conecte-se conosco


Nacional

Motorista de Bolsonaro está internado com problemas respiratórios

Publicado

bolsonaro arrow-options
Isac Nóbrega/PR

Presidente Jair Bolsonaro nega que tenha contraído o novo coronavírus e afirma que testes não deram positivo.

Um dos motoristas do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) deu entrada em um hospital de Brasília com problemas respiratórios. O quadro levanta suspeitas sobre a contaminação do Covid-19, o novo coronavírus que já atingiu mais de 20 pessoas da equipe do presidente e contaminou cerca de 1890 pessoas no Brasil. 

Leia também: Coronavírus: Primeiro-ministro da Índia impõe confinamento total por 21 dias

A informação foi divulgada no blog de Vicente Nunes, do jornal Correio Braziliense. O jornalista afirma que o estado fontes asseguram que o estado de saúde do motorista é estável e que ele não tem febre , mas apresenta dificuldade para respirar . O funcionário foi submetido ao teste do Covid-19 e aguarda o resultado. 

Outro motorista do presidente Jair Bolsonaro foi submetido ao teste, tendo o primeiro exame positivo e contraprova negativa para o coronavírus. O presidente Bolsonaro também diz que os exames ao qual foi submetido deram negativo. Ao todo, 23 pessoas que participaram da comitiva de Bolsonaro aos Estados Unidos no início de março testaram positivo para o Covid-19.

Confira a lista dos integrantes da comitiva de Bolsonaro que viajaram ao lado do presidente aos Estados Unidos e testaram positivo para o novo coronavírus .

  • Fabio Wajngarten, secretário de Comunicação da Presidência da República
  • Nelsinho Trad, senador pelo PTB-MS
  • Nestor Forster, embaixador e encarregado de negócios do Brasil nos EUA
  • Karina Kufa, advogada e tesoureira do Aliança pelo Brasil
  • Sérgio Lima, publicitário e marqueteiro do Aliança pelo Brasil
  • Samy Liberman, secretário-adjunto de comunicação da Presidência
  • Alan Coelho de Séllos, chefe do cerimonial do Itamaraty
  • Quatro integrantes não identificados da equipe de apoio do voo presidencial aos EUA
  • Robson Andrade, presidente da Confederação Nacional da Indústria
  • Marcos Troyjo, secretário especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais do Ministério da Economia
  • Flávio Roscoe, presidente da Federação das Indústria do Estado de Minas Gerais
  • Daniel Freitas, deputado federal (PSL-SC)
  • Augusto Heleno, ministro-chefe do GSI
  • Bento Albuquerque, ministro de Minas e Energia
  • Sérgio Segovia, presidente da Apex
  • Filipe Martins, assessor internacional da Presidência
  • Major Cid, chefe da ajudância de ordens
  • Coronel Suarez, diretor do Departamento de Segurança Presidencial
  • Carlos França, chefe do Cerimonial
  • Marcelo Thomé, presidente da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nacional

Mulher entra com carro em rio durante test-drive e é obrigada a pagar

Publicado


source
fiat toro
Divulgação

Fiat Toro 2021


Uma concessionária de Pouso Alegre, em Minas Gerais, processou uma mulher por  danificar o motor de um de seus veículos. A mulher foi condenada pela 18ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) e terá de pagar o valor de R$ 7 mil por entrar com o veículo em um rio durante o percurso de teste. 


A mulher foi à concessionária Via Mondo Automóveis e Peças Ltda para testar uma Fiat Toro Volcano e chegou a ir com o carro até outra cidade, onde danificou o veículo após tentar cruzar um córrego . A empresa diz que a cliente entrou “indevidamente”com o carro na água.

A empresa disse que o veículo chegou completamente molhado, sujo e com o porta malas amassado. 

Continue lendo

Nacional

Irmão de prefeito atira e mata candidato a vereador após live; veja vídeo

Publicado


source
carro estacionado
Câmeras de Segurança/Reprodução

Candidato foi morto a tiros

O político Cássio Remis, candidato a vereador pelo partido PSDB  da cidade de Patrocínio, em Minas Gerais, morreu após ser atingido por um tiro disparado pelo irmão do prefeito e secretário de obras do município, Jorge Marra, na tarde desta quinta-feira (24).

Marra, que está foragido, já era suspeito do crime por aparecer interrompendo uma transmissão ao vivo do candidato a vereador, que denunciava condições das ruas na cidade. “Está aqui agora o secretário querendo chegar para me agredir”, diz o candidato, enquanto mostra um homem de máscara descendo de um veículo antes de ter transmissão interrompida.

Imagens de uma câmera de segurança do local do crime, reafirmaram a suspeita e mostraram o suspeito buscando uma arma no carro e disparando contra a vítima. Cinco tiros atingiram Cássio Remis, que morreu na hora.

O corpo do candidato é velado na Câmara Municipal de Patrocínio na manhã desta sexta-feira (25). Testemunhas do crime devem ser ouvidas nesta sexta-feira. O prefeito da cidade e irmão do suspeito, Deiró Marra, informou que pediu a exoneração do secretário do cargo. A prisão preventiva do suspeito vai ser pedida pela polícia civil.

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, divulgou nota de pesar considrando o assassinato como “brutal”. “É inadimissível que o ambiente político se transforme nisso”, disse, prestando solidariedade à família e pedindo a prisão do suspeito.

Veja, abaixo, vídeo de câmeras de segurança que mostram momento do crime:


Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana