conecte-se conosco


Mulher

Meghan Markle revela ter sofrido aborto espontâneo; entenda os riscos

Publicado


source

Alto Astral

undefined
Reprodução: Alto Astral

Meghan Markle revela ter sofrido aborto espontâneo

Meghan Markle , a Duquesa de Sussex, revelou em um artigo autoral publicado pelo The New York Times nessa quarta-feira (25) que sofreu um aborto espontâneo em julho desse ano. O texto, nomeado “The losses we share” (“As perdas que compartilhamos”, em português), traz um relato emocionante da mulher de 39 anos sobre a perda de seu segundo filho.

A esposa de Príncipe Harry contou que vivia uma manhã como todas as outras quando, após trocar a fralda do filho Archie, de 1 ano, sentiu fortes cólicas e caiu no chão com o menino no colo. “Murmurei uma canção de ninar para tentar manter nós dois calmos, o tom alegre da música contrastava friamente com a sensação de que alguma coisa não estava certa”, recordou.

Em um dos trechos mais comoventes da carta, Meghan escreveu: “Eu sabia, enquanto segurava meu primeiro filho, que estava perdendo meu segundo”. Vale lembrar que a atriz é casada com o Príncipe Harry , Duque de Sussex, desde 2018, e deu à luz a Archie em maio de 2019.

O aborto espontâneo é caracterizado pela interrupção repentina da gravidez , que acontece de forma natural até a 22° semana de gestação. A seguir, as ginecologistas Alessandra Evangelista e Erica Mantelli explicam mais sobre o problema. Veja mais sobre o assunto e o relato da Duquesa!

Saiba mais sobre as causas e consequências do aborto espontâneo

Meghan Markle revela ter sofrido aborto espontâneo; entenda os riscos
Foto: Reprodução/Instagram/Sussexroyal

Causas

Geralmente, o aborto espontâneo ocorre no primeiro trimestre da gestação , principalmente por alterações genéticas que levam à má formação do bebê. “Também pode ser relacionado a drogas, alcoolismo, doenças crônicas como diabetes, alterações na tireoide, e até mesmo uso de medicamentos que podem prejudicar a gravidez. Outra causa é a incompetência istmocervical, ou seja, o colo do útero da mulher é enfraquecido e, conforme a gravidez evolui, o órgão não consegue segurar o bebê”, explica a ginecologista Erica Mantelli.

Cuidados necessários

De acordo com a ginecologista Alessandra Evangelista, é preciso manter um acompanhamento adequado com o médico obstetra, realizar todas as consultas do pré-natal e fazer os exames indicados, que servem tanto para avaliar a saúde da mãe quanto a do bebê . Além disso, a mulher grávida deve suplementar sua alimentação com o uso do ácido fólico por, pelo menos, três meses antes da gravidez a fim de garantir a boa formação do feto – tudo isso mediante a orientação de um profissional no assunto.

Aborto em números

“Na dor de nossa perda, meu marido e eu descobrimos que em um quarto com 100 mulheres, 10 a 20 delas sofreram aborto espontâneo”, relata Meghan Markle na carta no Times. Um pesquisa publicada pela revista científica Obstetrics & Gynecology revela que a interrupção involuntária da gestação ocorre entre 15% e 20% dos casos, sendo, em sua grande maioria, associados à má formação genética.

“No entanto, apesar da impressionante semelhança dessa dor, a conversa continua sendo um tabu, cheia de vergonha (injustificada) e perpetuando um ciclo de luto solitário”, questiona Meghan. A Duquesa de Sussex ainda pontua que as poucas mulheres que têm coragem de compartilhar suas histórias abrem portas para que outras também possam falar a verdade, assim como ela fez ao The New York Times .

Riscos pós-aborto

O principal risco para a mulher após enfrentar um aborto espontâneo é sofrer uma hemorragia severa, o que pode causar um quadro de anemia . Outras consequências são as infecções decorrentes do sangramento ou do procedimento de curetagem (realizado quando o feto não foi totalmente expelido). “Toda gestante que apresentar qualquer sangramento deve entrar em contato imediato com seu médico e se dirigir ao pronto-socorro obstétrico mais perto”, alerta a ginecologista.

Superando o trauma

Com o aborto espontâneo, as mulheres tendem a ficar abaladas e podem desenvolver problemas psicológicos e emocionais. “Perder um filho significa carregar uma dor quase insuportável. Muitas de nós passamos por isso, mas poucas conseguem falar sobre”, afirma Meghan Markle em carta.

Horas após sofrer o aborto, deitada em uma cama de hospital, a Duquesa revelou que segurou as mãos molhadas em lágrimas do marido e se perguntou como o casal iria se recuperar da perda.

Por isso, é importante que quem passou pela situação busque ajuda profissional para amenizar as consequências. Àquelas mulheres que desejam engravidar novamente, o indicado é procurar um ginecologista para identificar as causas do aborto espontâneo e evitar que a situação volte a acontecer.

Consultoria: Alessandra Evangelista e Erica Mantelli, ginecologistas | Texto: Redação Alto Astral e Milena Garcia

Fonte: IG Mulher

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mulher

Vegetais ricos em proteínas: 9 opções para incluir na sua dieta

Publicado


source

Alto Astral

Vegetais ricos em proteínas: 9 opções para incluir na sua dieta
Reprodução: Alto Astral

Vegetais ricos em proteínas: 9 opções para incluir na sua dieta

Se você é vegetariana , vegana ou apenas quer diminuir o consumo de alimentos de origem animal e ter uma alimentação mais saudável, nada melhor do que investir nos vegetais ricos em proteínas para substituir a carne.

De acordo com o  The Vegan Society , as proteínas são nutrientes essenciais no combate a infecções, no aumento da velocidade das reações do corpo, na construção de hormônios e no transporte de oxigênio. Elas são fundamentais para a construção dos órgãos, da pele e principalmente de massa muscular, por isso não pode faltar no cardápio. Confira uma lista com nove alimentos proteicos para você acrescentar à sua dieta!

Quais os vegetais ricos em proteínas vegetais?

Espinafre

Com 49% de proteína na sua composição, o alimento lidera a lista dos vegetais. O superalimento é fonte de vitaminas A, C, K e vitaminas do complexo B. Popularmente, ele é muito utilizado no combate a anemias por também ser uma fonte riquíssima de ferro.

Couve

Folha muito usada em refogados e sucos apresenta 45% de proteínas, além de ser rica em vitamina C, A e B6, fibras, cálcio, ferro e fósforo.

Brócolis

Também apresenta 45% de proteínas. É um vegetal rico em minerais, vitaminas e fibras, além de ter propriedades alcalinas que auxiliam no equilíbrio do organismo. 

Couve-flor

Com 40% de proteínas, ele é fonte de potássio, proteína, magnésio, fósforo, fibras, vitamina B6 e ácido fólico.

Salsinha

Muito usada na cozinha e como opção de chá refrescante, a salsa apresenta 34% de proteína. No cardápio, ela acrescenta vitaminas A, C e K que auxiliam no nosso sistema imunológico e cardiovascular.

Pepino

O pepino não é somente bom para a pele, ele é rico vitamina C, B5, potássio, magnésio, folato, fibras e antioxidantes. Composto 90% de água, o vegetal apresenta 24% de proteína que podem beneficiar os músculos. 

Você viu?

Pimentão

O vegetal possui 22% de proteínas e apresenta boas quantidades de vitaminas C e A e minerais como cálcio, fósforo e ferro. Ele também é rico em capsaicina, uma substância com propriedades vermífugas que ajudam a limpar o estômago.

Repolho

Com 22% de proteína, o vegetal possui fibra insolúvel, um tipo de carboidrato que ajuda a manter o sistema digestivo saudável.

Tomate

Muito usado em saladas, o fruto apresenta 18% de proteína, além de ser rico em vitaminas A, B e C, fósforo, ferro, potássio e antioxidantes, como o licopeno.

Colaboração: Boa Terra | Edição: Mariana Oliveira

Fonte: IG Mulher

Continue lendo

Mulher

Top 3 calçados que conquistaram o seu lugar no verão 2021!

Publicado


source

Janeiro é um dos meses mais quentes do ano e apesar do clima instável em muitas capitais o calor está sempre presente em nossos dias. Nesta temporada as tendências de moda seguem uma estética colorida, leve, com muitos itens feitos à mão e no mundo dos calçados não é diferente

Nos desfiles de primavera/ verão das grandes grifes como Chanel, Bottega Veneta e Balenciaga, podemos ver a presença nos calçados no mood mais descontraído, porém cheios de informações de moda, como as famosos mules trançadas da Bottega ou as espadrilles de palha da Chanel.

Confira abaixo os 3 modelos de calçado que estão fazendo os pés das influenciadoras nesta estação: 

Sandália de tiras colorida

O toque fun e colorido invadiu a cena fashion nos últimos meses: a cartela de tonalidades presentes nas sandálias cresceu significativamente. Os clássicos tons neutros – nude, preto e terrosos – saíram de cena para dar espaço para as cores vibrantes como laranja, amarelo, verde, rosa pink e muitas outras. 

Sandálias rasteiras , salto bloco e bico quadrado ganharam novas versões com tiras de inúmeras amarrações. Desta vez a estética de rústica das cordas são adornadas por materiais sofisticados como couro e a modernidade dos metalizados.

O truque para usar um calçado colorido é deixar o foco do look nos pés, apostando em peças mais neutras, como vestido branco ou combo short jeans e cropped de mangas bufantes rosé. Finalize com acessórios dourados para um visual cheio de personalidade. 

Sandália espadrille palha 

As famosas espadrilles também foram repaginadas, e nesta temporada o calçado aparece com a plataforma reta e um pouco mais baixa, sem contar os outros elementos modernos como: correntes, bordados e tons vibrantes. Inspirada no novo modelo da Chanel, a espadrille ganhou tiras entre os dedos (parecidas com o famoso chinelo Havaianas) e amarrações no tornozelo. 

Você viu?

Outras opções já aparecem com match perfeito entre os trançados robustos – que lembram o tradicional design da Bottega Veneta – junto à plataforma com o solado em palha Uma combinação diferente, porém que deu muito certo. 

A espadrille é um calçado versátil , confortável e fácil de combinar com os demais elementos do look. Em um visual casual, o vestido midi oversize com estampas delicadas é perfeito para combinar com as sandálias. Para um toque extra de estilo aposte nos acessórios coloridos, combinados com colares de correntes douradas, o resultado será incrível

Birken 

Já falamos sobre o sucesso das Birkens nesta temporada, mas não poderíamos deixá-la de incluir neste top 3, já que 8 em cada 10 looks de verão que vemos no Instagram são com as sandálias. Neste ano, o design casual e esportivo foi atualizado com materiais coloridos de borracha, além de algumas versões que apresentam fechos no tornozelo, lembrando uma papete. 

Podemos montar looks para diversas ocasiões com as birkens: praia, look trabalho, passeios e até visuais mais elaborados e noturnos. Praticidade, leveza, estilo e conforto é tudo o que buscamos em um calçado no verão, e a Birken oferece tudo com maestria.

Em um ambiente corporativo mais despojado é possível montar um look trabalho usando uma calça de linho caramelo e uma t-shirt, a combinação é perfeita! Para um visual polido e elaborado, escolha o calçado fechado na cor branca e finalize com um brinco de argolas média e um mix de anéis.

Outra opção estilosa para passeios diurnos, é criar um contraponto entre o estilo romântico com um toque robusto e esportivo. Aposte em um vestido floral curto junto ao bucket hat rosa bebe e uma bolsa de palha com pérolas. Toda nuance delicada é quebrada pelo peso da da sandália Birken preta, transmitindo muita informação de moda.

Os calçados são um dos itens mais importantes em um look, eles podem mudar completamente a vibe do visual: elevando o patar com o design sofisticado ou quebrando qualquer outro estilo com elementos pesados e robustos. Com as nossas dicas tenho certeza que saberá usar os modelos certos ao seu favor. 

No nosso top 3 calçados no momento, selecionamos as peças que estão bombando na cena fashion nacional, curtiu nossas escolhas? Deixe nos comentários o seu modelo favorito!

Fonte: IG Mulher

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana