conecte-se conosco


Meu Pet

Pet ficando escuro em volta dos olhos? Pode ser lágrima ácida

Publicado

source

Certas raças de cães principalmente buldogues, pugs, poodles, shitzus e até os gatos persas podem desenvolver uma coloração escura em volta dos olhos, focinho e boca. Mas por que isso acontece? Essa condição, popularmente chamada de “ lágrima ácida ” – mas de nome científico cromodacriorreia – é um problema causado pela substância lactoferrina.

Leia também: Além de gato, cão e calopsita: 7 animais para ter em apartamento

Porém, segundo Jorge Morais veterinário fundador da rede Animal Place, o nome “lágrima ácida” é equivocado. “A cromodacriorreia não tem nenhuma relação com o pH da lágrima, que é neutro”, afirma. A substância que causa essa coloração escura é parente do ferro, por isso escurece os pelos dos lugares em que entra em contato. “A lactoferrina pode ser encontrada na lágrima e também na saliva dos animais”

poodle arrow-options
shutterstock

A “lágrima ácida” é mais comum em certas raças de cães


O motivo para algumas raças de cães e gatos desenvolverem o problema é por sua anatomia. “Eles possuem olhos mais protuberantes e, algumas vezes, têm inversões nas pálpebras”, explica Jorge. Essas inversões produzem cílios ectópicos, ou seja, mal posicionados, aumentando a produção de lágrimas que contém essa secreção com bactérias, e consequentemente aumentando também a coloração escura em volta dos olhos.

Leia Também:  Mulher faz tatuagem de cachorro e resultado dá muito errado

A cromodacriorreia não tem cura, mas certos cuidados podem amenizar essa condição. “Fazer massagens bem suaves no canto dos olhos para desobstruir o canal lacrimal, aplicar uma compressa de gaze embebida em soro fisiológico no local e deixar a área livre de pelos são alguns dos cuidados que recomendo”, orienta o profissional.

Leia também: Dicas de objetos simples para tirar os pelos dos pets da roupa

Mesmo muitos donos acreditando que mudar a alimentação do animal ajude com a “ lágrima ácida ”, Jorge explica que, infelizmente, não existem estudos que comprovem a eficiência de alimentação diferente no combate ao problema. “Existem alguns suplementos e rações específicas que têm a proposta de dificultar a proliferação das bactérias da lactoferrina. Observamos que, quando aliada às questões de higiene, esse tipo de alimento atua como coadjuvante no processo de redução das manchas”, finaliza Jorge.

Fonte: Canal do Pet
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Meu Pet

Camuflagem de cachorro surpreende tutora e internautas

Publicado

source

Alguns tapetes podem lembrar a pelagem de cães e gatos , e isso causou um “problema” para Sandy Burke Moody, que mora nos Estados Unidos. O cão dela tinha sumido e mesmo procurando na casa toda, Sandy não o encontrava em lugar nenhum. Até que resolveu olhar mais atentamente para o tapete da sala. 

Leia também: Homem descobre gato dentro de sua mala ao chegar em aeroporto

“Eu sei que você consegue ver a meia…Mas consegue ver o cachorro dormindo?”, escreveu na legenda da foto do Facebook que já conseguiu mais de onze mil curtidas. 

Cachorro camuflado arrow-options
Facebook/ Sandy Burke Moody

Cachorro camuflado


Fonte: Canal do Pet
Leia Também:  Cães “aliens” chamam atenção após memes com Área 51
Continue lendo

Meu Pet

Menina faz carta comovente para ajudar em adoção de pitbull

Publicado

source

pitbull Reggie de 10 anos foi resgatado de um abrigo e colocado em um lar temporário em julho desse ano. Quem está cuidando dele é a norte-americana Thea-Marie Parent e sua filha de 10 anos Elivia, que criou um laço muito forte com o pet. 

Leia também: Homem descobre gato dentro de sua mala ao chegar em aeroporto

Pitbull fofo que está procurando um lar arrow-options
Facebook/ Furever Bully Love Rescue

Pitbull fofo que está procurando um lar


Porém, apesar de ser um cão super dócil e companheiro, ninguém quer adota-lo porque ele é um cachorro idoso. Pensando nisso, Elivia resolveu fazer uma carta dando motivos para que ele fosse adotado, e a ação comoveu tantas pessoas que foi parar em um grupo de resgate de animais no Facebook. “Quando ele foi ao petshop pela primeira vez se deu muito bem com os outros cães”, explicou Thea ao site The Dodo. 

Os motivos para adotar Reggie são:

  • Ele gosta de outros cães (exceto machos não castrados);
  • É muito fofo;
  • Não vai fazer xixi pela casa toda;
  • Gosta de homens, mulheres e crianças;
  • Não late;
  • É muito macio;
  • Muito obediente;
  • Anda bem com coleira;
  • Ama passeios de carro;
  • Ele vai ser seu melhor amigo.



Fonte: Canal do Pet
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana