conecte-se conosco


Nacional

Perseguido por roubar o próprio carro, motorista de app é preso

Publicado

carro arrow-options
Foto: Osvaldo Nóbrega/TV Morena

Na fuga, o automóvel acabou sendo atingido por várias pedradas e golpes de marreta

Um homem foi perseguido após roubar o prórprio carro, em Campo Grande. O motorista de aplicativo pagou uma dívida de drogas com o próprio veículo, depois furtou o carro e acabou sendo perseguido pelos traficantes para quem devia.

Após escapar dos traficantes o motorista de aplicativo, tentou registrar queixa por agressão contra os traficantes, mas mentiu para a polícia e acabou detido.

Na fuga, o automóvel acabou sendo atingido por várias pedradas e golpes de marreta. Um deles quebrou, inclusive, o vidro do passageiro do lado esquerdo. O caso aconteceu na madrugada deste domingo (8).

Segundo a polícia, o motorista procurou a delegacia de Pronto Atendimento Comunitário Centro (Depac Centro) para registrar uma queixa por agressão. Ele disse que foi chamado para uma corrida e, sem motivos, aparentes foi agredido e teve o carro apedrejado.

Os policiais suspeitaram da história e começaram a questioná-lo. Ele então jogou a chave do carro no meio da rua e saiu correndo da delegacia. Foi perseguido e detido pelos policiais.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nacional

Polícia apreende mais uma cobra em operação que mira estudante picado por naja

Publicado


source
cobra em aquário
Polícia Civil do Distrito Federal

Cobra foi apreendida em operação

A Polícia Civil do Distrito Federal apreendeu na manhã desta quinta-feira (16) mais uma serpente no desdobramento da operação que investiga relação de estudante picado por naja no último dia 7 com posse e tráfico de animais silvestres.

O animal foi encontrado em um dos quatro endereços nos quais policiais cumpriram mandados de busca e apreensão para a Operação Snake. Todos são conectados ao estudante Pedro Henrique Santos Krambeck, investigado pela polícia.

A suspeita da polícia é de que as 18 serpentes capturadas até o momento sejam do estudante de 22 anos. O animal apreendido nesta quinta não é venenoso. Além da cobra, celulares, documentos, medicamentos e outros objetos usados para criar animais silvestres foram apreendidos.

Pedro passou uma semana internado em um hospital particular do Distrito Federal após ser picado por uma naja, uma das cobras mais venenosas do mundo. Ele ficou em coma, mas se recuperou e recebeu alta em seguida. Pela posse do animal sem registro, o estudante foi multado em R$ 2 mil. Ele é investigado por ligação com o tráfico de animais silvestres.

Continue lendo

Nacional

Saiba quais são as cidades mais e menos vulneráveis à Covid-19

Publicado


source
São Bernardo é o município de São Paulo mais preparado para a Covid-19
Agência Brasil

São Bernardo é o município de São Paulo mais preparado para a Covid-19

Um estudo realizado pelo Instituto Votorantin ranqueou os municípios mais e menos vulneráveis à pandemia de Covid-19 . No topo das mais suscetíveis a complicações, está Biritiba Mirim , enquanto São Bernardo do Campo , no ABC Paulista, é a menos vulnerável.

O levantamento foi realizado pelo Instituto Votorantin e levou em consideração dados públicos de diferentes bases, como a do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), do Sistema Único de Saúde (SUS), Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES) e Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANSS).

Para a criação do ranking, 5 pilares foram analisados: população vulnerável, economia local, estrutura do sistema de saúde, organização do sistema de saúde, e capacidade fiscal da administração municipal.

O Índice de Vulnerabilidade dos Municípios (IVM) estabelecido pela pesquisa varia de 0 a 100; quanto mais alto o valor, mais alta a vulnerabilidade. De acordo com os dados, a cidade que possui o índice mais alto de vulnerabilidade é o município de Biritiba-Mirim, seguido por Poá e Itaquaquecetuba. Já a cidade com índice mais baixo é São Bernardo do Campo, seguida por São Caetano do Sul e depois por Cajamar. A cidade de São Paulo aparece com o quarto menor IVM.

Dez cidades da Grande São Paulo com maior índice de vulnerabilidade:

  • 1)Biritiba Mirim: 63,79
  • 2)Poá:60,37
  • 3)Itaquaquecetuba: 58,93
  • 4)São Lourenço da Serra: 58,73
  • 5)Itapecerica da Serra: 58,72
  • 6)Embu das Artes: 57,66
  • 7)Embu-Guaçu: 57,63
  • 8)Pirapora do Bom Jesus: 57,36
  • 9)Salesópolis: 57,33
  • 10)Ferraz de Vasconcelos: 57,33

Dez cidades da Grande São Paulo com menor índice de vulnerabilidade:

  • 1) São Bernardo do Campo: 30,06
  • 2) São Caetano do Sul: 38,61
  • 3) Cajamar: 39,18
  • 4) São Paulo: 41,17
  • 5) Santana de Parnaíba: 41,51
  • 6) Mauá: 42,31
  • 7) Santo André: 43,44
  • 8) Ribeirão Pires: 44,20
  • 9) Rio Grande da Serra: 44,54
  • 10) Barueri: 45,01

De acordo com Rafael Gioielli, gerente-geral do Instituto Votorantim, o alto índice de vulnerabilidade não está diretamente associado a uma maior quantidade mortes e óbitos nesses municípios.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana