conecte-se conosco


Policial

Menor que matou amiga em condomínio de luxo em Cuiabá deixa isolamento no socioeducativo após sete dias

Publicado

A partir desta terça-feira, a atiradora passa a conviver com outras meninas do Socioeducativo [Foto – Ianara Garcia/TVCA]

A adolescente condenada por atirar e matar Isabele Ramos Guimarães, de 14 anos, em julho do ano passado no condomínio de luxo Alphaville, em Cuiabá, deixou o isolamento de sete dias no Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Cuiabá e passará a conviver, a partir desta terça-feira (26), com outras menores na unidade.

Na terça-feira (19), a juíza da 2ª Vara Especializada da Infância e Juventude de Cuiabá, Cristiane Padim, mandou internar a menor, que foi condenada a pena máxima de três anos de reclusão em regime socioeducativo, podendo ter sua pena revista a cada seis meses.

Ela continuará dormindo em um quarto sozinha, porém, as demais atividades e rotina serão cumpridas normalmente, sem diferenciação. Na sexta-feira (22), um recurso que pedia a liberdade da adolescente foi negado na tarde de hoje pelo desembargador Juvenal Pereira da Silva, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT).

Após a prisão da menor, a mãe de Isabele, a empresária Patrícia Guimarães Ramos disse que se sentiu aliviada, mas cobrou a condenação dos pais da atiradora.

“Olha, no momento que eu soube dessa sentença, eu confesso que eu suspirei assim… Eu dei um suspiro profundo, mas carregado de angústia, de sofrimento, de muito pranto. Eu não tenho motivo nenhum para comemorar isso porque a minha filha não tá aqui hoje, mas eu estou aliviada. “Essa batalha ainda não encerrou por aqui. Ainda tem a condenação dos pais”.

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

Polícia Civil doa equipamentos de segurança para unidade prisional de Comodoro

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Comodoro (644 km a oeste de Cuiabá) realizou a doação de vários equipamentos à Cadeia Pública local, com objetivo de fortalecer os trabalhos desenvolvidos na unidade prisional. A entrega por meio de ofício aconteceu na terça-feira (02.03). 

Os materiais, sendo 20 algemas de pulso com chaves, 15 bastões PR24 Tonfa, 8 capacetes Anti Motim e 3 escudos Anti Motim, foram recebidos pela Delegacia de Polícia de Comodoro, depois de serem repassados pela Penitenciária Federal de Porto Velho, estado de Rondônia (RO). 

No entanto, por se tratar de itens de segurança pública, com a finalidade de auxiliar as atividades desempenhadas em complexos penitenciários, a Polícia Civil de Comodoro cedeu os equipamentos para o Sistema Prisional Estadual, para serem utilizados pelos servidores da Cadeia Pública da cidade.

Para o delegado de Comodoro, Ricardo Marques Sarto, a ação mostra a boa relação institucional entre os órgãos públicos na região, que tem como principal objetivo a união de esforços para de forma eficaz combater a criminalidade e melhor servir a população.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende autor de furtos em comércios recupera objetos em Juína

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Dois furtos ocorridos durante a madrugada em estabelecimentos comerciais do município de Juína (735 km a nordeste de Cuiabá) foram rapidamente esclarecidos pela Polícia Civil, nesta sexta-feira (05.03), com a prisão do autore dos crimes e recuperação dos objetos subtraídos cerca de uma hora após ser comunicada fatos.

O primeiro furto ocorreu no cartório do 1º Oficio da cidade, onde o criminoso arrombou a fechadura e subtraiu três folhas de cheques de clientes. Em seguido, o suspeito invadiu uma loja de cosméticos no bairro Módulo 05, de onde furtou vários objetos como esmaltes, perfumes e dinheiro.

A Polícia Civil foi comunicada dos fatos por volta das 09 horas iniciando imediatamente as diligências para identificar e prender o autor do crime. Em análise das câmeras de segurança dos estabelecimentos, os policiais conseguiram identificar o autor dos furtos, que foi preso logo em seguida.

Segundo o delegado de Juína, Marco Bortolotto Remuzzi, o suspeito é portador de tornozeleira eletrônica, com passagens criminais anteriores, sendo também identificado como autor de outro furto, ocorrido na semana passada em mais um estabelecimento comercial da cidade.

“Foi um trabalho ágil e eficiente por parte da equipe de policiais, que identificaram o suspeito e o prenderam em um curto espaço de tempo em posse dos cheques e cosméticos subtraídos. O suspeito é conhecido da Polícia e foi autuado em flagrante pelo crime de furto qualificado e por descumprimento do decreto estadual do artigo 268 do Código Penal”, disse o delegado.

Após os procedimentos de praxe, o suspeito foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória na cidade de Juína.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana