conecte-se conosco


Entretenimento

‘Mania por estar acima do peso’, diz pastor que puxou blusa ao encostar criança

Publicado


source
Pastor falou de polêmicas
Reprodução/Instagram

Pastor falou de polêmicas

Um vídeo de um momento descontraído publicado por Wesley Safadão, nos stories do Instagram, neste fim de semana, vem dando muito o que falar. As imagens viralizaram e, junto com ela, uma grande polêmica: o pastor André Vitor, que acompanha a família de Safadão há anos, aparece por trás de uma criança (menina) e, em determinado momento, ele a abraça e depois ela se solta para continuar pulando e comemorando junto aos demais presentes.

Para alguns internautas, a postura do pastor vem sendo taxada de pedofilia, porque logo após encostar na menina, ele aparece abaixando bem a camisa. Algumas pessoas interpretaram a atitude de baixar ainda mais a camisa como se ele tivesse tentando esconder que estivesse em um momento de excitação após encostar na criança. Por conta dos ataques que o pastor e a família de Safadão vinham sofrendo, o cantor apagou as imagens dos stories, mas elas já tinham viralizado.


A coluna procurou o pastor André Vitor, que prontamente se pronunciou sobre o assunto e esclareceu por que puxava a camisa pra baixo após encostar na menina. “Posso te mandar dezenas de fotos e vídeos que eu estou nesta mesma posição (de puxar a camisa pra baixo). Estou acima do peso e isso é uma mania minha (para evitar que a barriga fique à mostra)”, explica.

“Uma grande loucura e injustiça que já está sendo acompanhada por uma equipe criminal, por tentarem manipular uma situação contra mim sem sequer saberem quem sou. Os pais da criança, que são praticamente meus irmãos, e eu, estamos todos juntos pra não levarem isso mais à frente, porque é uma maldade sem precedentes comigo, que só planto o bem e tenho total familiaridade e amor. Somos todos família e, principalmente, com uma criança que não pode jamais ter esse estigma de assediada, porque é muito bem tratada e amada por todos nós. Estamos todos muito indignados”, desabafou o pastor.

Fonte: IG GENTE

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entretenimento

‘A Fazenda 13’: Erika Schneider critica Dayane sobre expulsão de Nego do Borel

Publicado


source
'A Fazenda 13': Erika Schneider critica Dayane sobre expulsão de Nego do Borel
Reprodução/PlayPlus

‘A Fazenda 13’: Erika Schneider critica Dayane sobre expulsão de Nego do Borel


Os peões Rico Melquiades, Marina Ferrari e Erika Schneider de “A Fazenda 13” se reuniram na cozinha para conversar nesta segunda-feira (27).


Durante bate-papo, Erika criticou postura de Dayane Mello após expulsão do cantor Nego do Borel por dormir com a modelo bêbada. “O que aconteceu com o Nego, ninguém sabe. Uma hora conta uma coisa, outra hora conta outra coisa”, afirmou.

“Eu achei o jeito dela muito estranho”, concordou Marina.

Em contra partida, Rico defendeu a peoa. “Ela não quer prejudicar o cara, não quer falar que transou com o cara. Ela não quer se expor. […] Ela não quer expor isso aqui, ela tá certa”, explicou.

“Aconteceu alguma coisa e tá tudo mal contado”, respondeu a loira.

Nego do Borel foi expulso do reality  no último sábado (25) após ser acusado de assédio e estupro de vulnerável da peoa Dayane Mello. 

Fonte: IG GENTE

Continue lendo

Entretenimento

Rolling Stones: conheça o baterista substituto de Charlie Watts

Publicado


source
Conheça o novo baterista do Rolling Stones
Reprodução/Instagram

Conheça o novo baterista do Rolling Stones


Os Rolling Stones abriram a turnê “No Filter” no último domingo (26) em St. Louis, Missouri, sem a presença do baterista Charlie Watts, que morreu em agosto deste ano. Para substituí-lo, o múscio Steve Jordan foi escolhido. Antes mesmo de Watts falecer, a banda já havia comunicado que ele ficaria afastado devido a uma cirurgia e que caberia a Jordan o papel de baterista durante os 13 shows da turnê.

Steve Jordan é parceiro dos Stones de longa data e chegou a fazer parte do X-Pensive Winos, grupo paralelo de Keith Richards. A primeira vez que Jordan participou de gravações dos Rolling Stones foi em 1986, quando gravavam o álbum “Dirty Work” e, um ano depois, substituiu Watts, que não estava disponível para participar de um documentário de Chuck Berry chamado “Hail! Saudação! Rock ‘n’ Roll”.

Em 1992, Keith Richards convidou Steve Jordan para colaborar em seu álbum solo “Main Offender”, parceria que se repetiu em 2015 com o lançamento de “Crosseyed Heart”.


Além dos Rolling Stones

Por trás dos holofotes, começou a carreira ainda adolescente quando se tornou membro honorário da banda de Stevie Wonder, “WonderLove”. Durante os anos 1970 e 1980, ele era membro das bandas dos programas de televisão Saturday Night Live e Late Night with David Letterman. Além de baterista, Jordan é cantor, compositor e produtor, chegou a trabalhar com nomes como Eric Clapton, Neil Young, Bob Dylan, Billy Joel, BB King, Stevie Nicks, Kelly Clarkson e John Mayer.

Nego do Borel : Acusações contra cantor, investigado por estupro, são noticiadas por imprensa estrangeira

Na carreira, teve a oportunidade de ser nomeado e vencer o Grammy. Ele venceu como produtor do álbum “Buddy Guy’s Bring ‘Em In”, de Robert Cray e foi nomeado pelo álbum “Take Your Shoes Off” do mesmo artista. Além disso, produziu álbuns vencedores do prêmio como Continuum, de John Mayer, That I Say, de John Scofield, Possabilities de Herbie Hancock, e 23rd St. Lullaby and Play It As It Lays, com Patti Scialfa.

Steve Jordan, em 2009, se aventurou no cinema e também foi bem sucedido. Recebeu outra indicação ao Grammy por melhor álbum de trilha sonora de compilação para um filme, televisão ou outra mídia visual, por seu trabalho na trilha sonora da produçao “Cadillac Records

Fonte: IG GENTE

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana