conecte-se conosco


Geral

Mato Grosso registra 6 mortes e 152 novos casos de Covid em 24 horas; 526 mil pacientes estão recuperados

Publicado

Há 93 internações em UTIs públicas e 42 em enfermarias públicas; taxa de ocupação está em 28% para UTIs e 7% em enfermarias

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (16), 542.919 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 13.882 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 6 mortes 152 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 542.919 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 2.032 estão em isolamento domiciliar e 526.375 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 93 internações em UTIs públicas e 42 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 28,35% para UTIs adulto e em 7% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (112.673), Várzea Grande (39.573), Rondonópolis (38.161), Sinop (26.144), Sorriso (18.352), Tangará da Serra (17.777), Lucas do Rio Verde (15.688), Primavera do Leste (14.762), Cáceres (11.899) e Alta Floresta (10.613).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 404.835 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 85 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na sexta-feira (15), o Governo Federal confirmou o total de 21.627.476 casos da Covid-19 no Brasil e 602.669 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país tinha 21.612.237 casos da Covid-19 no Brasil e 602.099 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados deste sábado (16).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

 

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Esposo afirma que médica acusada de atropelar verdureiro não bebeu e Justiça remarca depoimento

Publicado

Audiência foi remarcada para março de 2022 porque algumas testemunhas faltaram [Foto – Reprodução]

O juiz da 12ª Vara Criminal de Cuiabá, Flávio Miraglia Fernandes, decidiu remarcar para o dia 3 de março a audiência de instrução e julgamento da médica Letícia Bortolini, acusada de atropelar e matar o verdureiro Francisco Lúcio Mara, em abril de 2018.

A audiência de instrução foi marcada para esta quinta-feira (2), mas algumas testemunhas do caso faltaram e um policial teve dificuldade com o programa de internet.

A filha do verdureiro, Franci Silva foi a primeira a testemunhar. Em seu depoimento, ela afirmou que ficou revoltada com o tratamento dado pela médica ao saber que havia matado um verdureiro.

O marido da médica, o também médico Aritony de Alencar Menezes, foi o segundo a falar. Ele disse que estava dormindo no momento do acidente. Também destacou que a esposa não ingeriu bebida alcoólica e afirmou que ela não estava bem naquele dia. Segundo ele, o casal só se deu conta de que aconteceu alguma coisa quando chegou em casa. Afirmou que o carro da médica tem um sistema antichoque que não foi acionado.

O policial Rafael de Souza Cardoso também testemunhou nesta quinta, ele disse que a médica tinha sinais de embriaguez, no momento do acidente. Segundo ele, a acusada se recusou a fazer o teste do bafómetro logo após o atropelamento. Quanto ao teste feito na madrugada que deu negativo o policial disse que em seus anos de experiência nunca viu um teste de sangue apresentar resultado positivo para o uso de bebida alcoólica.

Já Bruno Duarte Pereira de Lins , disse que conhecia Francisco desde criança, contou que estava tentando ajudar Francisco a atravessar a avenida Miguel Sutil. Ele foi atrás do carro que o atropelou. Segundo ele, o carro dirigido por Letícia estava em alta velocidade no momento da colisão, contou que o barulho foi alto.

Continue lendo

Geral

Prefeito anuncia festa de Réveillon em Chapada dos Guimarães para “celebrar a vida”

Publicado


A programação do Réveillon deverá ser anunciada à imprensa e a população na próxima semana

O prefeito de Chapada dos Guimarães, Osmar Froner, declarou nesta quinta-feira (2) ser favorável à realização das festividades de final de ano. Segundo ele, Chapada vai celebrar a vida, com responsabilidade, segurança e prevenção. O gestor anunciou que o município se prepara para o lançamento da programação das festividades natalinas e de final de ano. A programação do Réveillon deverá ser anunciada à imprensa e a população na próxima semana.

Em Carta Aberta, apresentada durante coletiva de imprensa, o prefeito diz que com respaldo em decretos e protocolos sanitários vigentes nesse período o município seguira monitorando a orientação dos órgãos sanitários, e em caso contrário, tomará medidas necessárias para resguardar a vida.

“O nosso município de Chapada dos Guimarães, segue com um bom desempenho na vacinação contra a Covid-19, com a logística de enfrentamento montada pela Prefeitura Municipal por toda equipe e os esforços dos profissionais e participação e colaboração da população alcançamos um resultado com aproximadamente 90% da população vacinável imunizada”, diz trecho da carta.

“A própria redução de casos, internações e mortes refletem a segurança oferecida pela imunização alcançada no município. Vale informar que a Secretaria de Estado de Saúde – SES responsável pelas orientações sobre Covid – 19 no Estado e a ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Sanitária desde o inicio da pandemia covid -19 e recentemente pela variante OMICRON que se trata de um novo coronavírus tenho orientado as medidas para resguardar de todos nós brasileiros, como sempre com muita preocupação com a letalidade de cada nova ocorrência e neste último caso informar que não é uma variante de desespero para o “Medo ou achismo”, o imaginável, porque o Sistema Nacional de Saúde e toda rede é capaz de dar uma resposta as ocorrências de variações do coronavírus”, diz outro trecho da carta do prefeito Osmar Froner.

Segundo o prefeito, “o município não recebeu de órgãos federais e estaduais orientações sobre medidas para se chegar ao Lockdown que seria em base de “medo” promover o fechamento de praticamente tudo na cidade de Chapada dos Guimarães: comércios como bares, lanchonetes, pousadas, hotéis, eventos privados, materiais de construção e outros não essenciais, missas, culto, atividades esportivas em locais livres e academia, casamentos, aniversários e outros tipos de festinhas e apenas mantendo serviços essenciais como apenas alimentícios (mercados de gênero alimentícios), medicamentos (farmácias), combustíveis (postos de gasolina), Saúde (UPA, Clinicas de Saúde)”.

Osmar destacou que cabe ao gestor a análise para manter a rotina da população e que o gestor não pode administrar com “medo e achismo”. Neste sentido, por meio do Decreto Municipal nº111/2021, que será publicado nesta sexta-feira (3) irá manter o uso obrigatório de máscaras em ambientes abertos e fechados, e em espaço públicos ou privados, mas descartando medidas que caracterizam Lockdown na cidade.

Dados da Covid-19

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, nos últimos 15 dias foi registrado apenas (1) uma nova confirmação de caso de coronavírus na cidade. Apenas uma pessoa está em isolamento domiciliar e não há internações. Nenhuma pessoa está aguardando resultado de exames.

A classificação de risco do município, segundo o Decreto Estadual nº 874, de 25 de Março de 2021, é baixo (verde).

Balanço da vacinação contra a Covid-19

De acordo com os dados da Secretaria Estadual de Saúde de Mato Grosso, a população vacinável do município de Chapada dos Guimarães, de 12 anos ou mais, é de 16.806 pessoas.

A Secretaria Municipal de Saúde já vacinou 17.371 pessoas com a 1ª Dose (103,36%) e 13.384 pessoas com a 2ª Dose ( 79,63%).

Nesta semana, até sexta-feira (3) é esperado 1.800 pessoas para realização da 2ª dose, podendo atingir um total de 90% de pessoas que já terão recebido a 2º dose das vacinas.

 

 

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana