conecte-se conosco


Polícia Federal

PF deflagra Operação Fora do Caixa em três estados

Publicado

Belém/PA – A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (9/1) a Operação Fora do Caixa, desdobramento da Operação Lava Jato, com o objetivo de cumprir seis mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão temporária nas cidades de Belém/PA, Palmas/TO e Brasília/DF. Os mandados estão divididos da seguinte forma: três buscas e apreensões e uma prisão temporária no Pará; uma prisão temporária e uma busca e apreensão em Tocantins; e duas buscas e apreensões no Distrito Federal.

A investigação teve início a partir da colaboração premiada feita por executivos da empresa ODEBRECHT, os quais relataram o pagamento de R$ 1,5 milhão, por meio de Caixa 2, para candidato ao Governo do Estado do Pará, nas eleições de 2014. Segundo o depoimento dos executivos foram realizadas três entregas, nos valores de R$ 500 mil reais cada, nos meses de setembro e outubro de 2014, sendo que o recebimento foi intermediado por um ex-Senador da República vinculado ao então candidato ao governo Estado do Pará.

Durante o trabalho investigativo, foram encontrados indícios de que pelo menos um dos pagamentos foi realizado em endereço ligado a parentes do ex-Senador da República citado pelos executivos.

Os crimes sob investigação são de falsidade ideológica eleitoral (Caixa 2), formação de quadrilha e lavagem de dinheiro.

A investigação iniciou perante o Supremo Tribunal Federal, entretanto houve declínio de competência para Justiça Eleitoral em Belém/PA, a partir da confirmação do entendimento sobre a competência da Justiça Eleitoral para processar e julgar crimes comuns em conexão com crimes eleitorais. Os mandados foram expedidos pela 1ª Vara da Justiça Eleitoral em Belém/PA.

O nome da operação faz referência ao recebimento de recursos eleitorais não contabilizados.

A entrevista será realizada, às 11h, no Gabinete da Superintendência Regional da Polícia Federal no Pará, localizada na Av. Almirante Barroso, 4466 – Belém/PA.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Pará

Telefone: (91)3214 8043 /984222396

[email protected]

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Polícia Federal

PF e PRF prendem dois traficantes com mais de 30 kg de cocaína em Quissamã/RJ

Publicado


.

Quissamã/RJ – Na manhã de hoje, 10/07, policiais federais, em ação conjunta com a Polícia Rodoviária Federal, prenderam dois homens transportando mais de 30 kg de pasta base de cocaína, em Quissamã/RJ, no Norte Fluminense.

A ação ocorreu durante fiscalização de rotina na rodovia BR-101 e contou com a troca de informações de inteligência entre os órgãos (PF e PRF). A droga foi encontrada pelos policiais, em compartimento preparado para ocultar drogas, no interior de dois veículos, também, apreendidos na ação.

Os policiais avistaram os carros em atitude suspeita e após abordagem e buscas minuciosas lograram êxito em encontrar as drogas que, segundo informações, teriam como destino a cidade Campos/RJ.

 Os presos foram encaminhados com a droga e os veículos apreendidos para formalização do Auto de Prisão em Flagrante na Delegacia de Polícia Federal em Macaé/RJ.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro

[email protected] | www.pf.gov.br

(21) 2203-4404 / 4405 / 4406 / 4407

Continue lendo

Polícia Federal

PF combate circulação de moeda falsa em Congonhas/MG

Publicado


.

Belo Horizonte/MG – A Polícia Federal deflagrou hoje, 10/7/2020, a Operação Policial “Argentum Profhetas”, para combater o crime de moeda falsa na cidade mineira de Congonhas/MG.

A PF representou por quatro mandados de busca e apreensão, todos expedidos pela 9ª Vara da Justiça Federal em Belo Horizonte e cumpridos em Congonhas.

As investigações, que tiveram início em abril deste ano, identificaram uma quadrilha especializada no derrame de cédulas falsas naquela cidade e em vários estados da Federação. Restou apurado que os investigados colocavam em circulação cerca de 60 mil reais em moeda falsa por mês.

Durante a deflagração, foram apreendidos dois envelopes, contendo cerca de 3.500 reais em cédulas falsas. As apurações e demais diligências prosseguem.

Seguindo todos os protocolos de cuidados do Ministério da Saúde em face da pandemia do Covid-19, a Polícia Federal continua trabalhando para a manutenção da lei e da ordem, preservando o estado democrático de direito.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Minas Gerais

[email protected] | www.pf.gov.br

(31) 3330-5270

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana