conecte-se conosco


Agro News

O Boletim do Suíno de dezembro está disponível em nosso site!

Publicado


Cepea, 12/01/2021 – Nesta edição, confira: 

Mercado em dezembro
A pandemia de covid-19 trouxe para a suinocultura brasileira um cenário de incertezas e de muitos desafios em 2020. Depois de caírem com força entre março e abril, quando as recomendações de distanciamento social e decretos municipais e estaduais impactaram significativamente a demanda por produtos suinícolas, os valores tanto do suíno vivo quanto da carne iniciaram um movimento de recuperação em todas as praças acompanhadas pelo Cepea, atingindo recordes reais em setembro, impulsionados principalmente pelas exportações, pelo auxílio emergencial do governo federal e a gradativa retomada das atividades econômicas. Contudo, a recuperação dos preços foi interrompida em dezembro, mês que foi marcado por quedas nas cotações. Leia mais.

Preços e exportações

Ao longo de 2020, os embarques de carne suína permaneceram elevados, atingindo volumes recordes. Em dezembro, especificamente, a quantidade embarcada recuou, sendo a menor em oito meses, mas, ainda assim, foi a mais elevada para o mês. De acordo com dados da Secex compilados pelo Cepea, foram exportadas 81,3 mil toneladas de carne suína em dezembro, queda de 6% na comparação com novembro, mas 8,7% acima do volume de dezembro de 2019. Esse recuo mensal esteve atrelado aos menores envios a Hong Kong e ao Vietnã, importantes destinos da proteína brasileira. De novembro a dezembro, as exportações a Hong Kong recuaram 18,9%, somando 10,25 mil toneladas no último mês. Ao Vietnã, foram embarcadas 1,15 mil toneladas, forte queda mensal de 49,7%.Leia mais. 

Relação de troca e insumos
No mês de dezembro, a desvalorização do suíno no mercado interno foi mais intensa do que a observada para os principais insumos consumidos na atividade, milho e farelo de soja. Com isso, o poder de compra dos suinocultores frente a esses produtos recuou, chegando, inclusive, ao menor patamar dos seis meses anteriores. Leia mais.

Carnes concorrentes
O atípico movimento de diminuição das vendas internas de carne suína – e de consequente queda no preço do animal vivo, principalmente na primeira quinzena de dezembro – fez o valor médio da proteína cair fortemente no último mês do ano. Assim, as altas mensais, que vinham sendo observadas desde abril/20, foram interrompidas, o que, por sua vez, elevou a competividade da proteína suína frente às concorrentes (bovina e de frango). Leia mais.

Fonte: CEPEA

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agro News

Presidente da Aprosoja recebe visita de magistrados

Publicado


Fortalecimento Institucional

Presidente da Aprosoja recebe visita de magistrados

O encontro se deu para estreitar e fortalecer o relacionamento entre as instituições

15/01/2021

O presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT), Fernando Cadore, e o diretor executivo, Wellington Andrade, receberam na tarde de ontem (14.01), a visita institucional do presidente da Associação Mato-grossense de Magistrados (Amam), Tiago Abreu, e do conselheiro Leonardo de Campos Pitaluga. Em pauta foram discutidos a difusão de aprendizagem e o conhecimento do agronegócio para a classe da magistratura no Estado.

O encontro se deu para estreitar e fortalecer o relacionamento entre as instituições. “É importante estarmos debatendo esses temas, principalmente no que diz respeito ao avanço para o conhecimento do agro junto a magistratura. Estamos de portas abertas para dialogar com qualquer instituição. Nossa gestão vai atender o produtor rural e apresentar suas demandas ao judiciário”, pontou Cadore.

Fonte: Ascom

Assessoria de Comunicação

Contatos: Telefone: 65 3644-4215 Email: [email protected]

Fonte: APROSOJA

Continue lendo

Agro News

CITROS/CEPEA: Colheita de tahiti ganha força em SP

Publicado


Cepea, 15/01/2021 – A colheita de lima ácida tahiti está ganhando força no estado de São Paulo. De acordo com produtores consultados pelo Cepea, a disponibilidade da lima vem aumentando desde meados de dezembro/20, e o pico de safra deve ser atingido na segunda quinzena de janeiro. Ainda assim, com o clima desfavorável no segundo semestre de 2020 – período de desenvolvimento das floradas –, a produção durante o pico de safra deve ser menos expressiva do que a da temporada passada e a oferta, controlada. Diante disso, os preços registram sustentação neste começo de ano. Na parcial de janeiro (até o dia 14), a variedade é comercializada à média de R$ 16,03/cx de 27 kg, colhida, 21,1% acima da registrada no mesmo mês de 2020. Fonte: www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: CEPEA

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana