conecte-se conosco


Política MT

Mendes vê solução como complexa, mas garante que definição sobre VLT já está próximo

Publicado

Governador revelou estudo está sendo realizado e citou dificuldades que prejudicaram a definição sobre a obra [Foto – Mayke Toscano]

O governador Mauro Mendes (DEM) afirmou, na manhã desta terça-feira (1), durante solenidade para assinatura da ordem de serviço para a retomada das obras do novo Hospital Universitário Júlio Müller, que a definição sobre o VLT (Veículo Leve sobre Trilhos) deve sair nos próximos meses – ou até em semanas. A obra, que já consumiu mais de R$ 1 bilhão dos cofres públicos era pra ficar pronta para a Copa do Mundo do Mundo de 2014 e está paralisada há seis anos.

De acordo com Mauro, o Governo realiza um estudo profundo sobre o tema para tomar uma decisão, devido à complexidade da obra, projetada para ligar Várzea Grande à Cuiabá

“Certamente vai haver uma decisão do VLT. Estamos realizando um estudo sobre a viabilidade técnica e econômica para Mato Grosso e também para Cuiabá e Várzea Grande. Acredito que nos próximos meses ou semanas teremos um veredito, que acima de tudo é técnico. É uma solução bastante complexa”, disse.

“O que é técnica e economicamente melhor para Mato Grosso, não só para Cuiabá e Várzea Grande. Porque eu, como governador, tomo decisão para todos os mato-grossenses. Em breve vocês terão noticias”, completou.

Ele ressaltou que várias questões acabaram prejudicando o andamento do levantamento técnico da obra como a pandemia de coronavírus e a troca do secretário nacional de Mobilidade Urbana, além das várias ações na Justiça que acompanham o andamento da obra desde o seu início.

“No ano passado fomos prejudicados porque trocou muito o secretário nacional de Mobilidade Urbana e a pandemia também nos atrasou. Mas estamos caminhando para a reta final. É fácil é fazer ‘postizinho’ e falar: ‘Termina, governador’, ‘não termina, governador’. Porque quem fala isso não tem compromisso com nada”, concluiu.

publicidade
1 comentário

1 comentário

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política MT

Salários do Estado continuarão sendo pagos dentro do mês trabalhado e 13º em duas parcelas; confira o calendário

Publicado

A primeira metade do 13º será quitada no dia 30 de junho de 2021 e a segunda no dia 17 de dezembro

O governador Mauro Mendes divulgou, na tarde desta segunda-feira (25), o calendário de pagamento do salário dos servidores públicos estaduais para o ano de 2021 e também do 13º salário.

O cronograma apresentado pela Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) mantém a garantia do pagamento da remuneração dentro do mês trabalhado.

Essa segurança na quitação dos vencimentos dos servidores é fruto do esforço realizado pela atual gestão para consertar o Governo, que hoje dispõe de equilíbrio fiscal, paga as contas em dia e possui capacidade recorde de investimentos por meio do programa Mais MT.

“Os servidores continuarão recebendo seus salários rigorosamente em dia, dentro do mês. Em alguns casos, antes mesmo do dia 30. Esse é um compromisso que firmamos e que temos honrado religiosamente, após termos organizado as contas do Estado por meio de redução de despesas, corte de gastos, renegociação de contratos, crescimento da receita e muitas outras medidas necessárias que tomamos”, afirmou o governador.

De acordo com o calendário, o 13º salário do servidor efetivo será pago em duas parcelas iguais. A primeira metade será quitada no dia 30 de junho de 2021 e a segunda no dia 17 de dezembro deste ano. Para os servidores comissionados, o pagamento será em parcela única, também no dia 17 de dezembro.

Confira abaixo o calendário completo:

 

Continue lendo

Política MT

Governador promete acelerar ritmo de investimentos através do Programa MT Mais

Publicado

Governador Mauro Mendes destaca alcance do Programa MT Mais [Foto – Tchelo Figueiredo]

O governador Mauro Mendes (DEM), aproveitou as entregas no final da semana passada de maquinários e outros itens para a agricultura familiar, e de 250 novas viaturas para a Segurança Pública, para admitir que a “casa está arrumada” e que seu governo concluiu com muito êxito o programa de recuperação do Estado: “conseguimos consertar o Estado”, disse Mendes.

“Colocamos as contas em ordem, os salários estão em dia, os fornecedores pagos, retomamos grande parte dessas quase 500 obras paralisadas, muitas já foram entregues, muitas em conclusão. Estamos agora com o maior programa de investimentos em obras e ações em curso, que é o Mais MT”.

Mendes recordou que ano passado o Estado tinham mais de mil quilômetros de rodovias sendo asfaltadas, além de 100 pontes construídas, de médio e grande porte. “Obras nas escolas, presídios sendo construídos, uma série de serviços em todas as áreas. Conseguimos, já em 2020, além de concluirmos com êxito esse programa de recuperação do Estado, consertar Mato Grosso, conseguimos, já, entregar muita coisa”, adiantou.

Conforme Mendes, o Programa MT Mais tem doze pilares, “desde a área da cultura, meio ambiente, eficiência pública, desburocratização dos serviços públicos, tornar o Estado mais rápido, mais eficiente em todas as áreas nós teremos investimentos que já estão acontecendo e vamos acelerar este ano”.

A previsão é de investimentos de R$ 3,1 bilhões este ano, sendo R$ 1,7 bilhão em recursos próprios, R$ 992,9 milhões em operações de crédito e R$ 334,5 milhões em convênios e emendas.

O programa tem recursos para escolas, hospitais, asfalto novo, pontes, aquisição de armamentos e equipamentos, qualificação profissional, assistência social, geração de empregos, melhoria da Educação Pública, e está dividido em 12 grandes eixos estruturantes: Segurança, Saúde, Educação, Social e Habitação, Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda, Infraestrutura, Turismo, Cultura, Esporte e Lazer, Simplifica MT, Eficiência Pública; Meio Ambiente, Agricultura Familiar e Regularização Fundiária.

 

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana