conecte-se conosco


Policial

Operação afasta secretário e cumpre buscas em residência e gabinete do prefeito de Rondonópolis

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Mato Grosso e Ministério Público Estadual desencadearam nesta quarta-feira (25.11), em Rondonópolis, a segunda fase da Operação Stop Loss, que investiga a ocorrência de superfaturamento e outras irregularidades na aquisição de materiais de consumo, com dispensa de licitação, para o combate à pandemia da Covid -19 pela prefeitura do município.

Os mandados judiciais são cumpridos pelas equipes da Delegacia Especializada de Combate à Corrupção (Deccor) e grupo operacional do Núcleo de Ações de Competência Originária (Naco Criminal), com apoio do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco).

As novas medidas cautelares foram requeridas pelo MPE, por meio do Naco, em conjunto com a Polícia Civil, à Turma de Câmaras Criminais do Tribunal de Justiça de Mato Grosso.

O desembargador Juvenal Pereira da Silva deferiu medida cautelar de afastamento do exercício da função do secretário de Administração de Rondonópolis, Leandro Junqueira Arduini, e mandados de buscas e apreensões nos endereços residenciais do secretário e do prefeito José Carlos Junqueira de Araújo, como também nos gabinetes dos respectivos alvos, na Prefeitura Municipal.

Na primeira fase da operação ‘Stop Loss’, realizada em junho deste ano, a partir de informações do Ministério Público de Contas os investigadores detectaram o superfaturamento em itens contratados na Dispensa de Licitação nº 38/2020 destinada à aquisição de materiais de limpeza, tendo como justificativa de urgência a pandemia da Covid-19, aquisição ratificada pelo chefe do Executivo municipal.

A segunda fase demonstra o acerto na execução da primeira etapa da operação, pois com novos elementos coletados, surgiu o provável envolvimento de mais um secretário da prefeitura, havendo indicativos da formação de uma estrutura criminosa instalada no Executivo municipal.

Com a deflagração desta nova fase, os investigadores pretendem coletar novas informações e robustecer, ainda mais, os elementos informativos para que haja o esclarecimento completo dos ilícitos praticados, com a devida responsabilização dos envolvidos.

 

 

Fonte: PJC MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

Polícia Civil prende três pessoas da mesma família e apreende grande quantidade de drogas em Cuiabá

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um homens e duas mulheres de uma mesma família atuantes no tráfico de drogas em Cuiabá, foram presas pela Polícia Civil por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), no final da tarde de sexta-feira (22.01). Além das prisões, o trabalho resultou na apreensão de duas armas de fogo, dinheiro, mais de 160 porções de droga, peças de maconha, além de pacotes de shank. 
 

Os três suspeitos foram autuados em flagrante pelos crimes de posse irregular de arma de fogo de uso permitido, tráfico de drogas e associação para o tráfico, após serem abordados pelos policiais civis em uma residência no bairro Nova Esperança I.

A equipe da DRE realizava diligências quando identificaram que membros de uma família vinham praticando a venda de substâncias ilícitas, bem como integravam uma facção criminosa instalada na região. Com base nas suspeitas o local passou a ser monitorado por dias, sendo constatado grande movimentação de pessoas usuárias no endereço.

Já no final da tarde de sexta-feira (22) a equipe avistou o momento em que um rapaz de bicicleta chegou na casa investigada, entregando e pegando algo com um dos suspeitos. Ato contínuo foi feita a abordagem do rapaz na bicicleta e localizada duas porções de pasta base de cocaína. 

Em seguida os policiais civis retornaram na residência onde foi encontrado fora da casa um frasco branco contendo várias porções de pasta base de cocaína. Na ocasião, o morador tentou reagir a ação policial, negando ser o dono da droga. No local havia duas mulheres, bem como em cima da bancada foi apreendido um pote com várias porções de maconha. Em um dos cômodos também foi localizado um recipiente de madeira com mais porções de maconha e no armário da cozinha mais porções da mesma droga. 

Ao todo foram apreendidas 164 porções entre maconha e pasta base de cocaína, embaladas e prontas para a venda, além de duas balanças de precisão, munição, ácido bórico, um pacote grande de shank, cadernos de anotações sobre o tráfico, duas espingardas, vários materiais utilizados para preparar o entorpecentes e a quantia de R$ 900 em dinheiro. Ainda nas buscas pelo terreno da casa, foi encontrado um buraco e dentro foi constatado um balde contendo duas peças inteira e outra metade de maconha. 

Diante do flagrante o suspeito, sua esposa e a cunhada, foram levados para a DRE junto com todo material apreendido, onde foram interrogados e autuados pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse irregular de arma de fogo de uso permitido. Após a confecção dos autos, os conduzidos foram colocados à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Família presa por tráfico de drogas, dinheiro roubado e porte de armas

Publicado

Um homens e duas mulheres de uma mesma família atuantes no tráfico de drogas em Cuiabá, foram presas pela Polícia Civil por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE). Além das prisões, o trabalho resultou na apreensão de duas armas de fogo, dinheiro, mais de 160 porções de droga, peças de maconha, além de pacotes de shank.

Os três suspeitos foram autuados em flagrante pelos crimes de posse irregular de arma de fogo de uso permitido, tráfico de drogas e associação para o tráfico, após serem abordados pelos policiais civis em uma residência no bairro Nova Esperança I.

A equipe da DRE realizava diligências quando identificaram que membros de uma família vinham praticando a venda de substâncias ilícitas, bem como integravam uma facção criminosa instalada na região. Com base nas suspeitas o local passou a ser monitorado por dias, sendo constatado grande movimentação de pessoas usuárias no endereço.

Já no final da tarde de sexta-feira (22) a equipe avistou o momento em que um rapaz de bicicleta chegou na casa investigada, entregando e pegando algo com um dos suspeitos. Ato contínuo foi feita a abordagem do rapaz na bicicleta e localizada duas porções de pasta base de cocaína.

Em seguida os policiais civis retornaram na residência onde foi encontrado fora da casa um frasco branco contendo várias porções de pasta base de cocaína. Na ocasião, o morador tentou reagir a ação policial, negando ser o dono da droga. No local havia duas mulheres, bem como em cima da bancada foi apreendido um pote com várias porções de maconha. Em um dos cômodos também foi localizado um recipiente de madeira com mais porções de maconha e no armário da cozinha mais porções da mesma droga.

Ao todo foram apreendidas 164 porções entre maconha e pasta base de cocaína, embaladas e prontas para a venda, além de duas balanças de precisão, munição, ácido bórico, um pacote grande de shank, cadernos de anotações sobre o tráfico, duas espingardas, vários materiais utilizados para preparar o entorpecentes e a quantia de R$ 900 em dinheiro. Ainda nas buscas pelo terreno da casa, foi encontrado um buraco e dentro foi constatado um balde contendo duas peças inteira e outra metade de maconha.

Diante do flagrante o suspeito, sua esposa e a cunhada, foram levados para a DRE junto com todo material apreendido, onde foram interrogados e autuados pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse irregular de arma de fogo de uso permitido. Após a confecção dos autos, os conduzidos foram colocados à disposição da Justiça.

 

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana