conecte-se conosco


Internacional

OMS: recuperação econômica global pode ser mais rápida com vacina

Publicado


.

A recuperação econômica em todo o mundo pode vir mais rápido se uma vacina contra a covid-19 for disponibilizada a todos como um bem público, afirmou o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, nessa quinta-feira (6).

“O compartilhamento de vacinas ou o compartilhamento de outras ferramentas efetivamente ajuda o mundo a se recuperar junto. A recuperação econômica pode ser mais rápida e os danos da covid-19 podem ser menores”, disse Tedros, que participou de um painel de discussão online com membros do Fórum Aspen Security, dos Estados Unidos, moderado pela rede NBC.

“O nacionalismo com vacinas não é bom, não vai nos ajudar”, acrescentou Tedros, em alusão à disputa competitiva entre diversas nações e seus laboratórios para criar uma vacina eficaz e pedir o máximo de doses possível com antecedência.

Na segunda-feira (3), Tedros disse que o coronavírus é a maior emergência de saúde desde o início do século 20, e que a corrida internacional por uma vacina também é “sem precedentes”.

“Precisamos aproveitar este momento para nos juntarmos em unidade nacional e solidariedade global para controlar a covid-19”, afirmou ele no fórum. “Nenhum país estará seguro até todos estarmos seguros.”

O diretor de Emergências da OMS, Michael Ryan, questionado sobre a proposta da vacina russa, disse ao painel que são necessários dados de estudo para garantir que os produtos sejam seguros e eficazes.

Ryan disse também que as autoridades devem ser capazes de demonstrar a eficácia de uma vacina contra o novo coronavírus por meio de ensaios clínicos tradicionais, em vez de estudos de “desafio humano”. Ele se referiu à exposição intencional de voluntários para verificar se o produto funciona.

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, disse ontem que é possível que o país tenha uma vacina contra o novo coronavírus antes das eleições de 3 de novembro – uma previsão mais otimista do que o tempo apresentado pelos próprios especialistas em saúde da Casa Branca.

Trump acusou a OMS de se tornar um fantoche da China – onde o surto do novo coronavírus surgiu pela primeira vez no ano passado, e avisou que os Estados Unidos sairão da agência dentro de um ano.

Os EUA são o maior doador geral da OMS e contribuíram com mais de US$ 800 milhões até o fim de 2019 para o biênio 2018-19.

Tedros Adhanom, que negou que a OMS responda à China ou a qualquer outro país, disse ao painel que o principal dano da iniciativa do governo Trump, de sair da agência, não será a perda de financiamento.

“O problema não é o dinheiro, não é o financiamento, é realmente o relacionamento com os EUA. Isso é mais importante para a OMS – o vácuo, não o financeiro. E esperamos que os EUA reconsiderem sua posição”, declarou.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Internacional

Trump indica juíza católica e anti-aborto para a Suprema Corte

Publicado


source

Crusoé

eua
Olivier Douliery/Getty Images

Donald Trump anuncia sua indicada à Suprema Corte, Amy Coney Barrett, na Casa Branca


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump , indicou, neste sábado, 26, a juíza Amy Coney Barrett (foto) para ocupar a vaga de  Ruth Bader Ginsburg na Suprema Corte .


Amy foi assistente do ministro da Suprema Corte Antonin Scalia, que morreu em 2016. No ano seguinte, Trump a indicou para um tribunal de apelação em Chicago, onde ela trabalhou nos últimos três anos.

Católica praticante, Amy é contra o aborto , o que foi um dos motivos pelo qual Trump a escolheu. Nos últimos anos, Amy tem declarado que o precedente firmado pela Suprema Corte em 1973 deve ser respeitado.

Nesse ano, o tribunal analisou o caso Roe contra Wade e entendeu que o aborto é uma questão privada entre a mulher e o seu médico. Na prática, a decisão acabou liberando a prática no país.

Mas Amy entende que é possível mudar algumas decisões em relação às restrições contra clínicas que fazem abortos. “Não acho que o cerne do caso Roe contra Wade, de que as mulheres têm direito ao aborto, poderá mudar”, disse ela em um debate na Universidade de Jacksonville, em 2016. “Mas acho que a questão se as pessoas podem fazer abortos tardios ou quantas restrições podem ser impostas às clínicas, acho que isso pode mudar.”

A juíza e seu marido, Jesse Barret, têm sete filhos , incluindo dois que foram adotados do Haiti e um com síndrome de Down. Com 48 anos, ela pratica crossfit e, se for aprovada pelo Senado, será a integrante mais nova da corte.

Fonte: IG Mundo

Continue lendo

Internacional

Sem máscaras, manifestantes protestam contra isolamento em Londres

Publicado


source
1
Reprodução

Manifestantes e policiais se enfrentam


Milhares de pessoas saíram sem máscaras às ruas de Londres, neste sábado (26), para protestar contra as medidas de isolamento social impostas pelo novo coronavírus. A Polícia Metropolitana de Londres (MET) entrou em confronto com os manifestantes para tentar dispersar a multidão.


Aglomerados em uma praça, os manifestantes carregavam uma variedade de placas, bandeiras e cartazes com a frase ” Nós não consentimos “.

A MET disse, no Twitter, que os manifestantes foram convidados a se retirar e avisados ​​que qualquer pessoa que ficasse estaria sujeita a medidas coercivas . Em seguida, os policiais foram atingidos por garrafas, enquanto a multidão  gritava “escolha o seu lado” para eles.

Os agentes usaram cassetetes para conter os manifestantes, deixando alguns com ferimentos visíveis . Pelo menos três deles e um policial receberam atendimento médico.

Por fim, a polícia removeu o equipamento de som da Trafalgar Square e vários manifestantes foram levados algemados .

A Met disse que esteve em contato com os organizadores do protesto ao longo da semana para lembrá-los de suas obrigações legais e explicar que os eventos poderiam violar os regulamentos de isolamento social. A polícia acrescentou que a fiscalização “continua sendo o último recurso, mas será realizada se necessário”.

Fonte: IG Mundo

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana