conecte-se conosco


Polícia Federal

PF deflagra operação para combater extração ilegal de madeira

Publicado

Barra do Corda/MA. A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira, 3/8, no município de Barra do Corda/MA, a Operação Pterodon, para dar cumprimento a 22 mandados de busca e apreensão e a 7 mandados de suspensão da atividade econômica. O objetivo é combater a extração e receptação ilegal de madeira da Terra Indígena Cana Brava, que abastece uma cadeia criminosa de serrarias, movelarias e depósitos de madeira clandestinos.

Durante as investigações, foram identificados diversos estabelecimentos madeireiros que atuam na clandestinidade, sem emissão de DOFs (Documentos de Origem Florestal), bem como seus possíveis proprietários. O tempo de atividade analisado por meio da evolução geoespacial desses estabelecimentos demonstrou que as condutas perduram há vários anos, causando impactos e danos consideráveis ao meio ambiente e ao equilíbrio ecológico.

Foram detectados 177 alertas de desmatamento na T.I. Cana Brava no período de um ano, por meio de imagens do Satélite Planet (Programa BASIL M.A.I.S). Os empreendimentos madeireiros alvos desta operação distam aproximadamente 40 km da Terra Indígena, o que demonstra a viabilidade econômica para atuarem na ilegalidade, com extração de madeira em área protegida, para abastecer esses estabelecimentos, auferindo “lucro fácil”.

A conduta de armazenar, beneficiar e comercializar insumos florestais fomenta o desmatamento ilegal, a invasão em terras da União e os conflitos com indígenas da região.

Os investigados poderão responder por crimes como receptação qualificada, depósito de produto de origem vegetal sem licença válida, funcionamento de estabelecimentos potencialmente poluidores sem autorização, dentre outros, com penas que podem chegar a 9 anos de reclusão.

Estão participando da OPERAÇÃO PTERODON aproximadamente 110 policiais federais, bem como servidores do IBAMA, Corpo de Bombeiros Militar (CBM), ICMBio e Batalhão de Polícia Ambiental (BPA).

A operação foi denominada PTERODON por ser um gênero botânico considerado uma das espécies mais valiosas da Terra Indígena Cana Brava.

Comunicação Social da Polícia Federal no Maranhão

Telefones: (98) 31315105

(98) 991286428

Fonte: Polícia Federal

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Polícia Federal

PF investiga descaracterização de templos barrocos e desaparecimento de peças sacras

Publicado

Belo Horizonte/MG – Na quinta-feira (18/8), a Polícia Federal, em conjunto com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN, deflagrou a primeira fase da Operação “Hereditatem Historicam” para apurar denúncias de descaracterização de templos barrocos e desaparecimento de peças sacras. O objetivo é a defesa do rico acervo histórico, cultural e patrimonial do povo mineiro e a conservação dos nossos templos religiosos.

Na ação, a Igreja Nossa Senhora do Rosário, em Itabirito/MG, tombada pelo Iphan, foi encontrada totalmente descaracterizada.

Os responsáveis poderão responder pelos crimes contra o patrimônio histórico previstos na Lei 9.605/98, art. 62 e art. 63, cujas penas máximas somadas chegam a 6 anos de reclusão e multa.

O nome da operação, traduzindo do latim para o português, significa patrimônio histórico, cujo dia nacional é celebrado em 17/8. 

Comunicação Social da Polícia Federal em Minas Gerais

Contato: (31) 3330-5270
E-mail: [email protected]

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

Polícia Federal

Polícia Federal apreende grande quantidade de cigarros

Publicado

Maringá/PR – Na quinta-feira (18/8), durante diligências de repressão aos crimes de contrabando e tráfico de drogas, realizadas nas estradas da região de Maringá/PR, equipes da Polícia Federal prenderam um homem envolvido em transporte de cigarro ilícito de origem paraguaia, na cidade de Maringá/PR.

Durante as diligências, que consistiam em barreira policial para inspeção de carga e documentação dos veículos, um motorista dirigindo um caminhão não obedeceu a ordem de parada. Outra equipe policial, posicionada em outro trecho à frente, fez nova tentativa de abordagem, mas quase foi atropelada pelo motorista, que jogou o seu veículo contra os policiais em clara tentativa de homicídio. Em seguida, foi realizado acompanhamento tático, tendo a equipe interceptado o veículo no contorno sul da cidade. Quando a carga foi revistada, constatou tratar-se de cerca de 800 caixas de cigarro paraguaio, o equivalente a 400 mil maços.

O homem, de 35 anos, foi preso em flagrante e responderá pela prática do crime de contrabando, desobediência e tentativa de homicídio.

Comunicação Social da Polícia Federal em Maringá/PR

Telefone: (44) 3220-1436

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana