conecte-se conosco


Polícia Federal

Operação Retificatio investiga fraudes em declarações de Imposto de Renda em Santa Catarina

Publicado

Lages/SC – A Polícia Federal e a Receita Federal deflagraram hoje (26/3) a Operação Retificatio, para apurar fraudes cometidas em Declarações de Imposto de Renda de Pessoas Físicas (DIRPF), em Lages/SC. Com base em elementos apurados pela Receita Federal, a operação conjunta investiga o encaminhamento de mais de 3.000 declarações, originais e retificadoras, transmitidas por uma mesma pessoa, em nome de terceiros.

Policiais federais deram um mandado de busca e apreensão, na casa do investigado em Lages/SC, visando apreender computadores e documentos que serão submetidos à perícia. Ressalta-se que o investigado não atua no ramo da contabilidade, apesar da grande quantidade de declarações de IR que enviou.

Segundo se apurou, foram inseridas deduções fictícias, objetivando aumentar a restituição de imposto retido na fonte ou diminuir o valor do imposto a pagar. Conforme as declarações incidiam em malha fiscal, o investigado promovia sucessivas declarações retificadoras até que conseguisse burlar o sistema automatizado. Estima-se que o prejuízo causado com a prática criminosa ultrapasse o valor de R$ 3 milhões, ao longo dos últimos quatro anos.

Nos autos do inquérito policial instaurado para completa apuração dos fatos, o investigado poderá ser indiciado pela prática do crime previsto no art. Art. 304 c/c Art. 299, caput, ambos do Código Penal, cuja pena pode chegar a 5 anos de prisão.

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Polícia Federal

PF apreende R$ 1 mil em cédulas falsas em Fortaleza/CE

Publicado

Fortaleza/CE – A Polícia Federal prendeu um homem, de 26 anos, e realizou a apreensão de R$ 1 mil em cédulas falsas nesta quarta-feira (29/6), no bairro Messejana, em Fortaleza/CE. O trabalho foi desenvolvido com os Correios.

O flagrante aconteceu no momento em que o suspeito recebia encomenda contendo cédulas de R$ 100 e 50 falsas. O preso confessou o crime aos policiais, detalhando que fez negociação através de contato em aplicativo de rede social. Foi apreendido também o aparelho celular do suspeito.

O preso foi indiciado por crime de moeda falsa, conforme o artigo 289, parágrafo primeiro, do Código Penal Brasileiro, que prevê pena de reclusão de 3 a 12 anos e se encontra à disposição da Justiça Federal. As investigações continuam para análise da mídia apreendida e identificação de demais participantes do crime flagrado.

Comunicação Social da Polícia Federal no Ceará

Contato: (85) 3392-4868/99720194

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

Polícia Federal

PF extradita português por condenação em seu país

Publicado

Natal/RN. A Polícia Federal, por meio da representação regional da Interpol no Rio Grande do Norte, executou no final da noite da última terça-feira, 28/6, a extradição de um cidadão português, que havia sido preso em agosto de 2021, em Parnamirim, Região Metropolitana de Natal. A ordem judicial de extradição foi expedida pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Então foragido no Brasil, o estrangeiro foi condenado pelo juízo do Tribunal Judicial da Comarca de Braga, Portugal, a cumprir a pena de 3 anos e 2 meses de prisão pelo crime de burla qualificada, cujo delito na lei brasileira é semelhante ao estelionato.

Segundo o processo, o extraditado se passava por representante de um banco suíço para aliciar empresários e pessoas com alto poder aquisitivo no seu país e, com isso, se apropriava de elevadas quantias à custa do patrimônio alheio.

Desde a sua prisão, o português se encontrava custodiado na Cadeia Pública de Natal. Transferido para a sede da PF em Natal na noite passada, ele seguiu sob escolta até o Aeroporto Internacional em São Gonçalo do Amarante/RN, onde foi entregue aos policiais portugueses encarregados da sua condução até Lisboa.

Desde de 2021, a Polícia Federal prendeu no Rio Grande do Norte cinco estrangeiros de diferentes nacionalidades procurados pela Interpol para fins de extradição.

COMUNICAÇÃO SOCIAL DA PF NO RIO GRANDE DO NORTE – (84) 3204.5588

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana