conecte-se conosco


Policial

Marido é preso em flagrante por abandono e maus tratos contra mulher paraplégica

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Uma mulher paraplégica e que vivia em condições desumanas em Cáceres (225 km a oeste de Cuiabá) foi resgatada pela equipe da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DDM) do município, na noite de segunda-feira (01.03), O marido da vítima, de 51 anos, foi preso em flagrante por maus tratos e abandono de incapaz.

As diligências iniciaram após a delegacia receber uma denúncia anônima sobre o caso e os policiais civis foram até a residência, no bairro Vila Real, para averiguação. Chegando no local a equipe se deparou com a mulher de 46 anos acamada em decorrência de um acidente vascular cerebral (AVC), e com o corpo raquítico. Ela estava sem comer, sem beber água e com a mesma fralda o dia todo. 

A vítima relatou que seu esposo a deixava na cama sozinha todos os dias e somente retornava de madrugada. Quando reclamava do abandono, ela era insultada e humilhada. Na casa, os policiais constataram que não havia alimentos na geladeira, apenas restos de bolachas. Ela também revelou que o marido recebia e ficava com todo o dinheiro de sua aposentadoria. Em entrevista com os vizinhos, estes confirmaram que o esposo aparecia apenas de noite.

Diante da situação, a Polícia Civil solicitou apoio da assistência social da Prefeitura de Cáceres e também acionou o Samu, que levou a vítima até o hospital  para receber atendimento médico e adequado, pois a mulher apresentava a saúde bastante debilitada.

Conforme a titular da Delegacia da Mulher de Cáceres, Judá Marcondes, no final do atendimento da ocorrência, o marido da vítima chegou no local e foi detido e encaminhado à unidade policial para esclarecimentos. Depois de ser ouvido, ele foi autuado em flagrante pelos crimes de  maus tratos e abandono de incapaz.

Fonte: PJC MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

Suspeito de estuprar e agredir vítima por mais de 10 horas é preso em flagrante pela Polícia Civil em Sorriso

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Sorriso (442 km ao norte de Cuiabá) prendeu em flagrante neste sábado (17.04), um homem apontado como autor de crime de estupro e cárcere privado ocorrido durante a madrugada no município. O suspeito, de 21 anos, é vizinho da vítima e a manteve refém por quase 12 horas enquanto praticava os abusos e agressões.

As diligências iniciaram após a vítima, de 25 anos, comparecer à Delegacia de Sorriso, visivelmente abalada e com vários hematomas pelo corpo para comunicar o crime. A comunicação ocorreu logo após ser libertada pelo agressor. Segundo as informações, o suspeito pulou o muro da sua casa por volta de meia noite e meia,  e em posse de uma faca a ameaçou, agrediu fisicamente e obrigou a vítima a manter relações sexuais no período em que permaneceu dentro da residência.

Além do abuso sexual, a vítima foi agredida com socos, tapas e mordidas, a todo tempo sendo ameaçada com a faca. O suspeito ainda filmou a vítima e disse que publicaria os vídeos nas redes sociais, caso fosse denunciado.

O suspeito manteve a vítima em cárcere até 11 horas deste sábado (17), momento em que ela conseguiu convencê-lo de que não iria o denunciar e que deveria liberá-la.

 Assim que foi acionada dos fatos, a equipe da Delegacia de Sorriso, coordenada pelo delegado José Getúlio Daniel iniciou as diligências em buscas do suspeito, conseguindo realizar sua prisão em flagrante.  O suspeito foi flagrando com a motocicleta da vítima no estacionamento de um supermercado da cidade.

Ele foi conduzido à Delegacia de sorriso e após ser interrogado foi autuado em flagrante pelo crime de estupro.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Polícia Civil cumpre prisão de homem suspeito de abusar do próprio filho em Sorriso

Publicado

 

Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem suspeito de estupro de vulnerável cometido contra o próprio filho teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, neste sábado (17.04), em Sorriso (442 km ao norte de Cuiabá).

O suspeito, de 44 anos, era investigado desde maio de 2019 quando a avó da criança registrou boletim de ocorrência na Polícia Civil de Sorriso relatando que desconfiava dos abusos cometidos contra o neto, na época com cinco anos de idade.

Segundo as informações, a criança constantemente apresentava hematomas e reclamava de dores nas partes íntimas. A mãe da criança não acreditava que o filho estivesse sofrendo os abusos e não levava o menino ao médico.

Durante as investigações, a vítima foi ouvida em depoimento especial e relatou os abusos praticados pelo pai. Com base nas evidências colhidas, foi decretada a prisão preventiva do suspeito que foi cumprida neste sábado pelos policiais da Delegacia de Sorriso.

Em ação coordenada pelo delegado José Getulio Daniel, o suspeito foi localizado em sua  na empresa recuperadora e tornearia, no bairro Industrial, onde teve a ordem de prisão cumprida. Ele foi conduzido à Delegacia de Sorriso para as providências de praxe e posteriormente colocado á disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana