conecte-se conosco


Cuiabá

Moradores da Comunidade Rio dos Peixes recebem orientações e equipamentos de combate a queimadas

Publicado

A Defesa Civil de Cuiabá e a Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico realizaram no sábado (30), uma ação de conscientização e combate as queimadas para os moradores da Comunidade Rural Rio dos Peixes, distante a 18 km da capital.  No local, foram entregues seis abafadores para que os moradores atuem no controle de focos de queimadas. Na ação, a comunidade recebeu também orientações sobre as formas corretas de utilização dos equipamentos, com segurança, até que as equipes do Corpo de Bombeiros cheguem para realizar o combate. Mesmo diante da proibição do uso do fogo, nesse período de estiagem, registra-se um grande quantitativo de queimadas.

“Essa região já é conhecida e, infelizmente, todos os anos enfrentamos os mesmos problemas. Trata-se de uma região elevada e de muito vento. São muitos pontos propícios para ocorrências e registros de incêndios. Por isso, sempre fazemos o trabalho de conscientização e de prevenção. Vale ressaltar que colocar fogo, seja na área rural ou urbana é crime ambiental”, disse o diretor da Defesa Civil, José Pedro Zanetti.

A proibição de queimadas em áreas urbanas e rurais do município, além de ser considerada crime ambiental, previsto na Lei Federal nº 9.605, que estipula como sanções multa e/ou reclusão de 1 a 4 anos, também  aumenta os riscos à saúde. 

“A questão das queimadas que é um problema sério e que causa riscos à saúde. Orientamos a população para que não use o fogo para queimar o lixo no fundo do quintal ou as folhas que caem das árvores, evitem o fogo de qualquer maneira. A colaboração da comunidade é fundamental”, acrescentou Zanetti.

O coordenador da Defesa Civil, Alex Botelho, lembrou de um fato ocorrido na semana passada, que exigiu grande empenho e várias equipes para solucionar o problema.

“O fogo avançou bastante no local. O grande problema foi que, moradores de um condomínio tentaram apagar o fogo, mas devido a proporção foi impossível. Por isso é que, a nossa orientação é para quando vislumbrarem a impossibilidade, já devem acionar as equipes para evitar que a situação se agrave ainda mais. Não tentem apagar o fogo. Esperem as equipes chegarem, a fim de evitar que o fogo propague ainda mais”, orientou o coordenador.  

O secretário adjunto de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Rogério Varanda fez questão de ressaltar o empenho da Prefeitura de Cuiabá, por meio das secretarias ligadas à questão ambiental, na intensificação dos trabalhos de combate as queimadas.

“Sabemos que os problemas das queimadas não se restringem apenas a questão do meio ambiente. O fogo gera danos graves com a saúde também. Precisamos do envolvimento de todos. Cada um deve fazer a sua parte. Atitudes simples podem fazer diferença.

O biólogo e ambientalista da Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Urbano e Sustentável, Tony Schuring, durante palestra à comunidade, lembrou que a exposição contínua a fumaça gera sintomas como tosse, olhos ardentes e ardência na garganta. “Isso quer dizer que, as queimadas ocasionam problemas não só ao meio ambiente como na vida das pessoas. O que era apenas uma coisa pequena se torna ainda maior pois, a pessoa vai para a unidade sem o covid-19 e voltam doentes. É um problema muito sério”, destacou.

O presidente da Comunidade Rio dos Peixes, Gumercindo de Oliveira,  agradeceu essa parceria da Prefeitura de Cuiabá. “Sempre que precisamos, a Prefeitura de Cuiabá está pronta para nos ajudar. Esse trabalho de combate a queimadas deve ser feito de forma conjunta. Esses equipamentos vão nos ajudar e muito. Vamos denunciar e registrar as ocorrências para que as equipes venham para evitar maiores problemas. Estamos juntos em mais essa batalha em prol do nosso meio ambiente”, agradeceu Gumercindo.

Ao final, foi apresentado na prática a utilização de todos os equipamentos de combate as queimadas (bombas costais, sopradores e abafadores) para conhecimento dos moradores.

As equipes disponibilizam os canais de atendimento para o recebimento de denúncias pelo telefone (65) 3623-9633 e WhatsApp (65) 99310-8810, ou ainda pelo 193 do Corpo de Bombeiros Militar.

Fonte: Prefeitura de Cuiabá MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cuiabá

Secretaria de Mobilidade Urbana notifica proprietários de veículos apreendidos e não retirados

Publicado

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) publicou, nesta segunda-feira (15), o edital de notificação para realização de um novo leilão de veículos apreendidos, recolhidos e removidos há mais de 60 dias, que não foram retirados dentro do prazo, conforme a legislação.

O documento notifica os respectivos proprietários dos veículos, assim como os bancos e/ou financeiras e seguradoras, relacionados a seguir, para, querendo, quitarem seus débitos e evitarem a alienação. O prazo para a retirada dos veículos é de 60 dias, improrrogável, contados a partir da data de publicação.

O não atendimento da notificação implica na adoção das medidas legais amparadas na forma do art. 328 do Código de Trânsito Brasileiro e Resolução nº 623 de 06 de setembro de 2016 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

A relação de veículos obedecerá a seguinte ordem: Nome do proprietário e/ou nome do agente financeiro, arrendatário ou com direitos o veículo, placa, renavam, chassi, ano fabricação/ano modelo, marca/modelo do veículo.

Os automóveis e sucatas que permanecerem no pátio serão leiloados pela empresa Foco Leilões, nas modalidades presencial e online, em sessão pública. As datas para a realização do leilão serão brevemente informadas.

Confira em anexo o edital de notificação:

Fonte: Prefeitura de Cuiabá MT

Continue lendo

Cuiabá

Moradores do Jardim Presidente II comemoram início da obra de pavimentação esperada há mais de 30 anos

Publicado

Os moradores do bairro Jardim Presidente II comemoraram o lançamento da obra de pavimentação feita na sexta-feira (12) pelo prefeito Emanuel Pinheiro. Segundo eles, o ato representa o fim de uma espera de mais de 30 anos pela chegada da ação de melhoria na infraestrutura viária da comunidade.

Soleide Munhoz é uma das beneficiadas e relatou estar ansiosa pela conclusão da obra que, para ela, também acarretará em avanços na saúde pública. “Moro aqui desde 1995 e sofremos muito durante todo ano. Em épocas de chuva com a lama e na seca com a poeira. As pessoas ficam doentes, principalmente, os idosos. Agora, estamos felizes com essa boa notícia”, disse. 

Conforme o projeto elaborado pela Secretaria de Obras Públicas (SMOP), responsável pela coordenação dos trabalhos, serão mais de quatro quilômetros de vias alcançadas. Todas elas receberão, além do pavimento, a construção da rede de drenagem de águas pluviais, meio-fio e calçada.  

A moradora Maria José da Silva, igualmente externou seu sentimento de satisfação perante a iniciativa da gestão Emanuel Pinheiro. “Estou aqui há 24 anos e nosso maior desejo sempre foi o asfalto. Vai melhorar muito a nossa qualidade de vida e a valorização no preço das casas também”, acrescentou. 

O vice-prefeito e titular da SMOP, José Roberto Stopa, adiantou que as atividades serão colocadas em prática no mês de setembro, beneficiando milhares de famílias. “Em poucos dias os maquinários estarão cavando, colocando manilhas, fazendo toda a drenagem. Ou seja, todas as ações que uma obra de qualidade necessita, prezando pela humanização e o respeito com a nossa gente”, finalizou.  

Fonte: Prefeitura de Cuiabá MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana