conecte-se conosco


Carros e Motos

Novas imagens do interior do SUV Nissan Magnite são reveladas

Publicado


source
Nissan Magnite
Divulgação

Nissan Magnite mostra semelhanças com modelos da Renault, mas suas linhas esportivas ajudam no seu apelo

Pouco a pouco, a Nissan vai revelando mais detalhes sobre o novo SUV Magnite, que virá para competir abaixo do Kicks. De acordo com a marca japonesa, o carro das imagens é um conceito com linhas muito próximas da versão de produção, que estreia até o final do primeiro trimestre do ano que vem. E, agora, a Nissan revela o seu interior.

É possível notar que o painel do carro terá várias texturas diferentes, com materiais que imitam alumínio escovado para conferir mais sofisticação. Já o console central e a porção mais inferior do painel se assemelham ao Renault Triber, minivan que usa uma variante alongada da plataforma do Kwid e que servirá de base também para o Nissan Magnite . Outros elementos marcantes da cabine exibida na projeção são a grande tela da central multimídia com 8 polegadas.

Entre os equipamentos que podem ser vistos nas imagens, estão ar-condicionado automático, chave presencial com partida por botão, espelhos externos com regulagem elétrica e saídas de ar-condicionado para o banco traseiro. A Nissan também já afirmou que o Magnite poderá ser equipado ainda com câmeras de visão 360 graus e piloto automático.

Com menos de quatro metros de comprimento, o SUV da Nissan tem porte próximo ao dos hatches compactos vendidos aqui no Brasil e será fabricado sobre a base CMF-A+, uma variação da plataforma do Renault Kwid que já está em uso na Índia na minivan Renault Triber.

O Magnite terá um visual distinto do Kicks e de outros SUVs da Nissan. Na dianteira, os destaques vão para a grade frontal no estilo da peça utilizada no compacto Datsun Go e para as luzes diurnas em LED no para-choque. Já a traseira do SUV compacto tem linhas mais convencionais e traz suporte para placa no para-choque.

O conjunto mecânico do Nissan Magnite não foi divulgado, mas a imprensa indiana acredita que o Magnite deverá contar com um motor 1.0 de três cilindros de 72 cv (o mesmo usado no Renault Kwid ) e também um inédito 1.0 turbo de 95 cv. O que faria sentido ao projeto, quando se pensa na sua proposta, seria um câmbio automático CVT para trabalhar em conjunto na sua mecânica.

Fonte: IG CARROS

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carros e Motos

Triumph Trident está em fase final de testes na Inglaterra

Publicado


source
Triumph Trident
Divulgação

Triumph Trident ainda com camuflagem, novo modelo está prestes a ser lançado na Europa. No Brasil, ainda é dúvida


Revelada como um conceito em agosto, a nova naked Triumph Trident se aproxima da fase final dos testes de desenvolvimento em Hinckley (Reino Unido), onde fica a sede da marca britânica. Esta é a última antes da apresentação oficial do modelo, que deve chegar ao mercado europeu no segundo trimestre de 2021.




Nas novas fotos divulgadas pela Triumph, a nova Trident aparece em um esquema de pintura camufladoe passa pelos últimos acertos antes do início da produção. Esta etapa marca o final de um ciclo de desenvolvimento de produto que levou quatro anos para ser concluído.

É possível nas notar ainda que o motor do novo modelo deverá ser o mesmo tricilíndrico de 765 cc usado na  Triumph Street Triple, que na versão RS desenvolve 123 cv.

A Trident vai ficar posicionada como opção de entrada da linha de motos de três cilindros da marca. De acordo com a empresa britânica, a data do lançamento da Trident deverá ser revelada nas próximas semanas.


Ainda não há confirmação para a chegada da Triumph Trident no Brasil. Se vier para cá, irá competir na mesma faixa de mercado de modelos como a Honda CB 650R (R$ 40.990) e Yamaha MT-07 (a partir de R$ 38.990).

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Carros e Motos

Buggy elétrico brasileiro eiON está próximo de entrar em produção

Publicado


source
Buggy elétrico eiON
Divulgação

Buggy elétrico eiON projetado e desenvolvido no Brasil será o primeiro modelo do gênero no País com plataforma própria


O primeiro buggy elétrico brasileiro está prestes a entrar em produção comercial. De acordo com a startup curitibana eiON, fundada em 2018 e que desenvolveu o modelo de mesmo nome, a empresa está finalizando a estruturação para a produção do veículo em escala comercial.



Apesar de o buggy eiON  ter sido projetado inicialmente para atender resorts e o ecoturismo, ele foi projetado para ser usado também em vias públicas. Com 3,35 m de comprimento e 1,795 m de largura e entre-eixos de 2,01 m, o iON é montado sobre uma plataforma própria e será capaz de levar até cinco ocupantes.

De acordo com o site do fabricante , serão três versões (Econômica, Padrão e Luxo), que vão se diferenciar principalmente pelos pacotes de bateria que garantem uma autonomia de cerca de 150, 250 e 500 km, respectivamente. Ainda segundo a eiON, apenas as células de íons de lítio usadas nas baterias não são de produção nacional.

Além de uma parceria com a fabricante catarinense de motores elétricos WEG, a eiON anunciou recentemente um acordo com a gaúcha FuelTech, empresa especialista no desenvolvimento de equipamentos eletrônicos para carros e que se tornou parceira da startup para o desenvolvimento de kits de conversão de modelos a combustão em elétricos.

Recentemente, o buggy eiON foi selecionado entre as dez finalistas do 1º Desafio Brasileiro de Inovação em Turismo, que irá garantir para o vencedor uma viagem para Madri (Espanha) para um programa de treinamento.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana