conecte-se conosco


Polícia Federal

PF combate a disseminação de pornografia infantil por meio da internet

Publicado

Belo Horizonte/MG – A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (17/10) a Operação PEGA-PEGA IV, em combate à produção, ao armazenamento e à divulgação na internet de imagens e vídeos de exploração sexual de crianças e adolescentes. Dez policiais federais cumpriram quatro mandados judiciais de busca e apreensão, nas cidades de Sete Lagoas, Conselheiro Lafaiete, Santa Maria de Itabira e na Capital, todos expedidos pela 35ª Vara Federal em Belo Horizonte/MG.

Uma parte da investigação foi iniciada por volta de maio deste ano, a partir de relatórios produzidos por unidade especializada da Polícia Federal, que identificou dois usuários de aplicativo de mensagens que realizaram a transmissão de arquivos com conteúdo de abuso sexual infantojuvenil. Outra parte da investigação teve início por meio de monitoramentos, que identificaram dois usuários de internet que baixavam e compartilhavam arquivos com esse tipo de conteúdo ilícito.

Durante o cumprimento dos mandados, foram apreendidos equipamentos eletrônicos possivelmente utilizados nas condutas criminosas, os quais serão submetidos à perícia técnica, com o objetivo de verificar a existência de armazenamento e compartilhamento de material pornográfico infantojuvenil.

Leia Também:  PF participa de operação que resultou na destruição de 60 balsas de extração ilegal de ouro

Um homem de 29 anos foi preso em flagrante pelo armazenamento de arquivos de pornografia infantil na cidade de Conselheiro Lafaiete/MG.

Comunicação Social – PF/MG
[email protected] | www.pf.gov.br
(31) 3330-5270

Fonte: Polícia Federal
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Polícia Federal

Polícia Federal deflagra operação que investiga esquema de venda de sentenças judiciais

Publicado

Salvador/BA – A Polícia Federal deflagrou, na manhã de hoje (19/11), a Operação FAROESTE com o objetivo de desarticular possível esquema criminoso voltado à venda de decisões judiciais por juízes e desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, além de corrupção ativa e passiva, lavagem de ativos, evasão de divisas, organização criminosa e tráfico influência.
Mais de 200 Policiais Federais, acompanhados de Procuradores da República, cumprem quatro mandados de prisão temporária e 40 mandados de busca e apreensão em gabinetes, fóruns, escritórios de advocacia, empresas e nas residências dos investigados, nas cidades de Salvador, Barreiras, Formosa do Rio Preto e Santa Rita de Cássia, na Bahia, e em Brasília.
Também estão sendo cumpridas determinações de afastamento de quatro desembargadores e dois juízes de Direito de suas funções.
Os mandados foram expedidos pelo Superior Tribunal de Justiça e têm por objetivo localizar e apreender provas complementares dos crimes praticados.

 

Comunicação Social da PF61 2024 8142

Fonte: Polícia Federal
Leia Também:  Polícia Federal combate comércio ilegal de ouro em Roraima
Continue lendo

Polícia Federal

Operação Guarita cumpre mandados para investigar crimes motivados por disputas em terra indígena

Publicado

Santo Ângelo/RS –  A Polícia Federal deflagrou hoje (19/11) a Operação Guarita, que apura crimes ocorridos em razão de disputa pela liderança de terra indígena localizada na Região Noroeste do Rio Grande do Sul.

A operação conta com o apoio da Polícia Civil e da Brigada Militar. Cerca de 200 policiais cumprem 38 mandados de busca e apreensão e 14 de prisão preventiva, na Terra Indígena Guarita, nos municípios de Redentora e Tenente Portela.

A Polícia Federal instaurou inquéritos para apurar o atentado ocorrido em 19 de outubro, contra o cacique da Guarita, e o homicídio de um indígena e a tentativa de homicídio de outros dois, no dia 07 de novembro, na mesma região.

Os crimes investigados são homicídio qualificado, tentativa de homicídio qualificado, incêndio majorado, dano qualificado e formação de milícia armada.

Será concedida entrevista coletiva às 10h30min. de hoje (19/11), na sede da Delegacia de Polícia Federal em Santo Ângelo (Av. São João, nº 555).

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Santo Ângelo

Leia Também:  Polícia Federal combate comércio ilegal de ouro em Roraima

Contato: (55) 3314-9000

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio Grande do Sul

[email protected] | www.pf.gov.br

Contato: (51) 3235-9005/99717-3040

Fonte: Polícia Federal
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana