conecte-se conosco


Polícia Federal

PF deflagra operação para combater extração ilegal de madeira em Rondônia

Publicado


.

Porto Velho/RO – A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta segunda-feira (11/05), a Operação Inimigos da Tora, visando dar cumprimento a 14 mandados de busca e apreensão, todos expedidos pela 3ª Vara da Justiça Federal em Porto Velho/RO.

Trata-se de ação ostensiva realizada nesta data, com apoio do Exército Brasileiro, ICMBio, SEDAM e Polícia Militar Ambiental/RO, visando a desarticulação de organização criminosa dedicada à exploração ilegal de madeira das áreas de preservação da Floresta Nacional do Jacundá, em especial na região da Vila Nova Samuel, distrito de Candeias Jamari/RO. Estão sendo cumpridos mandados judiciais na Vila Nova Samuel, Porto Velho e Distrito de Triunfo, todas no estado de Rondônia.

As investigações iniciaram a partir de denúncias e relatórios de fiscalização dos órgãos ambientais, além de informações obtidas em operações anteriores, relatando a prática reiterada da extração ilegal de madeira da Floresta Nacional do Jacundá, no entorno do distrito de Vila Nova Samuel/RO.

A partir da notícia crime encaminhada à Polícia Federal foi possível a identificação de pessoas físicas, madeireiros, interpostas pessoas e “toreiros”, bem como pessoas jurídicas (madeireiras), que criaram uma estrutura criminosa para a retirada ilegal de madeira da Floresta Nacional, falsificação de créditos florestais e lavagem de dinheiro decorrente dessas infrações.

Durante as investigações da Operação Inimigos da Tora constatou-se que as madeiras beneficiadas por serrarias situadas na Vila Nova Samuel/RO vinham, em sua maioria, das áreas de preservação da União. Após beneficiadas, as madeiras extraídas da Floresta Nacional eram comercializadas, com lastro em DOFs que continham informações falsas acerca de sua origem.

Os indiciados serão ouvidos na sede da Polícia Federal e responderão, na medida de sua participação, pelos crimes de organização criminosa, extração ilegal de madeira, falsidade ideológica, inserção de dados falsos e lavagem de capitais.

O termo “Inimigos da Tora” é uma alusão a um grupo dos investigados em aplicativo de troca de mensagens, denominado “Amigos da Tora”, onde os mesmos trocam informações a respeito das fiscalizações ambientais e policias realizadas na região.

Comunicação Social da Polícia Federal em Rondônia/RO
Contato (69) 3216-6242

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Polícia Federal

PF cumpre mandados contra suspeitos de roubo a banco no Paraná

Publicado


.

Curitiba/PR – A Polícia Federal deflagrou hoje (7/7) a operação Fuga da Toca, que cumpre dois mandados de prisão preventiva e um mandado de busca e apreensão contra dois suspeitos de participarem do roubo contra a Caixa Econômica Federal, no bairro Tatuquara em Curitiba, no dia 30 de setembro de 2019. Os mandados judiciais foram cumpridos nas cidades de Mandirituba e Fazenda Rio Grande, no Paraná, e Chapecó, em Santa Catarina.

Os suspeitos, no dia da ação criminosa, conseguiram fugir do cerco policial. Na ocasião seis indivíduos participaram da execução do roubo contra a instituição bancária, sendo que quatro suspeitos vieram a óbito após entrar em confronto com equipes policiais.

Os presos serão indiciados pelos crimes de roubo qualificado, dano qualificado, posse e porte de arma de fogo de calibre permitido, crimes cujas penas podem chegar a 20 anos de prisão.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Curitiba/SR/PR

Telefone: (41) 3251-7813

[email protected]

 

 

Continue lendo

Polícia Federal

PF desarticula esquema de grupo que levava drogas e celulares para penitenciária estadual no RS

Publicado


.

Uruguaiana/RS – A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira (7/7), a Operação Pater, com o objetivo de combater organização criminosa que introduzia drogas e telefones celulares na Penitenciária Modulada Estadual de Uruguaiana – PMEU.

 A deflagração acontece nas cidades de Uruguaiana, Itaqui, Alegrete, Pelotas e Caçapava do Sul, com o cumprimento a 49 mandados de prisão e 38 mandados de busca e apreensão. Participam da ação de hoje cerca de 230 policiais e agentes de segurança. A Operação tem a participação da Brigada Militar, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal, SUSEPE, ROMU (Guarda Municipal de Uruguaiana) e Ministério Público Estadual.

 De acordo com o inquérito policial, integrantes do grupo criminoso investigado enviavam drogas e telefones celulares para o interior da PMEU, além de promover o tráfico de drogas em pontos da cidade. Há indícios, ainda, da prática de outros crimes como o contrabando e o tráfico de armas.

A ação de hoje contou ainda com o apoio do Exército Brasileiro, Força Nacional e Prefeitura Municipal de Uruguaiana.

 

Mandados de Prisão (MP) e Mandados de Busca e Apreensão (MBA) por município:

Uruguaiana – MP 44 – MBA 34

Itaqui – MP 02 – MBA 02

Alegrete – MP 01 – MBA 01

Pelotas – MP 01 – MBA 01

Caçapava do Sul – MP 01 – MBA 00

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Uruguaiana/RS

www.pf.gov.br

Fone: (55)3414-9010

 

*** O nome da Operação – Pater – se dá em razão de que, inicialmente, alguns apenados eram abastecidos com drogas enviadas pelos seus pais, traficantes em atividade em Uruguaiana.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana