conecte-se conosco


Economia

Linx (LINX3) recebe parecer técnico positivo para fusão com Stone

Publicado


source
Linx (LINX3) recebe parecer técnico positivo para fusão com Stone
Redação 1Bilhão Educação Financeira

Linx (LINX3) recebe parecer técnico positivo para fusão com Stone

Linx (LINX3) recebe parecer técnico positivo para fusão com Stone

O parecer técnico da Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) recomendou a aprovação sem restrições do acordo de fusão da Linx (LINX3) com a Stone (NASDAQ:STNE), informaram as companhias na quarta-feira (7).

Segundo a Linx, a companhia manterá os acionistas e o mercado em geral informados acerca do andamento do referido processo e da decisão final que vier a ser proferida pelo Tribunal Administrativo do Cade.

Até lá, aponta o comunicado, as companhias continuarão operando de forma independente.

Linx (LINX3) recebe parecer técnico positivo para fusão com Stone

Linx

A Linx anunciou que seu produto TEF Linx já recebeu integração para operar pagamentos via Pix.

A companhia elencou dados do Banco Central (BC) que mostram que até o dia 14 de janeiro, 56 milhões de pessoas cadastraram ao menos uma chave Pix. A novidade já alcançou mais de ¼ da população brasileira em menos de três meses.

No total, foram realizadas mais de 237 milhões de operações com o novo sistema, movimentando mais de R$ 203 bilhões no período. No entanto, a maior parte dessas transações ocorrem em transferências entre pessoas físicas.

Você viu?

O TEF Linx foi desenvolvido pela Linx Pay Hub e funciona a partir do sistema de Transferência Eletrônica De Fundos (TEF). A tecnologia do TEF realiza todo o processo de pagamento, integrando o sistema de vendas dos varejistas com as principais empresas adquirentes e carteiras digitais responsáveis pela autorização do pagamento.

“Por estar totalmente integrado ao sistema de ponto de venda do varejista, o pagamento com o Pix via TEF será contabilizado como qualquer outro. O comprovante é emitido assim que a compra for confirmada, em no máximo 10 segundos, e o varejista terá a visualização completa dos seus recebíveis no final do dia, da semana ou do mês”, comenta Denis Piovezan, VP da Linx Pay Hub.

Na prática

Na prática, o cliente ganha o tradicional canhoto de recibo e o varejista garante que o pagamento aconteceu no sistema, coletando informações sobre a conta bancária em que o valor entrou, taxas aplicadas à transação, montante recebido via Pix em um determinado período e estratégias de ofertas para a modalidade.

Piovezan explica que o pagamento instantâneo será feito a partir de um QR Code, gerado no momento da compra, que estará disponível na tela do sistema de venda ou na loja com o sistema TEF Linx integrado ao Pix e/ou QR Linx. Neste momento, bastará ao cliente utilizar seu internet banking ou sua carteira digital preferida em um dispositivo móvel, como um smartphone, para ler o código e realizar o pagamento.

Veja LINX3 na Bolsa :

alt

  • Só clique aqui se já for investidor

O post Linx (LINX3) recebe parecer técnico positivo para fusão com Stone apareceu primeiro em 1 Bilhão Educação Financeira .

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Bolsonaro sanciona projeto que libera gastos econômicos e pandemia fora do Teto

Publicado


source
Esse é o primeiro passo para a sanção do Orçamento de 2021, que deve ser assinado por Bolsonaro nesta quinta-feira (22)
Alan Santos/PR – 25.7.2019

Esse é o primeiro passo para a sanção do Orçamento de 2021, que deve ser assinado por Bolsonaro nesta quinta-feira (22)

O presidente Jair Bolsonaro sancionou o projeto de lei que libera a reedição de medidas econômicas contra a pandemia da Covid-19 e viabilizou o acordo para o Orçamento de 2021 , que precisa ser sancionado até amanhã, quinta-feira (22).

A alteração das diretrizes orçamentárias para esse ano retira a exigência de compensação para despesas temporárias. É isso que vai possibilitar que o governo retome ações como a medida provisória 936, que criou o programa de manutenção do emprego e renda (BEm) , e o Pronampe , uma linha de crédito específica para pequenas empresas.

O Ministério da Economia estima que as duas medidas custarão R$ 15 bilhões – são R$ 10 bilhões para o programa que permite a redução de jornada e salário e a suspensão de contratos de trabalho e  R$ 5 bilhões para os empréstimos.

Fora do teto

A proposta inicial do governo apenas alterava um dispositivo da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2021 para permitir a execução de projetos com duração apenas no ano corrente sem a necessidade de apresentar medida compensatória para a despesa.

Isso permitiria editar as ações fora do teto de gastos, a regra que limita o aumento das despesas da União à inflação, mas ainda exigiria a observância da meta fiscal. O texto final, no entanto, retirou os gastos com a pandemia – como as despesas de saúde, do Pronampe e do BEm – da meta do resultado das contas públicas para 2021.

Você viu?

Dessa forma, o governo não terá de modificar a meta para acomodar esses novos gastos. Para esse ano, é previsto um déficit de R$ 247 bilhões. Os R$ 44 bilhões do auxílio emergencial já estavam fora da meta fiscal.

O texto também autoriza que o Executivo faça bloqueios dos gastos livres e investimentos no valor necessário para cobrir as despesas obrigatórias. De acordo com o governo, essa medida vai permitir que sejam recompostos as dotações da Previdência e outros gastos obrigatórios, como subvenções econômicas ao plano Safra e o abono-salarial e seguro desemprego, que acabaram subestimadas no Orçamento.

Veto à emenda

Além dessas modificações, os parlamentares incluíram um dispositivo que permitia a assinatura de contratos e a realização de transferências e doações para municípios com até 50 mil habitantes em situação de inadimplência com a União. Essa inclusão havia sido feita após apresentação de emendas do deputado Lucas Vergílio (Solidariedade-GO) e do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), líder do governo no Senado.

Bolsonaro vetou esse trecho, a pedido da equipe econômica. A avaliação é de que, ainda que a intenção do Legislativo serja louvável, a medida enfraqueceria o controle das contas públicas e a fiscalização dos valores transferidos pela União.

“Os municípios com menos de 50.000 habitantes representam cerca de 88% dos municípios brasileiros, fato que, combinado com as exceções já existentes, tornaria os instrumentos de controle e de boa gestão fiscal ineficazes”, diz a mensagem de Bolsonaro que justifica o veto.

Continue lendo

Economia

Humorista reclama da falta de álcool em gel em voo da Latam

Publicado


source
Em redes sociais, usuários reclamaram dos protocolos de distanciamento da empresa
Gabriel Araújo

Em redes sociais, usuários reclamaram dos protocolos de distanciamento da empresa

O humorista, Paulo Vieira, reclamou da falta de fornecimento de álcool em gel em um voo da Latam Brasil entre São Paulo e Rio de Janeiro na sexta-feira (20). Nas redes sociais, o ator questionou a falta do produto e ironizou que a pandemia teria acabado para a empresa.

“Não tem álcool em gel no avião. Acabou a pandemia na Latam”, disse o comediante, em publicação no Twitter.

Após a publicação, vários usuários reclamaram dos protocolos de distanciamento da empresa área. Em uma das mensagens, uma mulher argumentou que ficou na mesma fileira de outros dois passageiros durante uma viagem de São Paulo à Porto Alegre.


Você viu?


Confira outras reclamações de usuários sobre os protocolos da Latam

Em nota, a LATAM informou que está apurando o ocorrido e que entrará em contato com o humorista para mais detalhes da reclamação. 

Confira a nota da empresa

A LATAM informa que está apurando o ocorrido e em contato o cliente para os devidos esclarecimentos.

Vale reforçar que o Grupo LATAM Airlines agiu proativamente desde março de 2020 para assegurar o cuidado com as pessoas durante toda a crise de Covid-19, implementando as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e das autoridades sanitárias dos países onde opera. Em todos os voos, é obrigatório o uso de máscara durante toda a viagem, o álcool gel está disponível na cabine e é oferecido um serviço de bordo com menos interação entre a tripulação e os passageiros. Da mesma forma, toda a frota da LATAM está equipada com filtros HEPA (High Efficiency Particulate Arrestance), capazes de remover 99,97% das partículas, incluindo vírus e bactérias, graças à renovação do ar a cada 3 minutos, o que garante um ambiente permanentemente higienizado .

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana