conecte-se conosco


Polícia Federal

PF deflagra operação contra ataques cibernéticos a Universidades Federais

Publicado

Dourados/MS – Na manhã desta quinta-feira (28/4), a Polícia Federal deflagrou a operação denominada “Área Restrita”, que tem como escopo apurar ataque cibernético a várias Universidades Federais do país, ocorrido em maio de 2021.

O ciberataque consistiu na invasão dos sistemas de informática das instituições de ensino, promovendo “defacement” (processo de modificação do conteúdo que é exibido em um site) ou pichação, causando danos aos bancos de dados de, ao menos, seis universidades, entre elas a UFGD, UFRJ, UFMG, UFT, UFAL e UFBA.

O ataque hacker investigado se aproveitou de uma vulnerabilidade de software ligado a componentes sem atualização. A partir disso, conseguiu implantar ferramentas para a captura de senhas de usuários administradores.

A Justiça Federal de Dourados/MS expediu um mandado de busca e apreensão, que foi cumprido na cidade de Guarulhos/SP.

Delegacia de Polícia Federal em Dourados

Comunicação Social SR/PF/MS

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Polícia Federal

PF apreende skunk no Aeroporto de Tefé/AM

Publicado

Tefé/AM – A Polícia Federal apreendeu ontem, 5/7, no Aeroporto de Tefé/AM, uma mulher que trazia consigo aproximadamente 2.6 kg de maconha do tipo skunk.

A presa mantinha a droga fracionada em tabletes, envolvidos em invólucros de plástico presos ao corpo com fita crepe, e tentava embarcar em voo doméstico para Manaus/AM, momento em que foi abordada.

O crime de tráfico de drogas é fundamentado pelo art. 33, da Lei 11.343/06 e tem pena prevista de 5 a 15 anos de reclusão, além de multa.

Comunicação Social da Polícia Federal no Amazonas

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

Polícia Federal

PF apreende cerca de uma tonelada de cocaína

Publicado

Belém/PA – Nesta quarta-feira, 6/7, a Polícia Federal prendeu duas pessoas e apreendeu cerca de uma tonelada de cocaína que estava enterrada em um sítio no município de Curuçá, nordeste paraense.

O início da investigação se deu após denúncia anônima recebida pela PF. Diligências policiais confirmaram que uma carga de entorpecente estava armazenada em um sítio naquele município. Com autorização judicial, equipes da PF foram ao local, desenterraram a droga e prenderam duas pessoas em flagrante por tráfico de entorpecentes.

Os presos e o material apreendido foram levados à Superintendência Regional da Polícia Federal em Belém, onde foram feitos os procedimentos de flagrante.

Comunicação Social da Polícia Federal no Pará

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana