 29 anos, pela receptação de dois notebooks que haviam sido furtados da Receita Federal do Brasil. Os equipamentos têm valor aproximado de R$ 16 mil.

Os policiais já vinham investigando o furto dos computadores, identificaram que um deles estava anunciado em um site de vendas na internet e acompanharam a entrega de um dos computadores furtados, que foi recuperado.

Diligências realizadas levaram à descoberta do endereço do vendedor, onde foi encontrado mais um dos computadores furtados.

O indivíduo preso possui extensa ficha criminal, estava em prisão domiciliar e usava uma tornozeleira eletrônica.

O flagrante por receptação foi lavrado na Delegacia de Polícia Federal em Santa Maria.

O preso será encaminhado para a Penitenciária Estadual de Santa Maria/RS, onde permanecerá à disposição da Justiça Federal.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Santa Maria

Fone: (55) 3218.9050

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana