conecte-se conosco


Nacional

Mulher ataca casal gay dentro de pet shop em São Paulo: “Não é de Deus”; assista

Publicado


source
homofobia
Reprodução/Twitter

A cena de homofobia foi registrada em vídeo e viralizou na internet

Uma mulher foi flagrada atacando um casal gay dentro de um petshop localizado em Birigui, no interior de São Paulo. Com uma camiseta escrito “fé”, ela bateu uma mão na outra, insinuando uma cena de sexo, e disse:  “Um homem enfiando assim oh… o p** no c* do outro?! Que isso, fio?”. As imagens viralizaram na internet.

A mulher também disse que “não é de Deus” um relacionamento homoafetivo. O dono da loja chegou a pedir que a briga não acontecesse dentro da loja e então a mulher disse ao casal: “Então vai lá fora, que eu falo pra vocês lá fora”.

Um dos homens se defendeu dos ataques: “A senhora sabe que é crime? A gente não quer ouvir a opinião da senhora. A senhora guarda ela pra você. Ninguém aqui ta pedindo a opinião a senhora. Eu não estou sendo desrespeitoso com a senhora, estou falando pra guardar para você”, disse.

A mulher continuou com frases homofóbicas em voz alta: “Estou falando para você que o negócio é homem com mulher, não é homem com homem, nem mulher com mulher. Você tá ouvindo?! Isso não é de Deus! Isso não é de Deus! Isso não é de Deus! Isso não é de Deus!”.

Uma das vítimas ameaça chamar a polícia e ela retruca: “Pode chamar”. O dono do pet shop puxa a mulher para retirá-la do estabelecimento. “Tem que respeitar”, disse ele. Enquanto ela respondeu: “Pode deixar que eu pego ele lá fora”.

Assista ao vídeo completo:


publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nacional

Em Manaus, Amazonino Mendes tem pequena vantagem sobre David Almeida

Publicado


source

Agência Brasil

.
Reprodução: iG Minas Gerais

Até o momento, com 1.929 unras apuradas, das 3.371, Amazonino está com 263339 votos (50,54%), contra 257758 votos (49,46%) de Almeida


Com 57,22% das urnas apuradas, o candidato Amazonino Mendes (Podemos) está com uma ligeira vantagem sobre o candidato David Almeida (Avante) na disputa para a Prefeitura de Manaus (AM). Até o momento, com  1.929 unras apuradas, das 3.371, Amazonino está com 263339 votos (50,54%), contra 257758 votos (49,46%) de Almeida.

David Almeida votou no início da manhã. Almeida chegou pouco depois das 08h na Escola Estadual Antônio Lucena Bitencourt, na Zona Sul de Manaus. Almeida comparaceu ao locald e votação acompanhado pela filha e pelo candidato a vice-prefeito, Marcos Rotta.

Já Amazonino Mendes votou pouco depois das 10h na sede da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), bairro São Francisco. O candidato chegou ao local de votação acompanhado do ex-secretário de Saúde Francisco Deodato.

Candidato da coligação Juntos Podemos Mais (PSL/Cidadania/Podemos/MDB), Amazonino Mendes é advogado e completa, em novembro, 81 anos de idade. Ele declarou um total de R$ 4,7 milhões em bens.

Candidato da Coligação Avante Manaus (Avante / PMB / PTC / PRTB / PV / DEM / Pros), David Almeida tem 51 anos de idade. Ele tem ensino superior completo e declarou R$ 857 mil em bens.

Continue lendo

Nacional

Sobe para 37 o número de pessoas presas ou conduzidas durante eleições

Publicado


source

Agência Brasil

.
Rovena Rosa/Agência Brasil

Mais de R$ 12 mil já foram apreendidos com cabos eleitorais, além de cinco veículos e de materiais usados para campanha.


Trinta e sete pessoas foram presas ou conduzidas até as 13h deste domingo de eleições . De acordo com balanço divulgado pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, dois inquéritos policiais foram instaurados e nove termos circunstanciados de ocorrência foram lavrados até o momento. Mais de R$ 12 mil já foram apreendidos com cabos eleitorais, além de cinco veículos e de materiais usados para campanha.


Entre as 153 ocorrências já registradas por crime eleitoral em todo o país, 93 foram por desobediência a ordens da Justiça Eleitoral; 24 por desordem que prejudique os trabalhos eleitorais; 27 por boca de urna; cinco por compra de votos; e quatro por concentração de eleitores.

Três ocorrências de crimes comuns relacionados às eleições foram registradas: um caso de ameaça; um de furto e um de vias de fato (briga). Nove incidentes de segurança pública e defesa social resultaram em ocorrências. Quatro delas por bloqueio de vias; três para atendimentos de urgência e emergência; uma por falta de energia e uma por manifestações.

Integrantes da Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, do Ministério da Defesa, Tribunal Superior Eleitoral, representantes dos estados e de outros órgãos do governo federal têm acesso às ocorrências. A Operação Eleições 2020 conta com efetivo de 95.661 agentes e o apoio de 14.419 viaturas.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana