conecte-se conosco


Policial

Motorista se envolve em acidente na BR-364 e acaba preso por embriaguez ao volante

Publicado

O teste do etilômetro acusou uma concentração de álcool quatro vezes superior ao considerado crime pelo CTB

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi acionada para o atendimento de acidente do tipo saída de pista no km 434 da BR-364, em Várzea Grande, por volta das 21h desta segunda (25). Provável causa do acidente? A perigosa combinação de álcool e volante. O condutor foi submetido ao teste do etilômêto que apontou uma concentração de álcool de 1,07 mg/l.

O resultado do “bafômetro” é quatro vezes superior ao considerado crime pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB), que é de 0,34 mg/l. Embriagado, D.B.S.F, de 52 anos, dirigia o caminhão Scania, com placas de Maringá/PR, quando perdeu o controle do veículo e saiu de pista. Ele sofreu ferimentos e foi socorrido pelo resgate da Rota do Oeste para o Pronto Socorro de Várzea Grande, onde ficou sob custódia de agentes da Polícia Civil.

EMBRIAGUEZ– Vale lembrar que desde novembro de 2016, dirigir sob influência de álcool, conforme artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), é uma infração gravíssima punida com detenção, de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor.

Além da esfera administrativa, o condutor também pode ser preso em flagrante pelo crime de embriaguez ao volante, conforme previsto no artigo 306 do CTB. Esta situação ocorre quando a medição do etilômetro (conhecido como bafômetro) indica 0,34 ou mais miligramas de álcool por litro de ar alveolar.

Texto: PRF Bruna de Lima

Imagens: PRF

(Reprodução autorizada mediante citação da Agência PRF)

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Policial

Polícia Civil incinera 300 quilos de entorpecentes em Rondonópolis

Publicado

A Polícia Civil incinerou nesta segunda-feira (04.07), em Rondonópolis, mais 300 quilos de entorpecentes apreendidos no semestre. A queima da droga é autorizada pela Justiça após realização de perícia pela Politec.

O material incinerado pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Rondonópolis é resultado de apreensões realizadas pelas forças de segurança em ações policiais no município.

Esta é a quinta incineração em 2022 realizada pela Derf e já alcançou quase 2,5 toneladas de entorpecentes queimados, entre maconha, cocaína, pasta base e drogas sintéticas.

O ato faz parte da Operação Narco Brasil, coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública no combate ao tráfico de drogas, incineração de entorpecentes e cerco ao crime organizado com auxílio das forças policiais federais e dos 26 estados e o Distrito Federal.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende autor de feminicídio poucas horas depois de cometer o crime

Publicado

O autor do feminicídio que vitimou uma jovem de 23 anos, na madrugada de sábado (02.07), em Tapurah (433 km a médio norte de Cuiabá), foi preso pela Polícia Civil nas diligências ininterruptas para apurar o crime.

O suspeito de 36 anos foi autuado em flagrante por homicídio qualificado (feminicídio). A vítima, Letícia Maria da Silva, foi atingida por golpes de faca desferidos pelo marido, motivado por ciúmes.

O crime ocorreu no bairro São Cristovão, na frente dos filhos e de um casal de amigos. Em seguida o autor fugiu da casa levando a filha de 4 anos e um adolescente de 15 anos, e conseguiu apoio de terceiros para se esconder.

Durante toda a madrugada foram realizadas diligências para identificar o paradeiro do suspeito, quando no início da manhã de sábado, o procurado foi surpreendido com os filhos em frente de uma casa.

No momento em que avistou a equipe, o suspeito correu para um milharal próximo do local, deixando as crianças para trás. Ao escapar do cerco policial, ele voltou para a cidade e adentrou em outro imóvel para se esconder.

Porém, foi novamente encontrado e novamente fugiu para o milharal. Somente depois de realizados disparos de advertência, e já no meio da plantação de milho, o suspeito se entregou.

O homem foi conduzido para Delegacia de Tapurah, interrogado pelo delegado Guilherme Pompeo, e autuado em flagrante por homicídio qualificado em feminicídio.

Após a confecção dos autos, o preso foi apresentado e colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana