conecte-se conosco


Carros e Motos

O último VW Fusca do mundo acaba de sair da linha de produção mexicana

Publicado

VW Fusca arrow-options
Divulgação

O último VW Fusca do mundo, sem deixar qualquer sucessor. Funcionários mexicanos se despedem na fábrica de Puebla

Após lançar a série Final Edition, a Volkswagen encerrou oficialmente a produção mundial do VW Fusca (agora chamado apenas de Beetle) em sua fábrica em Puebla, no México. A última unidade da segunda vida do cupê — desde o retorno em 1997 — será exibida no museu da montadora, que faz parte do complexo mexicano. As últimas 65 unidades serão vendidas no México apenas pela internet, por US$ 21 mil para o modelo básico. Eles têm ao lado esquerdo uma placa comemorativa seriada do 1 ao 65. As cores são azul metálico, preto, branco e bege.

LEIA MAIS: VW Fusca nacional faz 60 anos. Veja 5 “filhotes” do clássico carismático

Com a vaga aberta na linha de produção, o SUV médio Tarek — que também será vendido no Brasil, abaixo do Tiguan, e também será feito na Argentina em 2021 — ocupará o espaço. Além do VW Fusca , a fábrica mexicana em Puebla prepara mais uma mudança de linha. O VW Golf também deixará de ser produzido por lá, passando a ser montado somente em Wolfsburg (Alemanha). Isso é decorrente principalmente pela baixa na procura pelos hatches médios, que no Brasil acumula apenas 0,48% de participação nas vendas de 2019.

LEIA MAIS: VW Fusca será celebrado pelos seus 60 anos de produção no Brasil

A trajetória dos novos Fusca, e antes dele

Lançado em 1998, era um modelo mais despojado com a plataforma e a mecânica do Golf. Foi montado na Alemanha até 1999, quando passou a ser produzido somente no México, inclusive após mudar de geração em 2011, quando ganhou a 2ª geração do conjunto mecânico TSi e DSG da VW. Embora tenha vendido 1,2 milhão de unidades entre 1998 e 2010, o cupê começou a perder expressividade nos anos seguintes.

LEIA MAIS: VW Fusca com 530 mil km, de única dona, é restaurado de graça

Mas antes do VW Fusca do século 21, 21,5 milhões de unidades foram vendidas no mundo, entre 1938 e 2003. O modelo original, chamado Type 1, foi feito na Alemanha até 1978, após perder espaço para VW Polo e Golf. No Brasil, as 3,3 milhões de unidades comercializadas duraram até 1996, após o retorno no Governo Itamar, com início da produção em São Bernardo (SP) há 60 anos, em 1959. O México foi o último país a vendê-lo, com seu fim apenas em 2003.

Fonte: IG Carros
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Carros e Motos

Toyota revela teaser de novo SUV compacto híbrido

Publicado

source
Toyota arrow-options
Divulgação

Toyota

A Toyota revelou o teaser de seu novo SUV compacto para o mercado europeu. O modelo híbrido que compartilha sua base com o Yaris será apresentado oficialmente durante o Salão de Genebra (Suíça) e ficará posicionado abaixo do C-HR. Contra seus rivais híbridos, o novo SUV da Toyota , exclusivo para o mercado europeu, terá o diferencial da tração integral nas versões mais caras.

LEIA MAIS: Toyota confirma investimento para produzir SUV inédito no Brasil

Apesar da imagem escurecida, podemos identificar alguns detalhes. A traseira é alta e tem um pequeno spoiler que lembra bastante o Prius . O logo da Toyota aparece centralizado, com o característico contorno azulado dos modelos híbridos. As lanternas traseiras são horizontalizadas, seguindo a identidade visual de todos os carros da marca.

O novo SUV não será a única novidade da Toyota para o evento. Além dele, a marca também terá a apresentação do novo RAV4 híbrido plug-in, com motor 2.5 de aproximadamente 300 cv. De acordo com a marca, o modelo terá autonomia de 60 km apenas no modo elétrico.

LEIA MAIS: Toyota Corolla Hybrid x VW Golf GTE: comparativo eletrizante

Outra atração do Salão de Genebra será o lançamento do Mirai , o veículo movido a células de hidrogênio, em sua versão sedã. Ele terá novo motor 1.6 de três cilindros capaz de render até 257 cv de potência. Entre os esportivos, a Toyota contará com a apresentação do Yaris GR e a Hilux Dakar , ambos pela subdivisão esportiva da marca japonesa, a Gazoo Racing.

Fonte: IG Carros
Continue lendo

Carros e Motos

VW Virtus GTS chega às lojas a partir de 104.940; saiba mais

Publicado

source
VW Virtus GTS arrow-options
João Pedro

VW Virtus GTS resgata o legado de sedãs esportivos lendários, como o antigo Passat GTS

Seguindo seu intenso cronograma de lançamentos para 2020, a Volkswagen apresenta o novo Virtus GTS . O sedã esportivo chega às lojas ao longo de fevereiro a partir de R$ 104.940, como um resgate ao legado dos antigos modelos GTS que fizeram muito sucesso entre os anos 80 e 90. O pacote de som Beats inclui mais R$ 2.400, enquanto a pintura metálica sai por R$ 1.470.

LEIA MAIS: Confira preços e equipamentos do novo VW Polo GTS 2020

Tal como o Polo , o Virtus segue com motor 1.4 TSI de 150 cv de potência e 25,5 kgfm de torque, sempre com câmbio automático de seis velocidades. Trata-se do mesmo conjunto mecânico de Jetta e T-Cross. Conforme a fabricante, o novo Virtus GTS pode acelerar até 100 km/h em 8,7 segundos, com velocidade máxima na casa dos 210 km/h. 

LEIA MAIS: VW Polo GTS é um resgate nostálgico; veja impressões ao volante

VW Virtus GTS arrow-options
João Pedro

Detalhe para o pequeno spoiler pintado de preto na tampa do porta-malas do VW Virtus GTS

Por fora, podemos destacar as rodas aro 17 com acabamento diamantado, a linha vermelha que corta a grade frontal (característica marcante do antigo Golf GTI) e as acentuações em LED nos faróis. Na parte inferior do para-choque, há acabamento no padrão “colméia”.

LEIA MAIS: VW Nivus: SUV abaixo do T-Cross é visto camuflado

A Volkswagen encheu a nova linha GTS com acabamentos avermelhados, tanto nas molduras quanto nas costuras do volante. Os bancos esportivos do tipo concha têm apoio de cabeça integrado, seguindo o exemplo de modelos de performance. A central multimídia é a mesma do T-Cross, contando com mostradores com informações de força G, pressão da turbina e velocímetro. Para ter som Beats, um pouco mais caprichado que o que vem de série, são R$ 2.400 extras. E pela printura metálica, mais R$ 1.400.

Fonte: IG Carros
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana