conecte-se conosco


Polícia Federal

PF apreende materiais arqueológicos comercializados ilegalmente

Publicado

Porto Velho/RO – A Polícia Federal cumpriu nesta terça-feira (26/11) um mandado de busca e apreensão, expedido pela Justiça Federal de Rondônia, na cidade de Machadinho do Oeste/RO, onde foram apreendidos diversos materiais arqueológicos que estavam sendo comercializados ilegalmente.

Os artefatos foram produzidos e eram utilizados há centenas de anos e estavam sendo comercializados via internet, alcançando um valor de cerca de R$ 4 mil a peça.

Trata-se de material protegido pela União em virtude do seu valor histórico, sendo sua comercialização crime previsto no artigo 2º, § 1º, da lei 8176/91, artigo 1º da lei 3924/61 e artigo 180 do Código Penal.

O material será periciado e encaminhado ao Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) para ser analisado e catalogado.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Rondônia/RO
Contato (69) 3216-6242

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Polícia Federal

Operação Cifrão apura desvios de recursos públicos de entidades que integram o sistema “S”, na Paraíba

Publicado


.

João Pessoa/PB – A Polícia Federal, em parceria com a Controladoria-Geral da União, Ministério Público Federal, deflagraram na manhã de hoje (2/7) a operação Cifrão, que apura a prática de crimes relacionados à aplicação e desvio de recursos das entidades que integram o Sistema “S” da Indústria no Estado da Paraíba.

A operação conta com a participação de 96 Policiais Federais e 9 Auditores da Controladoria-Geral da União e estão sendo cumpridos 22 mandados de busca e apreensão nas cidades de Campina Grande e João Pessoa.

 A investigação demonstra que, em apenas três contratos auditados pela CGU, foram desviados mais de R$ 2 milhões em benefício de empresas, de empresários e pessoas vinculadas ao Sistema “S”.

  Entrevista coletiva será concedida, às 11h, no auditório da Delegacia de Polícia Federal em Campina Grande.

 

Comunicação Social da Polícia Federal na Paraíba

Telefone: (83) 3565-8510

Continue lendo

Polícia Federal

PF deflagra Operação Falso Registro para investigar fraudes em benefícios previdenciários

Publicado


.

Presidente Prudente/SP – A Polícia Federal deflagrou hoje (1/7) a operação Falso Registro, com o objetivo de coletar provas sobre a prática de falsidades na obtenção de benefícios previdenciários indevidos. Foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão, expedidos pela Primeira Vara Federal de Presidente Prudente, tendo sido encontrada farta documentação relativa às fraudes.

Durante a investigação, foi identificada a utilização de cinco empresas para a inserção de vínculos empregatícios falsos nos sistemas da Previdência Social mediante entregas de GFIPs (Guia de Recolhimento e Informações à Previdência Social) extemporâneas. Este fato permitiu o recebimento de benefícios previdenciários fraudulentos embasados em relações trabalhistas inverídicas por diversas pessoas.

A investigação teve início em razão de fatos suspeitos trazidos ao conhecimento da Polícia Federal pela Procuradoria-Geral Federal e contou com o apoio da Coordenação-Geral de Inteligência Previdenciária e Trabalhista – CGINT – da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia.

Segundo a CGINT, foram identificados 18 benefícios recebidos irregularmente, tendo o valor do prejuízo apurado totalizado a quantia de R$ 1,9 milhão. Este valor, conforme foi apurado, pode atingir montante superior a R$ 5 milhões em valores futuros a serem pagos aos beneficiários, levando-se em conta a expectativa de sobrevida média da população brasileira, segundo o IBGE.

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Presidente Prudente/SP

Contato: (18) 3344-3021 / 3344-3001

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana