conecte-se conosco


Entretenimento

“John Wick 3” amplia universo da franquia e apresenta cenas de ação alucinantes

Publicado

Não é exagero dizer que Keanu Reeves se encontrou no personagem John Wick, que de cult, se transformou em uma franquia cujas ramificações emanam do cinema para os games e para a TV. O personagem, que volta aos cinemas no terceiro capítulo intitulado “Parabellum” não dá sinais de desgaste e é a maior aposta do estúdio de médio porte Lionsgate para a temporada 2019 – no Brasil a distribuição compete à Paris Filmes.


Cena do filme John Wick
Divulgação

Keanu Reeves em ação em uma das melhores cenas de luta do novo John Wick

Dirigido por Chad Stahelski, um ex-dublê convertido em cineasta com essa série iniciada em 2014, “ John Wick 3: Parabellum” eleva o já altíssimo patamar da franquia em matéria de cenas de ação. As coreografias são arrasadoras e imaginativas e as cenas, em si, pensadas para provocar o maior impacto – além de a maioria fazer uma boa ponte para o game em FPS (First Person Shooter) que se avizinha.

Leia também: Keanu Reeves adota a filosofia do menos é mais em “De Volta ao Jogo”

O novo filme começa instantes depois do fim de “Um Novo Dia para Matar” (2017) e John está prestes a se tornar excomungado pela confraria de assassinos que faz parte. Ele precisa agir rápido já que toda Nova York, quase que em uma afirmação literal, vai tentar eliminá-lo para garantir o bônus de US$ 14 milhões.

Leia Também:  Há oito anos estreava “Game of Thrones”, maior fenômeno cultural contemporâneo

Os primeiros 20 minutos do filme são alucinantes. São os momentos mais geniais do cinema de ação na década juntamente de “Mad Max: Estrada para a Fúria” (2015). A cena em que John e mercenários chineses fazem um duelo de facas é francamente aflitiva de um modo que o cinema de ação desaprendeu a ser.

Altos e baixos


John Wick
Divulgação

Keanu Reeves e Angelica Huston em cena de John Wick 3

A partir daí e com John cobrando favores – ele também tem sua cota de promissórias e tíquetes para coletar – “Parabellum” se incumbe de expandir esse universo de assassinos e seus códigos de conduta. É neste contexto justamente que o filme se apequena diante dos anteriores. Além de algumas opções narrativas contestáveis, ainda que com alguma verossimilhança, essa expansão acaba por minar a força desse terceiro filme com reviravoltas sem muito sentido para o personagem.

Leia também: “John Wick: Um Novo Dia Para Matar” aposta no humor e em violência coreografada

Se Ian McShane como Winston, o gerente do Continental (o hotel –refúgio para os associados) de Nova York , ganha força e projeção, a personagem de Halle Berry, uma ex-aliada de Wick a quem ele procura para cobrar uma dívida, responde por um dos momentos mais desinteressantes da trama. Essa irregularidade torna “Parabellum” um filme menos empolgante, mas que não deve comprometer seus efeitos junto aos fãs.

Leia Também:  Jornalista Paloma Tocci inaugura espaço infantil em São Paulo

Se narrativamente o longa tem seus percalços, o mesmo não se pode dizer das cenas de ação. Nesse departamento, Stahelski não economiza na megalomania e propõe desde cavalos assassinos (Wick usa coices como arma de defesa em mais um dos grandes momentos do personagem) a uma luta do protagonista com dois fãs já no clímax.


A atriz Halle Berry em cena de John Wick 3
Divulgação

Halle Berry em cena de John Wick 3

Hiperbólico e sem vergonha alguma dessa condição, “Parabellum” tem em Keanu Reeves seu contraponto ideal. Mais um performer do que um ator aqui, Reeves percebe que a composição desse personagem exige traquejos dramáticos e físicos em compassos diferentes.

Leia também: Keanu Reeves explica franquia “John Wick” em 60 segundos em vídeo bem-humorado

O desfecho, com direito a gancho ainda mais escancarado do que o do filme anterior, demonstra que John Wick ainda tem fôlego no cinema e a julgar pelo que se vê nesse terceiro capítulo, ninguém pode ousar discordar.

Fonte: IG Gente
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Entretenimento

Youtuber forja morte da namorada para ganhar mais seguidores

Publicado

source

Uma estrela do YouTube canadense confessou ter mentido sobre a morte da namorada e ter feito uma sessão falsa para “entrar em contato com o espírito dela” só para conseguir mais inscritos no canal dele. As informações são do jornal britânico Independent .

Leia também: Com milhões de inscritos, Enaldinho concorre a melhor youtuber da América Latina

Jason Ethier arrow-options
Reprodução

Jason Ethier

Em vídeos publicados na semana passada, o youtuber Jason Ethier afirmou que sua namorada e também produtora de conteúdo Alexia Marano havia sido morta por um motorista bêbado.

Leia também: Surpreendente! Descubra quem mais faturou no YouTube em 2019

No dia seguinte, Jason Ethier postou imagens de um memorial que ele teria montado para a garota. Depois, gravou outro vídeo em que usava a “Tábua de Ouija” para entrar em contato com o espírito da menina.

Em novo post, nesta semana, ele admitiu que Alexia estava viva e que teria terminado o relacionamento com ele. “Quero começar dizendo que sinto muito pela família de Alexia por ter passado por momentos difíceis ​​com a ‘morte’ da filha”, disse.

Leia Também:  Ludmilla acorda cedo e revela motivo: “Olhando pra Bru dormindo”

Na gravação, Ethier reconhece que inventou a história para conquistar novos seguidores e que esperava que o assunto não se espalhasse para além do YouTube. O canal dele estreou em 2016 e atualmente possui 5,4 milhões de inscritos.

Leia também: Youtuber é sentenciado a dez anos de prisão por chantagem com menores de idade

O youtuber é famoso pelos vídeos em que tenta entrar em contato com o espírito de celebridades mortas, como o rapper XXXTentacion. Em 2018, Ethier foi preso no “Disney’s Magic Kingdom”, nos Estados Unidos, após tentar fazer uma transmissão ao vivo de dentro do parque.

Fonte: IG Gente
Continue lendo

Entretenimento

Bolsonaro dá “carta branca” para Regina Duarte na Secretaria de Cultura

Publicado

source

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira que a atriz Regina Duarte terá liberdade para “trocar quem ela quiser” na Secretaria de Cultura, caso aceite o convite para comandar o órgão. Bolsonaro disse que pode haver uma definição da situação na quarta-feira (28), e afirmou que Regina está “tomando pé da situação” porque irá virar “vidraça” se assumir o cargo.

Leia também: Regina Duarte usa web para criticar o “marxismo cultural”

Regina Duarte arrow-options
Divulgação

Regina Duarte

Leia também: Anitta detona proposta de Regina Duarte contra pancadões

Regina Duarte . Talvez amanhã (confirme). Amanhã temos um encontro com os sertanejos, vou ligar para ela agora à tarde. Ela está tomando pé da situação, porque vira vidraça. Já um montão de coisa acontece. Se ela tem disposição realmente, para mim seria excepcional, acho até que para ela, tem a oportunidade de mostrar realmente como fazer cultura no Brasil. Ela tem realmente conhecimento do que vai fazer. Precisa de gente com gestão ao seu lado. Tem cargo para isso, ela vai poder trocar quem ela quiser lá, sem nenhum problema. Tem tudo para dar certo”, disse Bolsonaro , ao chegar no Palácio da Alvorada, após retornar de viagem à Índia.

Leia Também:  Tiago fica enciumado com a chegada de Sofia em “Amor de Mãe”

O presidente disse que conversou com Regina sobre o que fazer na área e afirmou que a ideia é uma cultura “sem o víes de esquerda” e “para o povo de maneira geral”. “Conversei com ela, como tratar a questão da cultura no Brasil sem o viés de esquerda que tinha, só dava minoria. Nós queremos uma cultura para o povo de maneira geral”.

Leia também: Cotada para a Cultura, Regina Duarte recebe quase R$ 7 mil de pensão militar

O presidente ainda declarou que o ex-secretário Roberto Alvim, demitido após copiar trechos de um discurso nazista, é “página virada”: “Não queira me empurrar para cima do Alvim, você não vai conseguir. Alvim é página virada, agora é Regina Duarte  [na Secretaria de Cultura “.

Fonte: IG Gente
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana