conecte-se conosco


Saúde

Jovem americano fica com “pulmão de 70 anos” após uso de cigarro eletrônico

Publicado

O famoso cigarro eletrônico, ou vape, quase matou um adolescente de 18 anos nos Estados Unidos. Adam Hergenreder, morador de Gurnee, em Illinois, foi hospitalizado no fim de agosto após fazer o uso do aparelho por um ano e meio. De acordo com a equipe médica, seu pulmão está com aspecto de um idoso de 70 anos.

jovem doente arrow-options
Reprodução/ CBS News

O jovem Adam Hergenreder, de 18 anos, usou cigarro eletrônico por 1 ano e meio e está gravemente doente

Leia também: Os perigos do cigarro e como parar de furmar

Ao canal CNN Health , Adam comentou o choque ao saber o que o cigarro eletrônico tinha feito com seu corpo. “Foi assustador pensar nisso – aquele pequeno aparelho fez isso nos meus pulmões”, declarou ele.

O médico pneumologista Stephen Amesbury, que atendeu Adam no Advocate Condell Medical Center, comentou que mais alguns dias sem assistência médica o jovem teria morrido. “Se a mãe não o levasse ao hospital nos próximos dois a tres dias, sua respiração poderia piorar a ponto de ele ter morrido. Era uma doença pulmonar grave , especialmente para uma pessoa jovem. Ele estava com falta de ar, respirava pesadamente”, disse o médico.

A discussão em torno do vape é mundial. Centenas de usuários do aparelho têm ficado doentes nos Estados Unidos e já foram contabilizadas seis mortes só em 2019. Os especialistas ainda não encontraram uma causa para a doença que está sendo tratada como misteriosa.

“Isso é importante porque estamos vendo um aumento absoluto nas crianças do ensino médio que usam esses produtos com sabor. Hortelã, mentol, sabor de frutas, sabor de álcool, chiclete”, disse o secretário de Saúde e Serviços Humanos dos EUA, Alex Azar.

Adam Hergenreder usava o vape de nicotina e THC e não tem certeza se os seus pulmões voltarão a 100% de sua funcionalidade. “Eu era um lutador do colégio antes disso e talvez nunca consiga lutar, porque esse é um esporte muito físico e meus pulmões podem não ser capazes de aguentar esses esforço … é triste”, desabafa o jovem.

E como é a situação do cigarro eletrônico no Brasil?

cigarro eletrônico arrow-options
Ana Weiss/ IG

No Brasil a comercialização do cigarro eletrônico é proibida pela Anvisa, porém muitos lugares ainda vendem o produto

No Brasil a comercialização de qualquer produto eletrônico que simule o cigarro é desautorizada pela Agencia Nacional de Vigilância Sanitária ( Anvisa ) desde o ano de 2009. Porém, é muito comum encontrar os  vaporizadores no centro de São Paulo ou em alguns sites de lojas grandes.

Diferentemente dos Estados Unidos, por aqui não foram registradas mortes pelo uso do cigarro eletrônico até então, porém é importante tomar cuidado com o que é consumido.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Covid-19: fiscalização pune 286 empresas em São Paulo

Publicado


Por descumprimento de regras para o enfrentamento da covid-19, foram autuados  no estado de São Paulo 286 estabelecimentos de sexta-feira (26) à noite até a noite de ontem (28). A fiscalização ocorreu dentro de uma ação conjunta do Procon, Vigilância Sanitária e Polícia Militar.

As empresas punidas descumpriram os horários de funcionamento ou normas como o uso obrigatório de máscaras por clientes e funcionários.

A fiscalização interrompeu festas que atraíram centenas de pessoas, como numa casa noturna que tinha 200 clientes sem máscaras em um ambiente fechado na zona norte da capital paulista na madrugada de ontem (28).

Na Penha, zona leste da capital, 190 pessoas participavam de um baile para idosos. No Jardim América e Vila Olímpia, zona oeste, foram autuados restaurantes que também apresentavam aglomerações.

Restrições

Na última quarta-feira (24), o governo de São Paulo anunciou restrições para a circulação após às 23h, assim como o fechamento de todas as atividades não essenciais após esse horário.

Além da fiscalização, a Vigilância Sanitária também está atuando a partir de denúncias que podem ser feitas 24 horas por dia pelo telefone 0800 771 3541 ou e-mail.

A partir de hoje (1º), toda a Grande São Paulo entra na Fase Laranja do plano de quarentena do governo estadual. O funcionamento dos serviços não essenciais é limitado até oito horas diárias, com atendimento presencial máximo de 40% da capacidade e encerramento às 20h. 

O consumo em bares está proibido, mas é permitido o funcionamento presencial se o bar operar como um restaurante, somente servindo refeição.

Edição: Kleber Sampaio

Fonte: EBC Saúde

Continue lendo

Saúde

Covid-19: Senado vota amanhã medida provisória que facilita compra de vacinas

Publicado


source
A Medida Provisória (MP) 1.026/2021, que facilita a compra de vacinas contra a Covid-19, será votada amanhã
Pixabay/Creative Commons

A Medida Provisória (MP) 1.026/2021, que facilita a compra de vacinas contra a Covid-19, será votada amanhã








Você viu?



A MP (Medida Provisória) 1.026/2021, que facilita a compra de vacinas contra a Covid-19 , é um dos quatro itens da pauta da sessão deliberativa do Plenário do Senado amanhã. O texto foi aprovado pela Câmara dos Deputados na última terça (23) e dispensa licitação e estabelece regras mais flexíveis para a aquisição de insumos e serviços necessários à imunização. As informações são da Agência Senado .

A medida determina que a aplicação de vacinas siga o PNI (Plano Nacional de Imunização) do Ministério da Saúde e autoriza os estados e municípios a comprar e aplicar os imunizantes, caso a União não aquira doses suficientes para os grupos prioritários previstos. A MP foi aprovada pela Câmara na forma do Projeto de Lei de Conversão (PLV) 1/2021.



A medida acompanha o entendimento do STF (Supremo Tribunal Federal), que permitiu aos entes da Federação a compra e distribuição de vacinas, caso o governo federal não cumpra o plano de imunização. O relator da matéria é o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana