conecte-se conosco


Polícia Federal

PF, com o apoio da PM/MS investiga sequestro na fronteira

Publicado

Corumbá/MS – A Polícia Federal, com apoio da Corregedoria da Polícia Militar do Mato Grosso do Sul, deflagrou a Operação Refúgio. Na ação, estão sendo cumpridos mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva em desfavor de indivíduos que retiraram do território nacional cidadão boliviano, que se encontrava na condição de refugiado, e o entregaram na Bolívia, onde era procurado em razão de mandado de prisão.

Participam da deflagração 41 policiais federais e 10 policiais militares do Estado do Mato Grosso do Sul.

A ação criminosa ocorreu no mês de agosto de 2019, quando o cidadão boliviano, que estava na condição de refugiado no Brasil, foi abordado em um estabelecimento comercial por indivíduos armados e transportado com o uso de violência para o território boliviano. Naquela ocasião, ao passar pelo Posto Esdras, ponto de controle migratório em Corumbá/MS, o cidadão boliviano, que estava sendo retirado à força do território nacional, chegou a tentar empreender fuga, contudo foi impedido e efetivamente retirado do país.

A Polícia Federal, por meio de uma investigação minuciosa, obteve êxito em descobrir toda a dinâmica dos fatos e identificar os envolvidos na ação delituosa, os quais, inclusive, tentaram se passar por policiais federais. Foi constatado o envolvimento de policiais militares nos fatos e a Corregedoria da Polícia Militar, atuando em parceria com a PF, apoiou as medidas de deflagração da operação.

A ação delituosa de retirada ilegal do estrangeiro, que estava na condição de refugiado no território nacional, implica no cometimento dos delitos de sequestro e de migração ilegal com o uso da violência. Após a deflagração, haverá a comunicação, pelos meios oficiais, às autoridades bolivianas dos dados da operação, para que sejam tomadas as medidas pertinentes.

O nome da operação é uma alusão ao instituto de direito internacional que abrigava o cidadão boliviano no território nacional antes de sua retirada ilegal do Brasil.

ATENDIMENTO À IMPRENSA: Em razão das medidas de prevenção adotadas para evitar contágios com agentes virais, órgãos de imprensa que desejem entrevistas serão recebidos, de forma individual ou em pequenos grupos, na Superintendência Regional da Polícia Federal em Campo Grande/MS, a partir das 10h. Serão tomadas precauções para a proteção de todos.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Mato Grosso do Sul

Contato: (67) 3368-1105
E-mail: [email protected]

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Polícia Federal

Polícias Federal, Militar e Penal cumprem mandados de busca no Presídio de Feira de Santana

Publicado


.

Feira de Santana/BA – Nesta quinta-feira (2/4), a Polícia Federal e a Polícia Militar, com auxílio da Polícia Penal, cumprem mandados de busca e apreensão em celas do Presídio Regional de Feira de Santana, objetivando localizar especialmente celulares que eram utilizados por lideranças de facção criminosa para repassar ordens e orientações de dentro do sistema prisional para serem executadas por criminosos na rua.

A ação faz parte de investigação que buscou mapear as atividades ilícitas das principais lideranças da organização detidas naquele estabelecimento prisional, que serão transferidas para o Presídio de Segurança Máxima de Serrinha.

Os investigados responderão pelo crime de organização criminosa, que prevê pena de três a oito anos de reclusão.

 

Comunicação Social da Polícia Federal na Bahia

[email protected] | www.pf.gov.br

Contato: 71 98732-0787

Continue lendo

Polícia Federal

PF, em ação integrada, realiza outra grande apreensão no Paraná

Publicado


.

Jardim Paredão/PR – Na quarta-feira (1/4), mais uma grande apreensão foi realizada por equipes que participam da OPERAÇÃO HÓRUS, integrada pela POLÍCIA FEDERAL, COBRA/BPFRON/PMPR, TIGRE/PCPR, BOPE/PMMS, BOPE/COE/PMPR, FORÇA NACIONAL e pelo EXÉRCITO BRASILEIRO, com apoio da SEOPI – Secretaria de Operações Integradas/MJSP.

Durante patrulhamento de rotina na zona rural de Jardim Paredão/PR, policiais encontraram depósito de ilícitos mantido em chácara da região. Dentro do depósito, foram encontradas várias caixas vazias de cigarros paraguaios.

Em continuidade aos levantamentos de informações, os policiais suspeitaram de uma grande quantidades de caminhões em uma borracharia localizada no Jardim Paredão. Ao realizarem uma checagem dos veículos, puderam perceber que eram veículos utilizados para a prática de ilícitos.

Diante dos fatos, a equipe policial continuou em diligências e encontrou os proprietários da chácara que ficava em frente ao depósito e da oficina. Eles formam conduzidos até a Delegacia da Polícia Federal em Guaíra, juntamente com os materiais apreendidos, para os procedimentos de praxe.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Guaíra/PR
Disque denúncia: (44) 3642-9131

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana