conecte-se conosco


Polícia Federal

Operação Micélio combate comercialização e transporte ilegal de madeiras do Pará para o RN e PB

Publicado

Natal/RN – A Polícia Federal, em conjunto com a Receita Federal do Brasil e o IBAMA, deflagrou nesta quarta-feira, 15/6, a Operação Micélio, visando combater a comercialização e transporte ilegal de madeira com essência amazônica oriunda do Pará e destinada ao Rio Grande do Norte e a Paraíba.

Cerca de 67 policiais estão cumprindo 10 mandados de busca e apreensão expedidos pela 2ª Vara da Justiça Federal/RN nas cidades de Natal/RN (2), Parnamirim/RN (2) Belém/PA (1), Tomé-Açu/PA (2) e João Pessoa/PB (3).

A investigação teve início em 2019 e busca desvendar a origem da madeira comercializada e ocultada nas transações por donos de lojas que atuam nesse ramo de negócio e que supostamente agem praticando fraude e consequentemente lavagem de dinheiro.

Os fatos investigados buscam também revelar detalhes de todo esse processo ilegal de corte, transporte e aquisição da madeira com essência amazônica de origem ilícita, cujos crimes são previstos nos arts. 38, 39, 46 e 50-A da Lei de Crimes Ambientais. Ademais, a ocultação da origem da madeira ocorre através da fraude no sistema da Guia Florestal e nos documentos apresentados aos fiscais como pertinentes às cargas, fatos possivelmente incursos no arts. 299 e 304 do Código Penal Brasileiro.

O nome da operação foi inspirado no fato de que Micélio é a rede de filamentos que formam os fungos e se alojam nas raízes das árvores, sendo que o solo está cheio dessa rede que ajuda a conectar diferentes plantas.

Não haverá entrevista coletiva.

Comunicação Social a Polícia Federal no Rio Grande do Norte

Contato: (84) 3204.5588

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Polícia Federal

PF apreende R$ 1 mil em cédulas falsas em Fortaleza/CE

Publicado

Fortaleza/CE – A Polícia Federal prendeu um homem, de 26 anos, e realizou a apreensão de R$ 1 mil em cédulas falsas nesta quarta-feira (29/6), no bairro Messejana, em Fortaleza/CE. O trabalho foi desenvolvido com os Correios.

O flagrante aconteceu no momento em que o suspeito recebia encomenda contendo cédulas de R$ 100 e 50 falsas. O preso confessou o crime aos policiais, detalhando que fez negociação através de contato em aplicativo de rede social. Foi apreendido também o aparelho celular do suspeito.

O preso foi indiciado por crime de moeda falsa, conforme o artigo 289, parágrafo primeiro, do Código Penal Brasileiro, que prevê pena de reclusão de 3 a 12 anos e se encontra à disposição da Justiça Federal. As investigações continuam para análise da mídia apreendida e identificação de demais participantes do crime flagrado.

Comunicação Social da Polícia Federal no Ceará

Contato: (85) 3392-4868/99720194

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

Polícia Federal

PF extradita português por condenação em seu país

Publicado

Natal/RN. A Polícia Federal, por meio da representação regional da Interpol no Rio Grande do Norte, executou no final da noite da última terça-feira, 28/6, a extradição de um cidadão português, que havia sido preso em agosto de 2021, em Parnamirim, Região Metropolitana de Natal. A ordem judicial de extradição foi expedida pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Então foragido no Brasil, o estrangeiro foi condenado pelo juízo do Tribunal Judicial da Comarca de Braga, Portugal, a cumprir a pena de 3 anos e 2 meses de prisão pelo crime de burla qualificada, cujo delito na lei brasileira é semelhante ao estelionato.

Segundo o processo, o extraditado se passava por representante de um banco suíço para aliciar empresários e pessoas com alto poder aquisitivo no seu país e, com isso, se apropriava de elevadas quantias à custa do patrimônio alheio.

Desde a sua prisão, o português se encontrava custodiado na Cadeia Pública de Natal. Transferido para a sede da PF em Natal na noite passada, ele seguiu sob escolta até o Aeroporto Internacional em São Gonçalo do Amarante/RN, onde foi entregue aos policiais portugueses encarregados da sua condução até Lisboa.

Desde de 2021, a Polícia Federal prendeu no Rio Grande do Norte cinco estrangeiros de diferentes nacionalidades procurados pela Interpol para fins de extradição.

COMUNICAÇÃO SOCIAL DA PF NO RIO GRANDE DO NORTE – (84) 3204.5588

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana