conecte-se conosco


Mato Grosso

Nota MT beneficia 146 entidades filantrópicas de 53 municípios

Publicado


O Programa Nota MT, coordenado pela Secretaria de Estado de Fazenda, beneficiou no sorteio mensal de setembro mais 146 entidades filantrópicas de 53 municípios. Elas foram indicadas pelos 1.005 consumidores sorteados e, juntas, vão receber R$ 110 mil. O valor corresponde a 20% dos prêmios de R$ 10 mil e R$ 550 distribuídos nesta quinta-feira (14.10).

Os sorteados com os cinco prêmios de R$ 10 mil indicaram as seguintes instituições sociais: Associação de Amigos da Criança com Câncer de Mato Grosso, de Cuiabá, que foi escolhida por duas pessoas; Rede Feminina de Combate ao Câncer de Mato Grosso, de Cuiabá; Associação de Paes e Amigos dos Excepcionais de Cuiabá – APAE; e Associação Protetora dos Animais do Município de Sinop.

Dos 1.005 consumidores contemplados, 182 indicaram a Associação de Amigos da Criança com Câncer de Mato Grosso (AACC) e 90 escolheram o Hospital de Câncer de Mato Grosso. Com isso, essas entidades vão receber R$ 22 mil e R$ 9 mil, respectivamente.

Além dessas instituições filantrópicas, a Associação Protetora dos Animais do Município de Sinop foi outra entidade escolhida pelos sorteados, com 21 indicações, e será beneficiada com R$ 4 mil. A APAE de Sorriso e a Rede Feminina de Combate ao Câncer também se destacam pela quantidade de indicações e vão receber valores de R$ 3.100 e R$ 3.600.

É importante ressaltar que o os recursos oriundos das indicações dos contribuintes sorteados no Nota MT têm ajudado essas entidades a custearem despesas importantes para a manutenção das suas atividades. Isso porque essas instituições não possuem fins lucrativos e se mantém por meio de doações e arrecadações provenientes de eventos, que foram reduzidos devido a pandemia do novo coronavírus – Covid-19.

Desde o lançamento do Nota MT, em 2019, já foram repassados às entidades sociais o montante de R$ 3.108.000,00. Para participar do Programa e ser indicada pelo consumidor a instituição deve estar cadastrada junto à Secretaria de Assistência Social e Cidadania (Setasc). Esse cadastro também permite acesso a outros projetos, programas do governo, doação de produtos, entre outros.

Doe Sua Nota

Além dos 20% referentes aos prêmios sorteados, as entidades sociais contam com uma nova forma de receber recursos provenientes do Nota MT. Com o Doe Sua Nota, o cidadão pode doar as notas fiscais (NFC-e) das suas compras para aquelas instituições cadastradas no Programa Nota MT, desde que o documento fiscal não tenha a informação do CPF do consumidor e seja de valor inferior a R$ 1.000.

O Doe Sua Nota foi disponibilizado no início do mês de outubro e cada nota fiscal doada vai gerar pontos para as entidades que serão convertidos em valores em dinheiro. Ao todo, serão distribuídos R$ 2 milhões por ano.

As notas fiscais poderão ser doadas de duas formas: eletronicamente no aplicativo ou site do Nota MT, ou pessoalmente em urnas que serão disponibilizadas nos estabelecimentos comerciais. Cada entidade será responsável pelos pontos de coleta, assim como por computar os documentos fiscais doados.

Fonte: GOV MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Seduc divulga vencedores do concurso cultural Leituras da Minha Terra

Publicado


A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) divulgou, nesta segunda-feira (06.12), a lista dos vencedores do concurso cultural “Leituras da Minha Terra”, realizado em parceria com a Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) que disponibilizou exemplares de obras literárias aos estudantes da rede estadual de ensino.

O Concurso Leituras da Minha Terra tem por objetivo divulgar e valorizar a literatura mato-grossense, bem como incentivar a produção cultural dos alunos. Os alunos apresentaram projetos nas categorias Conto, História em Quadrinhos e Vídeo.

Foram mais de 4,5 mil votos na escolha dos três melhores trabalhos nas categorias conto, história em quadrinhos e vídeo. Os finalistas e seus respectivos professores ganharão um smartphone.

Um total de 168 trabalhos foi aceito, de escolas de 36 municípios, para concorrer ao título de ‘melhores produções culturais’. E assim, como a riqueza cultural e pluralidade literária, o resultado final do concurso revelou o talento de estudantes de diferentes regiões de Mato Grosso. A entrega da premiação está prevista para o início do ano letivo de 2022.

Confira abaixo a lista dos vencedores por categoria:

CONTOS

1° LUGAR           

CONTO: O TEMPO E O SEU TEMPO, ESTUDANTE: KAUANA LOUISE MAZIERO DIELL, ORIENTADOR (A):  MARIA SOCORRO, ESCOLA: E.E WILSON DE ALMEIDA – NOVA OLÍMPIA. TOTAL DE VOTOS: 90.

2° LUGAR

CONTO: UM FUTURO TEDIOSO, ESTUDANTE: THIAGO MORAIS DA CONCEIÇÃO, ORIENTADOR (A) ELIANE BRITO, ESCOLA: E. E. ANDRÉ ANTÔNIO MAGGI – IPIRANGA DO NORTE. TOTAL DE VOTOS: 88.

3° LUGAR

CONTO: O ÚLTIMO AMOR, ESTUDANTE: KATIELY ALVES JUSTINO, ORIENTADOR (A) CLAUDEMIR FERREIRA DE CARVALHO, ESCOLA: EE LUDOVICO DA RIVA NETO – ALTA FLORESTA. TOTAL DE VOTOS: 86.

QUADRINHOS

1° LUGAR

QUADRINHO: PEDRO DOBEMFAZPARTE EM – DEUS E SUAS DORES, ESTUDANTE: GULILHERME DE SOUSA BEZERRA, ORIENTADOR (A) JANICE DESTACIO, ESCOLA: ESCOLA ESTADUAL PADRE TIAGO – MIRASSOL D’OESTE. TOTAL DE VOTOS: 55.

2° LUGAR

QUADRINHO: PICOLEZEIRO, ESTUDANTE: IGOR FERREIRA COSTA, ORIENTADOR (A) RENATA DE MELO SOUZA, ESCOLA: ESCOLA ESTADUAL NILZA DE OLIVEIRA PIPINO – SINOP. TOTAL DE VOTOS: 46.

3° LUGAR

QUADRINHO: UM AMOR NÃO CORRESPONDIDO, ESTUDANTE: KETHINEY CRISTINA BRENTANO LIMA, ORIENTADOR (A) ALINE, ESCOLA: E.E TANCREDO NEVES – NOVA NAZARÉ. TOTAL DE VOTOS: 42.

VÍDEOS

1° LUGAR

VÍDEO: DITINHO E O PEIXE, ESTUDANTE: ISADORA JOVANA DE SOUZA POLIDORIO, ORIENTADOR (A) ANTONIO MARLON DE LIMA FERREIRA, ESCOLA: E. E CORONEL ANTÔNIO PAES DE BARROS – COLÍDER, TOTAL DE VOTOS: 372.

2° LUGAR

VÍDEO: SIRIRI EM VÁRZEA GRANDE, ESTUDANTE: MARCOS GUILHERME GODOY DE ALMEIDA, ORIENTADOR (A) CELI MINAS NOVAS, ESCOLA: E.E MILITAR TIRADENTES TEN CEL PM LOUIRSON RODRIGUES BENEVIDES – VÁRZEA GRANDE, TOTAL DE VOTOS: 252.

3° LUGAR

VÍDEO: A FILHA DA OUTRA, ESTUDANTE: SUÉLLY LAUANY BATISTA CAMPOS, ORIENTADOR (A) VANESSA SIMÕES, ESCOLA: ESCOLA ESTADUAL 29 DE JUNHO – PARANATINGA, TOTAL DE VOTOS: 123.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Projeto promove revitalização e urbanização do córrego Águas Claras

Publicado


O projeto ambiental “Águas Claras” realizou um novo plantio de mudas no córrego de Águas Claras, no município de Juscimeira, neste fim de semana. A ação é parte da meta principal do programa de desenvolver um processo de revitalização e urbanização do córrego e promover educação ambiental.

As ações são uma parceria do Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio São Lourenço (CBHSL), da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT), com a prefeitura municipal de Juscimeira. O objetivo é identificar, caracterizar e recuperar aspectos ambientais e legais para as nascentes pertencentes ao córrego e cercar, preservar e promover ações de urbanização do Água Claras.

O plantio de mudas teve participação dos alunos da Escola Estadual Antônio José de Lima. “As atividades do programa iniciaram em 2020, desenvolvendo reuniões, levantamento e diagnósticos de nascentes e devem continuar no ano de 2022”, segundo a vice-presidente do projeto, Maria Carnevali, que é membro do Comitê de Bacias do Rio São Lourenço e analista ambiental da Sema.

Resultados e Ações do projeto

Durante o processo do programa, já foram avaliadas quatro nascentes das cinco principais do córrego Águas Claras, que contam com imagens contendo a localização de cada nascente, a caracterização do uso e ocupação do solo.

Foram feitas também a instalação de placas para reconhecimento de nascentes, levantamento e avaliações das suas condições atuais e ambiental no local e análise da qualidade da água e seus parâmetros físicos e químicos.

Após esse diagnóstico das nascentes, o projeto definiu o tipo de proteção e melhoria para a condição ambiental, em cada local avaliado.

Sendo assim, as ações que estão sendo desenvolvidas nos locais são de: cercamento das nascentes degradadas e curso do córrego, em zona rural e urbana; recuperação e proteção das nascentes em áreas que margeiam corpos d’água; reflorestamento dos locais com baixa cobertura vegetal ao redor da microbacia; terraceamento que constituem em barreiras físicas distribuídas em espaços regulares nas encostas, tendo como função a de controlar a erosão hídrica e contribuir para a produção de água.

*Supervisão de texto de Renata Prata

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana