conecte-se conosco


Cuiabá

Nova diretoria do COMSEA se prepara para gestão do biênio 2021/2023 com curso de capacitação nesta terça-feira (3)

Publicado

A nova diretoria do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional – COMSEA- biênio 2021/2023 participa na terça-feira (03), de curso de formação sobre o funcionamento do Conselho e as atribuições para o qual foram nomeados, a fim de ofertar serviços de qualidade e excelência à população cuiabana. A diretoria foi empossada no início do mês de março. O evento será no auditoria da Secretaria Municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, as 14 horas.

A formação será ministrada pela Dra Cassyra Vuolo, Doutora em Ciências Jurídicas e Sociais, com larga experiência em formação de conselhos e ações de controle social. “A capacitação tem como objetivo contribuir com a formação dos conselheiros para esclarecer suas funções como agentes de cidadania e como representantes em um Conselho que atua na defesa da política pública de Segurança Alimentar e Nutricional, que é de fundamental importância para a garantia de direitos”, explicou a presidente do COMSEA, e cientista de alimentos, Luciana Kimie Savay da Silva.

Para maior interação entre os participantes além de principalmente informar sobre as metas e missão do Comsea no âmbito municipal, os novos conselheiros participaram de uma reunião ordinária presencial na última semana, com intuito de informar os membros sobre os trabalhos, visto que, houve uma considerável renovação dos membros nesta nova gestão. A nova diretoria, explicou aos conselheiros o que é e como funciona a organização do COMSEA, apresentou um pouco das atividades desenvolvidas no ano passado (2021) e ainda falou das expectativas e possíveis ações para o próximo biênio. A reunião ocorreu na sede da Secretaria Municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência.

Um dos principais focos desta nova gestão será o levantamento dos Indicadores de Insegurança Alimentar (ISA) do município de Cuiabá, fortalecimento de parcerias com outras secretarias, Instituições públicas e privadas que tenham o mesmo desejo de promover a Segurança Alimentar e Nutricional, assim como, promover a capacitação dos conselheiros para desenvolvimento de ações efetivas que visem a melhora dos índices de Segurança Alimentar e Nutricional no Município. “Os conselheiros presentes na reunião mostraram-se entusiasmados e comprometidos com o propósito do COMSEA.Isso nos deixa feliz e com muitas expectativas para um perfeito mandato”, assegurou a presidente.

Sobre a nova gestão do COMSEA:

Os novos membros do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional – COMSEA tomaram posse no início do mês de março para o biênio 2021/2023. O ato da posse foi realizado pela Prefeitura de Cuiabá por meio da Secretaria de assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência. O Conselho em Cuiabá é um órgão com caráter consultivo, deliberativo e fiscalizador, com a participação de representantes do Governo Municipal e da Sociedade Civil, com vistas à formulação de diretrizes para as políticas e ações da área da segurança alimentar.

“Essa é uma gestão diferenciada. Sabemos da importância da participação social. Em todos os processos estão incluídos representantes dos conselhos para construção de uma política que realmente vai atender a população”, disse a secretária municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, Hellen Ferreira.

Inovação é a palavra chave dessa nova diretoria que pretende conduzir as atividades com maior integração entre as entidades representadas pelos conselheiros e outros setores governamentais e da sociedade. “Nesse quesito, inclui-se maior interação entre as secretarias para uma política pública mais efetiva, afim de impedir o avanço da insegurança alimentar no Município, agravada com a pandemia”, declarou a presidente do COMSEA, e cientista de alimentos, Luciana Kimie Savay da Silva. Além disso, pontuou a presidente, iremos propor uma parceria junto a Universidade Federal de Mato Grosso – UFMT e o Conselho Regional de Química (CRQ-XVI-Região) para oferta de treinamentos e capacitação para conselheiros, direcionamento de projetos de pesquisa e extensão para viabilizar o plano de ação a ser elaborado pela nova gestão.

O Conselho é composto por 19 (dezenove) membros titulares, os quais terão seus respectivos suplentes, sendo 07 (sete) representantes do Governo Municipal e 12 (doze) representantes da sociedade civil que devem ter efetiva atuação no Município de Cuiabá e desenvolver ações em pelo menos uma das seguintes áreas: alimentação, nutrição, educação e organização popular de saúde coletiva. A nova diretoria é formada pela presidente Luciana Kimie Savay da Silva, representante do Conselho Regional de Química (CRQ), pelo vice presidente Reginaldo Fonseca Lemos, representante da Secretaria Municipal de Agricultura Trabalho e Desenvolvimento (SMATED) e pela secretária executiva Lena Magalhães da Silva, representante da Secretaria Municipal de Assistência Social, Desenvolvimento Humano e da Pessoa com Deficiência (SADHPD).

“O Conselho tem entre suas finalidades e competências formular e encaminhar propostas junto à Prefeitura, bem como assessorar e acompanhar a implementação de políticas de interesse das pessoas com deficiência promovendo atividades que contribuam para a efetiva integração cultural, econômica, social e política desse público, garantindo a representação destas pessoas em conselhos municipais, nas áreas da saúde, habitação, transporte, educação e outras”, acrescentou a secretária.

Composição dos membros titulares e suplentes do Conselho Municipal de Segurança Alimentar – COMSEA, para biênio 2021/2023:

I. Representantes governamentais:

a. Pela Secretaria Municipal de Agricultura Trabalho e Desenvolvimento – SMATED:

i. Titular: Reginaldo Fonseca Lemos

ii. Suplente: Eduardo Júlio Ribeiro de Oliveira

b. Pela Procuradoria Geral do Município de Cuiabá – PGM:

i. Titular: Lucia Valderez Cuiabano Pestre Vidal da Fonseca

ii. Suplente: Antônio Francisco Monteiro da Silva

c. Pela Secretaria Municipal de Saúde – SMS:

i. Titular: Izabelle Essashika Nunez Villar

ii. Suplente: Maristela Fátima Reginato

d. Pela Secretaria Municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência – SADHPD:

i. Titular: Edjane Araújo da Silva

ii. Suplente: Tomázia Catarina de Amorim Oliveira

e. Pela Secretaria Municipal de Educação – SME:

i. Titular: Deborah Milane Pavão

ii. Suplente: Thaiza do Espírito Santo Moshage

f. Pela Secretaria Municipal de Planejamento – SMP:

i. Titular: Cintia Suszek da Silva

ii. Suplente: Fernanda de Kassia Silva e Souza

g. Pela Secretaria Municipal de Habitação e Regularização Fundiária – SMHARF:

i. Titular: Evelyn Cristina Aquino de Souza

ii. Suplente: Graziele Cristina de Barros Rondon

II. Representantes não-governamentais:

a. Pelo Centro Nacional de Cidadania Negra de Mato Grosso – CENEG:

i. Titular: Cassio da Silva Martins

b. Pelo Conselho Regional de Nutrição – CRN

i. Titular: Claudia Maria Ourives Figueiredo de Souza

ii. Suplente: Ana Cassia Lira de Amorim

c. Pelo Sindicato dos Profissionais de Química de Mato Grosso – SINPROQUIM:

i. Titular: Gabriel Correia Alves

d. Pelo Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público – SINTEP:

i. Titular: João Custódio da Silva

e. Pelo Conselho Regional de Química do Estado de Mato Grosso – CRQ:

i. Titular: Luciana Kimie Savay da Silva

f. Pela Sociedade Beneficente Evangélica – SBE:

i. Titular: Daniel Antônio de Oliveira Carneiro

g. Pela Federação de Umbanda e Candomblé do Estado de Mato Grosso – FEUCIMAT:

i. Titular: Edson Mauro Maia da Veiga

h. Pelo Grupo de Idosos “Coração de Mãe”:

i. Maria Estrela Teixeira Simões

Fonte: link

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cuiabá

Conferência Municipal Sobre o Modal de Transporte inicia nesta quinta-feira (7) e possibilita debate técnico

Publicado

“Começa nesta quinta-feira, dia 7 de julho, uma iniciativa de alto nível, com representantes de instituições sérias e de reconhecimento nacional. O espaço será utilizado para apresentar as vantagens e desvantagens entre os dois modais de transporte para a nossa capital e a cidade vizinha, Várzea Grande. São mais de 215 mil pessoas que utilizam o sistema público de transporte todos os dias e, necessariamente, as discussões precisam passar por quem aqui vive. Não podem ser alijadas do processo. O nível que essa discussão alcançou transcende a possibilidade do Governo do Estado ou do Município tomar essa decisão de forma isolada”. A afirmação é do prefeito Emanuel Pinheiro  sobre a  Conferência Municipal Sobre o Modal de Transporte Público (VLT X BRT). A abertura do evento está programada para às 8h30, no auditório da Associação Matogrossense dos Municípios (AMM).

Pinheiro destacou que o encontro  irá possibilitar saber a real eficácia dos modais e que a participação popular está garantida. Após cada apresentação de convidados, será aberto o espaço para indagações. 

A iniciativa reunirá a Prefeitura de Cuiabá, Assembleia Legislativa de Mato Grosso, Prefeitura Municipal de Várzea Grande, Câmaras Municipais de Cuiabá e Várzea Grande, Federação do Comércio de Bens e Serviços, Associação Latino Americana de Ferrovias, Associação Brasileira de Indústria Ferroviária (Abifer), Universidade Federal de Mato Grosso, Conselho Regional de Arquitetura, além da sociedade civil organizada, entre outros convidados. Ao longo do dia serão mais de oito horas de discussões.

Confira a programação: 

Data: 07/07/2022  

Horário:  Período Matutino: 8h às 12h 

Período Vespertino: 14h às 18h 

O evento será dividido em duas partes: política e técnica 

8h30 – Início – composição da mesa de autoridades – breve relato sobre a situação do VLT e do BRT – o que se propõe a conferência.

Boas-vindas – Emanuel Pinheiro

1.     Poder Executivo de Cuiabá, representante Prefeito Emanuel Pinheiro.

9h – 9h20

2.     Poder Executivo de Várzea Grande, representante do prefeito Kalil Baracat –  Enodes Soares Ferreira – assessor técnico

9h20 – 9h40

3.     Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso, representante dep. Eduardo Botelho;

9h40 – 10h

4.     Câmara Municipal de Cuiabá, representante Presidente Juca do Guaraná;

10h – 10h20

Coffebreak – 10h20 – 10h40

5.     Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de MT (CREA); André Schuring

10h40 – 11h

6.     Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso – Fecomércio; representante José Wenceslau de Souza Júnior;

11h – 11h20

7.     Federação Mato-grossense das Associações de Moradores de Bairros (Femab), representante Walter Arruda;

11h20 – 11h40

Almoço – 12h – 14h

Tarde (14h) – Técnica – tempo: 20 min + 10min

14h – Retomada – Painéis técnicos

1.     Ex-secretário da Secretária Nacional de Mobilidade e Serviços Urbanos / secretário geral da Associação Latino-Americana de Ferrovias (ALAF), representante Jean Pejo;

14h – 14h30

Abrir para perguntas – 10min

2.     Secretário Municipal de Mobilidade Urbana – SEMOB/MT, representante Juares Samaniego;

14h40 – 15h10

Abrir para perguntas – 10min

Coffebreak – 15h20 – 15h40

3.     Presidente da Associação Brasileira da Indústria Ferroviária (Abifer), representante Vicente Abate;

15h40 – 16h10

Abrir para perguntas – 10min

4.     Diretor de Implantação e Planejamento – VLT Rio de Janeiro, representante José Picolli Neto – ONLINE

16h20 – 16h50

Abrir para perguntas – 10min

5.      Vice-presidente do Sindicato Interestadual da Indústria de Materiais e Equipamentos Ferroviários e Rodoviários (Simefre) – representante Mássimo Giavina – ONLINE

17h – 17h30

Abrir para perguntas – 10 min

17h40 – Encerramento

Convidados:

1.     CREA- Conselho Regional de Engenharia e Agronomia; representante Juarez Samaniego;

2.     CAU- Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Mato Grosso, representante André Nor

3.     UFMT- Universidade Federal de Mato Grosso; representante Professor Evandro Aparecido Soares da Silva

4.     IFMT, Instituto Federal de Mato Grosso, representante Diretor Júlio César Santos

5.     FIEMT – Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso, representante – Gustavo Pinto Coelho de Oliveira

6.     SINDUSCON – Sindicato das Indústrias da Construção do Estado de Mato Grosso

 7.     CDL – Câmara de Dirigentes Logistas, representante Nelson Soares

 8.     FECOMÉRCIO- Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso; representante José Wenceslau de Souza Júnior

 9.      UCAMB, – União das Associações de Moradores dos Bairros de Cuiabá (Ucamb) representante Édio Martins

 10.    FEMAB, Federação Mato-grossense de Associações de Moradores de Bairros, representante Walter Arruda;

 11.   OAB – Ordem dos Advogados do Brasil, representante Gisela Cardoso;

  12.  UNIVAG – Universidade de Várzea Grande, representante Professor Doutor Drauzio Antônio Medeiros

 13. UNIC – Universidade de Cuiabá, representante Maria Angélica Motta da Silva Ester

14.   MPE – Ministério Público Estadual, representante Procurador Geral de Justiça José Antônio Borges Pereira;

15.  MPF – Ministério Público Federal, representante Antônio Augusto Brandão de Aras

16.   CRECI – MT, Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Mato Grosso (CRECI/MT) professor Benedito Odário 

17.  ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DE CUIABÁ – ACC, representante Jonas Alves

Fonte: Prefeitura de Cuiabá MT

Continue lendo

Cuiabá

Emanuel lembra indicação feita como vereador e destaca virada de página com a implantação da coleta seletiva

Publicado

O prefeito Emanuel Pinheiro classificou a entrega de quatro caminhões para coleta seletiva como uma virada de página na política de serviços urbanos da Capital. Nesta quarta-feira (06), por meio da Empresa Cuiabana de Zeladoria e Serviços Urbanos (Limpurb), a Prefeitura de Cuiabá deu início ao planejamento de implantação da atividade no município. O plano está dividido em três fases e é executado em parceria com cooperativas de reciclagem.

“Estamos virando a página da política de serviços urbanos na nossa capital. O desenvolvimento sustentável é uma marca da nossa gestão. E essa entrega desses quatro caminhões é um divisor de águas e vai dar ainda mais condições para a realização de uma atividade fundamental nesse processo que implantamos na Prefeitura. Estamos fortalecendo a transformação e o avanço na destinação final dos nossos resíduos sólidos”, disse Emanuel.

O chefe do Executivo também destacou que o trabalho de coleta seletiva já é uma realidade em grandes cidades do Brasil e do mundo e, dessa forma, Cuiabá não poderia ficar fora dessa lista. Ele lembrou ainda que em seu primeiro mandato como vereador pela Capital foi responsável por apresentar uma indicação para implantação do serviço, entendendo já na época a importância da iniciativa para a cidade.

“Fui até Curitiba conhecer quais eram os grandes lançamentos para o meio ambiente e a coleta seletiva era o ponto alto. Na época, apresentei uma indicação pedindo para que Cuiabá começasse a ter esse trabalho também. Passaram-se 32 anos e agora, como prefeito da minha cidade natal, estamos consolidando essa missão. Uma atividade que o meio ambiente agradece e a qualidade de vida da população também”, completou.

O diretor-geral da Limpurb, Júnior Leite, enfatizou que a aplicação da política de sustentabilidade nas ações desenvolvidas pelo Município é uma marca da gestão do prefeito Emanuel Pinheiro, que desde o primeiro mandato tem incentivado essa prática. Para o diretor-geral, a entrega dos quatros caminhões fortalece o trabalho das cooperativas e possibilita que Cuiabá continue avançando no processo de modernização.

“Esses quatro caminhões possuem equipes qualificadas para fazer o recolhimento dos resíduos e potencializar o trabalho das cooperativas. Esse é o início efetivo e organizado da coleta seletiva. O avanço na sustentabilidade é um compromisso que o prefeito assumiu com a cidade. Em todas as reuniões com os secretários, ele enfatiza que a sustentabilidade faz parte da cartilha do plano de governo e nós estamos seguindo essa orientação”, contou Júnior Leite.

Também participaram do ato simbólico o vice-prefeito e secretário de Obras Públicas José Roberto Stopa, representantes das cooperativas de catadores de recicláveis Coopemar, CooperUnião, Acamarc e Corepan.

AS TRÊS FASES

A primeira fase de implantação da coleta seletiva passa a valer já a partir do lançamento feito pelo prefeito Emanuel Pinheiro nesta quarta-feira (06). Nesta etapa, a Limpurb disponibiliza quatro caminhões e novas equipes para fortalecer a atuação nas rotas que são atendidas pelas cooperativas. Atualmente, o serviço alcança condomínios, empresas privadas e comunidades pontuais da cidade.

A segunda fase desse programa começará no mês de agosto e prevê a criação de 12 ecopontos, que servirão como mais uma opção à população para descarte correto de lixo. As estruturas serão criadas pelo Município, administradas em parceria com as cooperativas, e divididas em seis regiões, contemplando o perímetro urbano e também a zona rural.

Segundo o planejamento montado pela Limpurb, a terceira fase deve ser colocada em prática ainda neste ano. Esse último estágio, consiste na implantação gradativa da coleta seletiva domiciliar, incluindo de forma coordenada todos os bairros da cidade que já são atendidos pela coleta convencional de lixo.

Fonte: Prefeitura de Cuiabá MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana