conecte-se conosco


Saúde

Morre segundo tripulante de navio em quarentena no Porto de Santos

Publicado


.

Um segundo tripulante do navio Costa Fascinosa, atracado no Porto de Santos, no litoral de São Paulo, morreu por covid-19, no domingo (19). De nacionalidade filipina, o homem de 42 anos morreu em um hospital da cidade de Santos. A informação foi confirmada pela empresa Costa Cruzeiros, responsável pelo navio, e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Ele havia desembarcado para atendimento de emergência e estava internado em estado grave. Segundo a Anvisa, o homem fazia parte do grupo de dez tripulantes que desembarcaram do Costa Fascinosa para receber atendimento hospitalar. Até o momento, quatro tripulantes do navio ainda estão internados, sendo um em estado grave.

A empresa informou que está em contato com a família da vítima para dar o apoio necessário neste momento. No dia 16, já havia sido confirmada a morte do primeiro tripulante no navio: um médico italiano de 70 anos, que também estava em um hospital da cidade.

Navio em quarentena

O Costa Fascinosa está atualmente em Santos, onde permanecerá em quarentena até 26 de abril com tripulantes ainda a bordo, de acordo com previsão atual da Anvisa. Caso haja identificação de novos casos suspeitos, a quarentena será prorrogada. Segundo a Costa Cruzeiros, no final deste processo, o programa de desembarque será decidido de acordo com as autoridades de saúde locais envolvidas.

De acordo com a Anvisa, 452 tripulantes ainda estão a bordo da embarcação. O navio de cruzeiros chegou a Santos com 764 tripulantes no dia 17 de março e dois dias depois a embarcação foi colocada em quarentena.

Os primeiros tripulantes com necessidade de atendimento médico desembarcaram do Costa Fascinosa no dia 25 de março e o último desembarque aconteceu no dia 4 de abril, ao todo dez pessoas deixaram a embarcação. Desde então ninguém do navio precisou ser removido para atendimento de emergência. 

Em 5 de abril, 75 tripulantes brasileiros deixaram a embarcação e 227 tripulantes filipinos também deixaram a embarcação no dia 11 de abril para retorno ao seu país por voo fretado.

Edição: Denise Griesinger

Fonte: EBC Saúde

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

AM: restrição na circulação de pessoas será de 24h a partir de amanhã

Publicado


O governador do Amazonas, Wilson Lima, anunciou a ampliação de medidas restritivas para reduzir a taxa de infecção pelo novo coronavírus no estado. As novas restrições devem entrar em vigor a partir de amanhã (25) e vão até o dia 31 de janeiro. O anúncio foi feito após reunião do Comitê de Enfrentamento da Covid-19 e representantes do comércio e de órgãos de controle. Entre as mudanças está a ampliação para 24 horas do período de restrição de circulação de pessoas no estado por sete dias.

De acordo com decreto publicado pelo governo do estado, poderão funcionar, durante o período de restrição de circulação, apenas supermercados varejistas e atacadistas de pequeno, médio e grande porte e padarias, no período das 6h às 19h. Já os mercados e feiras deverão funcionar das 4h às 8h. As drogarias e farmácias poderão funcionar 24 horas, assim como os serviços essenciais das áreas de saúde e segurança.

O decreto estabelece que será permitida a circulação para aquisição de produtos essenciais à vida limitada a uma pessoa por núcleo familiar. Os serviços delivery só serão permitidos das 6h às 22h para serviços essenciais, como os de venda de alimentação (restaurantes e lanchonetes). Não serão permitidos serviços delivery ou drive-thru de comércio e serviços considerados não essenciais. Já os postos de combustíveis poderão funcionar sem a abertura das lojas de conveniência.

Contaminação

De acordo com a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), o índice de contaminação pelo coronavírus no estado tem taxa de transmissão de 1,3, a mais alta do país. Isso significa que cada grupo de 100 pessoas infectadas transmite o vírus para outras 130.

O governador disse que a restrição é necessária devido à mutação do vírus identificada no estado e que possui maior capacidade de transmissão. Ele disse ainda que, apesar das medidas restringirem bastante a circulação de pessoas, não se trata de um fechamento total, o chamado lockdown.

“Não há lockdown no estado do Amazonas. Há muita gente disseminando informações que não são verdadeiras, estão propagando fake news. Essa é uma medida para que a gente possa diminuir aglomerações e, consequentemente, quebrar essa cadeia de transmissão do vírus. Dessa vez, de acordo com especialistas, essa mutação nova tem uma capacidade muito grande de transmissão”, afirmou.

A FVS informou que foi constatado um aumento de 135% no número de casos de covid-19 detectados nos últimos 14 dias, saindo da média móvel diária abaixo de 500 casos detectados por dia, registrada na primeira quinzena de dezembro, para mais de 2 mil por dia em janeiro, batendo recorde este ano de mais de 5 mil casos registrados em um único dia.

Confira as medidas de restrição, válidas de 25 a 31 de janeiro:

O que pode funcionar

– supermercados varejistas e atacadistas de pequeno, médio e grande porte e padarias – das 6h às 19h, com venda restrita a produtos de higiene, limpeza e alimentação

– drogarias e farmácias – 24 horas, com venda restrita a produtos de higiene, medicamentos e outros produtos farmacêuticos

– mercados e feiras – das 4h às 8h

delivery de serviços de alimentação – das 6h às 22h

– indústria – em turno de 12 horas (exceção para alimentos e produtos farmacêuticos e hospitalares)

– transporte de cargas – apenas de produtos essenciais, como alimentação, combustíveis e produtos da área da saúde e segurança

– postos de combustíveis

O que fica suspenso

– atividades não essenciais, incluindo lojas de conveniência de postos de combustíveis

– delivery e drive-thru de comércio e serviços não essenciais

Circulação de pessoas

– permitido deslocamento de uma pessoa do núcleo familiar para estabelecimentos do grupo de serviços essenciais

– permitida a circulação de trabalhadores de estabelecimentos considerados essenciais

– permitida circulação de pessoas para acesso a serviços de saúde de clínicas e laboratórios

– permitido o deslocamento de agentes públicos que trabalham na área de saúde ou em ações de enfrentamento, e de profissionais de imprensa

Edição: Paula Laboissière

Fonte: EBC Saúde

Continue lendo

Saúde

Caminhões com oxigênio chegam a Manaus neste domingo

Publicado


source

Agência Brasil

Cilindros de oxigênio chegam a Manaus neste domingo
Ministério da Saúde/Divulgação

Cilindros de oxigênio chegam a Manaus neste domingo

O Ministério da Infraestrutura informou neste domingo (24) que seis caminhões que saíram de Porto Velho com carregamento de oxigênio para Manaus concluíram a viagem. A capital amazonense  passa por uma crise de falta do produto em razão do aumento no número de casos de Covid-19 .

Segundo a pasta, cerca de 100 mil metros cúbicos (m³) de oxigênio foram transportados para Manaus. As carretas saíram na última quarta-feira (20) de Porto Velho e levaram mais de três dias para cruzar os quase 900 quilômetros do trecho da BR-319, única ligação rodoviária com a capital amazonense, mas que não é pavimentada e possui diversos trechos com atoleiros no período chuvoso.

Você viu?

A operação foi realizada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Ainda de acordo com ministério, a expectativa é que uma última carreta chegue a Manaus no final do dia.

“Na primeira etapa da operação para transportar 160 mil m³ de oxigênio para Manaus, os comboios percorreram o trajeto de 877 quilômetros e contaram com o apoio das equipes de manutenção do Dnit para atravessar trechos não pavimentados da BR-319”, informou o comunicado.

A pasta destacou que a rota emergencial foi criada em alternativa às balsas da hidrovia do Rio Madeira e do Rio Amazonas, reduzindo em dias a chegada do material à capital amazonense. Ao todo, sete carretas com oxigênio passaram pela BR-319.

Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana