conecte-se conosco


Registro Geral

Para salvar mandato, Bolsonaro frita candidatura ao Senado de Rúbia Fernandes e deve apoiar Fávaro em MT

Publicado

Lançada como candidata a senadora pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (Aliança), em março passado, tenente coronel, Rúbia Fernandes de Oliveira (Patriotas) foi “fritada” pelo próprio chefe do Alvorada

Ao recorrer a um nome totalmente desconhecido do grande público para concorrer ao cargo de senador na futura eleição suplementar, o presidente da República, Jair Bolsonaro (Aliança), decidiu voltar atrás e não deve mais apoiar a tenente coronel da PM, Rúbia Fernandes de Oliveira (Patriotas). A justificativa é simples e racional. Temendo processo de impeachment, Bolsonaro conseguiu nesta segunda-feira (18), adesão de 12 senadores do PSD no Congresso Nacional. Com isso, além de outras várias exigências, eles pediram e ganharam apoio de Bolsonaro ao senador tampão, Carlos Fávaro (PSD), candidato natural a reeleição. “Precisamos de um Brasil unido e coeso. Fizemos uma reunião virtual e tomamos uma decisão, deliberação política partidária e nenhum dos 12 senadores assina CPI ou pedido de impeachment contra o presidente (Bolsonaro)”, assegurou, Fávaro, em entrevista a Rádio Metrópole FM.

publicidade
1 comentário

1 comentário

  1. paulo roberto

    19/05/2020 - 10:32 a 10:32

    a coronel rubia dançouu….kkkkkkkk

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Registro Geral

Com retorno de dois conselheiros, Botelho deve ocupar vaga de Antônio Joaquim no TCE

Publicado

Ex-presidente do TCE, Antônio Joaquim, deve se aposentar e ceder a vaga vitalícia ao atual presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho

O presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho (DEM), estaria muito próximo de ser tornar conselheiro vitalício do Tribunal de Contas do Estado. Segundo fonte da coluna, com o provável retorno de ao menos dois juízes de contas, a exemplo do que ocorreu com o conselheiro, Valter Albano, o chefão do Legislativo seria contemplado com a vaga de Antônio Joaquim, que deve se aposentar. Já o ministro José Carlos Novelli, habilidoso, deve voltar ao cargo e conquistar a presidência da Corte, com mandato válido para o biênio 22/23.

Continue lendo

Registro Geral

Kalil agrega e avança na sucessão em VG; Flávio patina e perde tempo brigando com JC

Publicado

Ex-vereador, Kalil Baracat (MDB): nome conciliador e competitivo na disputa pela prefeitura de VG

Enquanto o ex-vereador, Kalil Baracat (MDB), corre solto na disputa pela sucessão municipal, em Várzea Grande, o nome da oposição, Flávio Vargas (PSB), muito mal orientado, perde precioso tempo de campanha trocando acusações com o senador, Jayme Campos (DEM). O resultado não poderia ser outro: Jayme, estrategicamente, puxa Vargas para baixo, permitindo o avanço de Kalil nas pesquisas de opinião. Se continuar neste diapasão, Flávio brigando com quem não é candidato (Campos não está nas urnas), Kalil, livre, sem marcação, tocará a bola com tranquilidade para marcar o gol da vitória. Simples assim!

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana