conecte-se conosco


Política Nacional

Pernambuco tem primeira morte por coronavírus; total no Brasil vai para 48

Publicado

coronavírus arrow-options
Pixabay/rottonara

Paciente tinha 85 anos e fazia parte do grupo de risco

O estado do Pernambuco registrou, nesta quarta-feira (25), a primeira morte de paciente diagnosticado com o novo coronavírus . De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, a vítima é um idoso de 85 anos, que estava internado no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), no Centro do Recife. Com esse caso, sobe para 48 o número de óbitos no Brasil.

Leia também: Durante pandemia, há 140 localidades sem água no Rio de Janeiro

O paciente tinha apresentado os primeiros sintomas da Covid-19 no dia 18 de março e foi internado no dia 20. Ele tinha histórico de diabetes, hipertensão, além de cardiopatia isquêmica.

Nesta quarta-feira (25), também foram registradas as primeiras mortes no Amazonas e no Rio Grande do Sul. No estado da região Norte, a vítima tinha 49 anos , enquanto no da região Sul, ela era uma idosa de 91 anos .

De acordo com as últimas informações das secretarias estaduais de Saúde, o Brasil tem 2271 casos registrados de contaminação pelo novo coronavírus.

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Política Nacional

Covid-19: Deputado Osmar Terra volta a publicar fake news e é chamado de idiota

Publicado


source
osmar terra arrow-options
Marcos Corrêa/PR

Deputado Osmar Terra volta a publicar fake news

Após questionar a eficácia do isolamento social na Holanda , o deputado federal Osmar Terra voltou a publicar fake news em sua página oficial do Twitter neste sábado (04).

O ex-ministro do Desenvolvimento Social questionou a ‘quarentena radical’ de países como os Estados Unidos, Itália, Espanha, Irã e Alemanha, alguns dos que mais sofrem atualmente com o número de infectados e mortos.

Em sua publicação o deputado afirmou que a medida não teve resultados. “Países com maior número de casos e mortes do coronavírus, que tiveram toda sua população em quarentena radical para “achatar” a curva, NÃO ACHATARAM, é só olhar para a curva! Eles estão é chegando no pico da epidemia a que chegariam também só isolando o grupo de risco”, escreveu.

Em uma postagem seguinte, o deputado questiona as ações tomadas por Governadores em território nacional. “No Brasil, onde estamos sendo submetidos a uma quarentena radical que destrói nossa economia e empregos, eu pergunto: onde está o achatamento da curva??!! NÃO EXISTE. Com a quarentena ou não, chegaremos ao pico da epidemia antes do final de abril!”.

osmar terra arrow-options
Reprodução/ Twitter

Osmar Terra questiona o isolamento radical de países da Europa por pandemia do novo coronavírus

A publicação causou incômodo nas redes sociais, fazendo o termo ‘Osmar Trevas’ ficar entre um dos mais comentados do Twitter no Brasil.

Entre os seguidores que questionaram o deputado, o repórter do Intercept Brasil , Andrew Fisher, chamou Osmar Terra de mentiroso e idiota. “Seu idiota. Seu mentiroso. Eles estão sofrendo os efeitos dos dias em que não isolaram e as pessoas que não aderiram. Veja como a Itália está caindo. Que vergonha, Osmar Terra. Desgraça.”

Leia também: Governador de Nova York diz que subestimou a Covid-19

Na maioria dos países citados por Osmar Terra , a demora para implantar a quarentena teve reflexos no aumento de casos. Em Milão, na Itália, o governo lançou uma campanha para que a cidade não parasse e, depois de se tornar o foco da pandemia na Europa, o próprio prefeito Giuseppe Sala pediu desculpas pela ação. 

Continue lendo

Política Nacional

Zinco e Vitamina D contra Covid-19: Bolsonaro cita tratamentos sem comprovação

Publicado


source
bolsonaro arrow-options
Agência Brasil

Presidente do Brasil Jair Bolsonaro

Na manhã deste sábado (04) o presidente da República, Jair Bolsonaro, postou em sua conta oficial do Facebook que irá zerar os impostos de alguns medicamentos usados no tratamento contra a Covid-19.

Leia também: “Não tem pílula mágica”, diz representante da OMS sobre cloroquina

Entre os remédios citados por Bolsonaro  estão a hidroxicloroquina, a azitromicina, Zinco e a Vitamina D. A postagem recebeu algumas críticas por não haver registros clínicos de que medicamentos a base de Zinco ou Vitamina D são eficazes no combate ao novo coronavírus (Sars-Cov-2).

bolsonaro arrow-options
Reprodução/ Facebook

Bolsonaro fala sobre reduzir impostos de remédios contra a Covid-19

No site do Ministério da Saúde, uma publicação do dia 30 de janeiro de 2020 desmente fake news vinculada no WhatsApp sobre o uso de Vitamina D e Zinco para prevenir o vírus. A postagem diz “até o momento, não há nenhum medicamento específico ou vacina que possa prevenir a infecção pelo novo coronavírus”.

Leia também: 4 estados e DF podem entrar em ‘aceleração descontrolada’

A recomendação do uso de Vitamina D surgiu na Itália após estudos da Universidade de Turim, mas é desaconselhada por profissionais de saúde. A Vitamina D pode ser utilizada contra infecções de origem viral, mas contra a Covid-19 seu desempenho ainda é incerto.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana