conecte-se conosco


Mato Grosso

MT Hemocentro necessita com urgência de três tipos de sangue

Publicado


.

O MT Hemocentro necessita com urgência de doação de sangue dos tipos O Positivo, O Negativo e A Negativo, para repor estoque que se encontra em situação critica.

A doação de sangue pode ser agendada a partir de segunda-feira,(13.07). O telefone para informações e para agendamento de doação é (65) 3623-0044 (Ramal 221 e 222) e Whatsapp (65) 98433-0624. Também é possível agendar a doação pela internet, clicando AQUI.

A sede do MT-Hemocentro está localizada na Rua 13 de junho, n° 1.055, Cuiabá, Centro Sul. O funcionamento da unidade ocorre de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h30

Fonte: GOV MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Escola especializadas agendam entrega de kits de alimentação escolar para os pais

Publicado


.

As cinco escolas especializadas da rede estadual localizadas em Cuiabá e Várzea Grande iniciaram a entrega dos kits de alimentação escolar para as famílias dos alunos. Para evitar aglomeração e seguir as regras de distanciamento, cada equipe gestora fez um agendamento para atendimento aos pais que irão buscar no dia e horário marcados. Com isso, todas as famílias serão atendidas e com segurança.

Nesta quarta-feira (12.08), a Escola Estadual Especial Livre Aprender, em Cuiabá, iniciou a distribuição dos 120 kits. A diretora Fátima Rosana Farias explica que, com a ajuda de alguns profissionais da educação, estão organizando os kits. Além disso, já fez o agendamento para entrega que vai até a sexta-feira (14.08).

“Também confeccionamos pães para composição de cesta de alunos do Projeto Cozinha Experimental com receita para assar em casa. Os pães já vão pré-assados para serem consumidos quentinhos. Os pais vão adorar”, comemora Fátima Rosana. Para incrementar o kit, a diretora acrescentou chocolate e aveia para os alunos cadeirantes e alguns precisam de alimentação pastosa. 

A assistente social Izabel Oliveira Ribeiro, um estudo socioeconômico das famílias dos alunos matriculados que necessitam dos Kits alimentação. “Esses produtos são importantes para as famílias carentes e baixa renda”, assinala.

Para Vera Rodrigues que é mãe de um aluno a ajuda vai fazer muita diferença, pois com a pandemia tem que cuidar do filho e não tem mais emprego fixo. “Quando meu filho estava na escola, ainda trabalhava, mas agora tenho que cuidar dele. Então esse kit vai ajudar e muito em casa”, explica.

Luz do Saber

E a partir desta quarta-feira, a EE Luz do Saber também inicia a entrega. São 62 kits para as famílias dos alunos. “Terminamos na terça-feira (11.08) de preparar os kits e já havíamos agendado com os pais”, assinala a diretora Jane Cristina Ignotti.

Na recepção, a diretora usou um aparelho de medir temperatura dos pais, que ficaram mais tranquilos. A entrega foi na parte externa da unidade escolar. Os pais receberam também as atividades impressas para os alunos que não tem acesso à internet.

Os pais não só ficaram satisfeitos com o kit, que vai ajudar na alimentação em casa, mas com o trabalho desenvolvido pela escola. “Minha filha estuda há dois anos aqui na escola. Está fazendo as atividades em casa, mas com saudades dos amiguinhos aqui da escola”, comenta Aline Jesus.

O mesmo entendimento tem Geli Costa, que tem uma filha na escola. “Aqui na Luz do Saber minha filha se sente bem. Enquanto não houver aula presencial, vamos de aula em casa”, ressalta. 

Raio de Sol

Na EE Especial Raio de Sol, também em Cuiabá, a entrega começa na segunda-feira (17.08). A equipe gestora está preparando os 139 kits, assim os pais foram avisados que a entrega será por agendamento. “Na próxima semana, tudo organizado para a entrega. Frutas e verduras chegam na segunda-feira (17.08)”, destaca a coordenadora pedagógica Valdite Heinsen.

Ceaada

O Centro Estadual de Atendimento e Apoio ao Deficiente Auditivo (Ceaada) Professora Arlete Pereira Migueletti, em Cuiabá, prepara 50 kits para serem entregues na próxima semana.

A diretora Gláucia Inês Paes de Barros informa que está adquirindo os produtos e, assim que todos forem entregues, os kits serão montados. “Até a próxima segunda-feira (17.08) os kits estão prontos e vamos iniciar a entrega”, acrescenta.

CHP

Em Várzea Grande, O Centro de Habilitação Profissional (CHP) Célia Rodrigues Duque, as entregas iniciaram na terça-feira (11.08) e irão contemplar 137 famílias com os kits de alimentação. “Estamos agendando duas turmas por período para não ter aglomeração, além de seguir todas as medidas de segurança, os funcionários e os pais usando máscaras, álcool em gel e líquido, e medindo a temperatura de todos. Tudo para que os pais se sintam seguros”, destaca a secretária Solange Raupp.

3ª etapa

Os kits fazem parte da terceira de entrega de produtos alimentação escolar por parte da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) para famílias de alunos da rede estadual. Nesta etapa, serão beneficiadas cerca de 300 mil famílias, com investimentos na ordem de R$ 13 milhões, recursos dos governos estadual e federal.

A cestas contém arroz, feijão, carne, leite, verduras (como cenoura, chuchu, beterraba, maxixe, quiabo e abobrinha), frutas e tubérculo (mandioca ou batata).

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Governo altera normas do regime de trabalho dos servidores estaduais de Mato Grosso; entenda

Publicado


.

O Governo de Mato Grosso atualizou as normas para o regime de trabalho dos servidores públicos estaduais durante o período da pandemia. As novas regras passaram a vigorar a partir da próxima segunda-feira (17.08).

Conforme o Decreto 600/2020, publicado no Diário Oficial que circula nesta quarta-feira (12.08), o revezamento está mantido, mas passará a ser semanal, e não mais diário.

Desta forma, os servidores que atuam em regime de revezamento passam a trabalhar da seguinte forma: duas semanas de forma presencial e uma em teletrabalho, “mediante escala de revezamento a ser estabelecida pela chefia imediata”.

As duas semanas de trabalho presencial não necessariamente precisam ser consecutivas, podendo ser intercaladas conforme a organização definida pela secretaria.

Se a unidade de trabalho possui três servidores, por exemplo, o revezamento pode ser estabelecido da seguinte maneira:

 

SEMANA 1

SEMANA 2

SEMANA 3

PRESENCIAL

Servidores A e B

Servidores A e C

Servidores B e C

TELETRABALHO

Servidor C

Servidor B

Servidor A

 

O horário de expediente continuará o mesmo já definido em decretos anteriores: das 7h30 às 13h30.

Os servidores que se enquadram no grupo de risco também continuam a atuar em regime exclusivo de teletrabalho, assim como aqueles “que tenham tido contato direto com casos confirmados de Coronavírus, pelo prazo prescrito por médico, exceto quando preferencialmente submetido a teste, seu resultado for negativo’.

O novo decreto ainda revogou a determinação anterior, que previa que os servidores lotados em municípios com classificação de risco muito alta deveriam atuar apenas por teletrabalho.

Confira a íntegra do decreto:

O GOVERNADOR DO ESTADO DE MATO GROSSO, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 66, inciso III e V da Constituição Estadual, e

CONSIDERANDO a prorrogação dos efeitos do Decreto nº 424, de 25 de março de 2020, que declara estado de calamidade pública no âmbito da Administração Pública Estadual, em razão dos impactos socioeconômicos e financeiros decorrentes da pandemia causada pelo agente Coronavírus (COVID-19);

CONSIDERANDO o princípio da continuidade do serviço público que deve ser observado pela Administração Pública; e

CONSIDERANDO a redução no número da média móvel de casos confirmados de Covid-19, de hospitalizações e de óbitos no âmbito do Estado de Mato Grosso;

DECRETA:

Art. 1º  Ficam alterados o caput e o §1º do art. 5º do Decreto nº 520, de 10 de junho de 2020, que passam a vigorar com a seguinte redação:

“Art. 5º Na vigência deste Decreto, o trabalho desempenhado pelos servidores será realizado com a adoção do regime de revezamento, de modo que a cada 03 (três) semanas, em 02 (duas) as atividades serão prestadas de forma presencial e em 01 (uma) mediante teletrabalho.

§ 1º Os servidores sujeitos ao regime de revezamento na forma do caput trabalham (02) duas semanas presencialmente em sua unidade de lotação e 01 (uma) em teletrabalho, ainda que em unidade administrativa diversa daquela em que estiver lotado, mediante escala de revezamento a ser estabelecida pela chefia imediata.

(…)”

Art. 2º Fica alterado inciso II, do §4º do art. 6º do Decreto nº 520, de 10 de junho de 2020, que passa a vigorar com a seguinte redação:

“Art. 6° (…)

§ 4º (…)

(…)

II – que tenham tido contato direto com casos confirmados de Coronavírus, pelo prazo prescrito por médico, exceto quando preferencialmente submetido a teste, seu resultado for negativo;

Art. 3° Ficam revogados o §1° do art. 10 e o art. 14-A do Decreto nº 520, de 10 de junho de 2020.

Art. 4º  Este Decreto entra em vigor no dia 17 (dezessete) de agosto de 2020.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana