conecte-se conosco


Tecnologia

Pesquisa revela maior desejo dos brasileiros para a Black Friday; confira

Publicado

source
Black Friday arrow-options
shutterstock

Boa parte dos consumidores quer trocar de celular durante a Black Friday

A expectativa para a Black Friday está alta entre os brasileiros. Uma pesquisa realizada pela Stilingue apontou que o consumidor pretende aproveitar as promoções da data, e já têm preferências por marcas e produtos. O estudo monitorou as redes sociais Facebook , YouTube , Twitter e Instagram , além de blogs, sites de notícias e comentários, entre os dias 21 e 30 de outubro, reunindo mais de 15 mil publicações que foram analisadas para entender o desejo dos consumidores para a data. 

Dentre os principais desejos dos internautas, quem lidera o ranking é a troca de celular . Depois dela, estão as viagens e os demais itens de informática. Para escolher um celular novo, os internautas estão priorizando o bom preço . Dentre os queridinhos para as compras, os celulares da Xiaomi e os iPhones são os mais comentados. 

Leia também: Smartphone da Xiaomi lidera lista dos 10 celulares mais buscados por brasileiros

Consumidores atentos

Outro aspecto trazido pela pesquisa foi o quanto os consumidores estão atentos à segurança para a Black Friday . Termos como “dinheiro”, “promoção” e “desconto” estão entre os mais buscados, o que, segundo o estudo, garante que que os consumidores estão de olho nas ofertas desde já. 

Leia Também:  Google lança aplicativo que transcreve áudio em tempo real; conheça

Outro termo bastante encontrado nas postagens foi “ Black Fraude ”, que também está relacionado a uma maior atenção dos consumidores às promoções falsas que surgem no período – sobretudo quando os preços sobem antes da data para trazer uma falsa queda. 

Leia também: Preços sobem antes da Black Friday; confira quais produtos são mais atingidos

Varejistas queridinhas

O estudo também apontou para as lojas mais citadas nas publicações relacionadas à Black Friday . No topo da lista estão Casas Bahia , Amazon e Magazine Luiza . Nas conversas sobre as varejistas, os principais assuntos giram em torno da conectividade trazida pela empresa e no interesse de saber se a loja já está com promoções para a Black Friday .

Fonte: IG Tecnologia
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Tecnologia

Publicado

source

Olhar Digital

celular aplicativos arrow-options
shutterstock

Veja quais aplicativos podem estar acabando com a bateria do seu iPhone


Os aparelhos da Apple são famosos por muitas razões. Seja por sua câmera, poder de processamento ou sistema operacional; mas uma coisa que incomoda alguns é a bateria dos dispositivos. Em alguns modelos a carga não dura muito tempo , o que obriga que ele seja carregado mais de uma vez por dia.

Um dos fatores que pode contribuir para isso é a otimização de alguns apps do sistema. Em muitos casos, um único aplicativo é o grande vilão dos usuários de iPhone . Pensando nisso, o site Yahoo listou cinco aplicativos famosos por “sugarem” a bateria dos aparelhos. Além de desmascará-los, a postagem oferece dicas de como modificar suas configurações para reestabelecer a vida útil da bateria.

Leia também: iPhones devem deixar de existir; veja qual gadget é a próxima aposta da Apple

Facebook

No caso do Facebook , um dos grandes problemas é o fato de ele rodar muitos processos em segundo plano. Um deles, o de rastrear a localização do usuário, é um dos menos utilizados, por isso, ele pode ser desabilitado enquanto o usuário não estiver precisando dele .

Leia Também:  WhatsApp, Facebook, Messenger, Twitter e Instagram têm problemas nesta quarta

Além disso, o iPhone possui uma opção que atualiza a home dos aplicativos em segundo plano – o que é bastante útil no caso de apps de notícias, por exemplo, mas que, no caso do Facebook , pode ser desativado sem grandes problemas para o usuário.

Leia também: Vídeo compara primeiro iPhone com iPhone 11, mostrando evolução; assista

Desativar as notificações também é uma boa ideia , já que ele fica constantemente procurando por conteúdos relevantes ou interações de pessoas conhecidas para exibir. Por fim, desativar a opção de reprodução automática dos vídeos da plataforma pode ajudar e muito na recuperação da bateria e na otimização do aplicativo.

Google Maps

No caso do Google Maps , os ajustes são bem mais sutis, mas podem ser essenciais para a recuperação da vida útil da bateria.

A primeira alteração é na localização do aplicativo . Constantemente o app faz uma varredura para saber onde o usuário está, com isso, pode oferecer serviços personalizados. Mas a opção ideal para poupar bateria nesse caso é selecionar o item que faz com que o Maps pergunte toda vez que precisar usar a sua localização. Outra dica é desativar as notificações, pois muitas vezes elas não são necessárias.

Leia Também:  Como um celular é hackeado? Conheça as técnicas e saiba se proteger

Leia também: Cidade italiana bane Google Maps depois de muita gente se perder

Snapchat

A primeira coisa, como nas opções anteriores, é desativar a localização do aplicativo . O Snapchat não depende da localização do usuário para funcionar, por esse motivo, ela não chega a ser tão necessária quanto no Google Maps , por exemplo.

Messenger

Para o caso do Messenger , é possível poupar alguma bateria – e armazenamento – trocando para a versão Lite do aplicativo . Ela é relativamente menor e possui as mesmas funções principais.

Leia também: Apple, Xiaomi e Huawei: veja quem ganha na disputa de câmeras

WhatsApp

Para o WhatsApp , a recomendação é a mesma: desabilitar as notificações . Elas são algumas das principais responsáveis pelo alto uso de bateria ao utilizar o aplicativo .

Fonte: IG Tecnologia
Continue lendo

Tecnologia

Publicado

source

Olhar Digital

aplicativo freddie mercury google arrow-options
Reprodução

Aplicativo compara sua voz com a de Freddie Mercury


Google , Queen e o Universal Music Group se uniram para criar o aplicativo FreddieMeter , que determina o quão perto você pode chegar da voz do cantor Freddie Mercury .

O aplicativo é uma colaboração da banda, do Creative Lab do Google e várias gravadoras. Foi projetado para analisar a voz de uma pessoa e comparar a afinação , timbre e melodia à do cantor. No fim, um resultado de 0 a 100 será mostrado na tela.

Leia também: Nest Mini, caixa de som inteligente do Google, chega ao Brasil por R$ 349; veja

Segundo o Google , o FreddieMeter usa novos modelos de aprendizado e foi treinado com a voz isolada de Mercury e com a de imitadores. O usuário, que não terá dados armazenados nos servidores , poderá escolher entre as músicas Bohemian Rhapsody, Don’t Stop Me Now, Somebody To Love e We Are The Champions.

O projeto também vai incentivar as pessoas a fazer uma doação ao Mercury Phoenix Trust, organização que luta por causas relacionadas ao HIV em todo o mundo. A instituição foi fundada pelos membros do Queen após a morte do cantor.

Leia Também:  Xiaomi anuncia notebooks gamer mais poderosos neste domingo

Fonte: IG Tecnologia
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana