conecte-se conosco


Polícia Federal

PF combate a fabricação e comércio de cédulas falsas

Publicado

Sorocaba/SP. A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (18/7) operação com o objetivo de debelar quadrilha voltada para o fabrico e comércio, via redes sociais, de cédulas falsificadas.  Estão sendo cumpridos seis mandados de busca e apreensão nas cidades de Itanhaém/SP, Mongaguá/SP, Barueri/SP e São Paulo/SP. As investigações iniciaram no ano de 2017.

Até o momento, o principal suspeito não foi encontrado. O material arrecadado nas buscas será analisado e periciado. Nenhuma cédula falsa ou maquinário foi encontrado. 

Os envolvidos responderão pela prática dos crimes de  crimes de fabricação e venda de cédulas falsas. 

 

Fonte: Polícia Federal
Leia Também:  Operação Dente de Leão reprime desvios de recursos públicos em Flores do Goiás
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Polícia Federal

PF desarticula organização criminosa de tráfico internacional de entorpecentes

Publicado

Natal/RN – A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (13/12) a Operação Expresso, com o objetivo de desarticular uma organização criminosa voltada ao tráfico internacional de entorpecentes. Cerca de 55 policiais federais cumprem 15 mandados de prisão preventiva e 15 mandados de busca e apreensão nas cidades de Natal/RN, Nísia Floresta/RN, Ceará-Mirim/RN, Rio Branco/AC e Pimenta Bueno/RO. Os mandados foram expedidos pela 2ª Vara Federal no RN.

As investigações começaram após a PF detectar uma movimentação financeira atípica de um ex-presidiário, vinculado a acreanos envolvidos em tráfico de entorpecentes. O suspeito tentava depositar valores expressivos em uma conta no Acre. 

A partir de então, policiais federais passaram a aprofundar as investigações, acompanhando os suspeitos oriundos do Acre, e descobriram que o grupo adquiriu um ônibus de turismo para trazer entorpecentes a Natal, simulando transporte de turistas.

Numa dessas viagens, o ônibus foi abordado pela Polícia Rodoviária Estadual, ocasião em que o motorista foi preso. Na manhã do dia 13/03/2018, no entorno da cidade de Cuiabá/MT, a PRF também abordou o veículo e apreendeu cocaína dissimulada no assoalho, prendendo também o motorista.

Em razão das apreensões realizadas no período, o líder da ação criminosa, foragido da justiça, natural de Mossoró/RN, usando nome falso, passou a negociar a aquisição de um caminhão, tipo carreta, para modificar o modus operandi. Adquirido o novo veículo, providenciou reparos para acomodar o entorpecente e prosseguiu com o tráfico no percurso Acre – Rio Grande do Norte. Em uma das viagens, a Polícia Federal identificou o veículo e realizou, em junho de 2018, a apreensão da droga (277kg de cocaína) e a prisão do motorista e passageiro, com apoio do BOPE/PMRN.

Com a expansão das investigações para prisão de todo grupo criminoso, também se descobriu que uma advogada, para além dos limites de sua atividade como defensora de membros da quadrilha, atuava orientando a organização em como realizar a manipulação e divisão dos entorpecentes, tendo sido decretada sua prisão preventiva.

(*) O nome da operação é uma referência ao fato de os suspeitos terem simulado uma linha expressa com a compra do ônibus de turismo para trazer a droga para Natal.

 

Leia Também:  Operação Dente de Leão reprime desvios de recursos públicos em Flores do Goiás

                      Comunicação Social da Polícia Federal no Rio Grande do Norte

                                                                                        [email protected] | @pfnorn | www.pf.gov.br

Contato: (84) 3204.5588

Fonte: Polícia Federal
Continue lendo

Polícia Federal

PF prende jovem portando comprimidos de ecstasy

Publicado

Araguaína/TO – A Polícia Federal prendeu nesta sexta-feira (13/12) um jovem, de 21 anos, portando 45 comprimidos de ecstasy, substância psicotrópica, utilizada como entorpecente recreativo.

O jovem foi preso em flagrante no momento em que fazia a retirada de uma encomenda oriunda do estado de Goiás, feita por meio de uma transportadora, nas imediações da rodoviária da cidade de Araguaína, norte do estado.

A Polícia Federal encontrou indícios de que a remessa ocorria regularmente e que a droga era comercializada principalmente em casas noturnas e universidades.

O investigado foi encaminhado à Casa de Prisão Provisória de Araguaína, onde poderá responder pelo crime de tráfico de entorpecentes, cuja pena varia entre cinco a quinze anos de reclusão e multa.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Tocantins

E-mail: [email protected]

Contato: (63) 3236-5440 (63) 9 9204-3219

Fonte: Polícia Federal
Leia Também:  Polícia Federal participa da Operação Luz na Infância 5
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana