conecte-se conosco


Carros e Motos

Jeep Gladiator, a picape do Wrangler, será vendida no Brasil

Publicado

Jeep Gladiator arrow-options
Divulgação

Jeep Gladiator é o utilitário Wrangler de caçamba, e estará disponível nas lojas em 2020

A picape Jeep Gladiator já havia aparecido nos registros de patentes da FCA no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial) há alguns meses, mas só agora recebeu sinal verde para chegar às concessionárias brasileiras. O modelo estará disponível em meados da metade de 2020, mas versões ainda não foram anunciadas.

LEIA MAIS: Flagra! Renault Duster renovado é visto sendo transportado junto do novo

Nos Estados Unidos – seu país de origem – a Jeep Gladiator conta com quatro versões: Sport (US$ 33.545), Sport S (US$ 36.755), Overland (US$ 43.395) e Rubicon (US$ 43.545). Com exceção da caçamba, o design é exatamente o mesmo do irmão Wrangler . Os faróis serão full-LED, e sua construção trará muitos componentes em alumínio. Assim como o irmão, o teto poderá ser removido.

Outro destaque fica por conta da conectividade, com o seu sistema multimídia Uconnect de 7 ou 8,4 polegadas, além de painel de instrumentos com tela de 3,5 ou 7 polegadas, dependendo da versão. Para a versão Rubicon americana, uma câmera frontal ainda auxiliará o campo visual.

LEIA MAIS: Nissan Frontier ganha novas cores e equipamentos na versão 2020

A carroceria da picape é montada sobre chassi e acompanha todas as novidades do Wrangler de nova geração. Segundo a fabricante, tem a melhor capacidade de reboque e carga da categoria, com mais 3.000 kg de reboque e 725 kg de carga.

LEIA MAIS: Conheça 5 modelos totalmente inéditos que serão lançados em 2020

O Jeep Gladiator estará disponível com duas motorizações: V6 3.6 a gasolina Pentastar, com 289 cv e 35,9 kgfm, e V6 3.0 turbodiesel, com 263 cv e 61,1 kgfm. O motor a gasolina pode vir com câmbio manual de seis marchas, ou automático, de oito, enquanto o diesel oferece apenas o automático. A Jeep destaca diversas tecnologias para ser mais eficiente no fora-de-estrada , como diferencial traseiro blocante, barra estabilizadora desconectável, pneus maiores, entre outros itens.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carros e Motos

Preço da gasolina tem variação de 28% nos estados brasileiros

Publicado


source
gasolina
Divulgação

Confira os preços da gasolina por região

O preço da gasolina registrou variação de até 28% na primeira quinzena de setembro, aponta o levantamento da Ticket Log, empresa de soluções de abastecimento e gestão de veículos. Segundo os dados divulgados hoje (25), o Acre registrou o maior valor do combustível fóssil, sendo encontrado a R$ 5,13 por litro. O menor preço é do Amapá, com média de R$ 4,00.

Todas as regiões do Brasil sofreram aumento no preço do combustível em setembro, na comparação com o mês anterior. A região Centro-Oeste tem a gasolina mais cara do Brasil, sendo encontrada pelo valor médio de R$ 4,62 por litro. Na Região Sul, o combustível é 5% mais barato, e pode ser adquirido por R$ 4,39 nas bombas.

Já o etanol teve flutuação de 58% nos preços entre estados brasileiros. Segundo a Ticket Log, o maior preço do combustível de cana-de-açúcar foi encontrado no Rio Grande do Sul, onde custa R$ 4,11 por litro. O menor valor foi encontrado em São Paulo, por R$ 2,68. O etanol custa, em média, R$ 3,55 por litro no Brasil.

O diesel convencional e o S-10 foram os combustíveis que apresentaram maior alta no período – 4,22% e 4% respectivamente. O diesel comum apresentou média de valor de R$ 3,742 nas bombas brasileiras e o diesel S-10 de R$ 3,78.

Preço da gasolina por região
Ticket Log

Preço da gasolina por região


Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Carros e Motos

Confira detalhes das novas gerações 4 de SUVs médios híbridos

Publicado


source

Uma nova geração de SUVs médios eletrificados despontam hoje no mercado mundial. O Ford Escape, o Honda CR-V e o Toyota RAV4, todos com versões híbridas, estão entre os modelos mais destacados. Agora, junta-se a esta turma a novo Hyundai Tucson, que inclui versões híbridas e híbridas plug-in.

O Tucson chega em 2021 entre os novos SUVs médios com um novo design muito mais expressivo e vários recursos de tecnologia. A versão híbrida terá motor elétrico de 48V combinando com o 1.6 turbo a gasolina, com 150 cv ou 180 cv. A potência combinada é de 230 cv.

 1 – Hyundai Tucson

A trajetória da coreana Hyundai no Brasil começou com o Tucson . Inicialmente importado, o SUV abriu caminho para ela ser uma das principais marcas do País. Por aqui, Hyundai parou com modelo, mas pode retornar com o novo Tucson.

2 – Ford Escape

A Ford, por dia fez, deve lançar no Brasil o Escape (na Europa chamado de Kuga) no mercado de SUVs híbridos plug-in. Ele já é vendido na Argentina. Produzido na plataforma do Focus, o Escape permite que sua bateria seja recarregada até numa tomada doméstica. Com carga total, a bateria de 14,4 kWh é suficiente para percorrer 50 km no modo elétrico

O Ford Escape tem um motor 2.5 16V a gasolina que gera de 165 cv. Combinado com um motor elétrico a potência sobe para 200 cv. A transmissão é automática e há versões com tração dianteira e integral.

3 – Honda CR-V

Outro SUV híbrido de impacto que deve estreiar por aqui é o Honda CR-V . A Honda já anuncia a chegada nas concessionárias norte-americanas do modelo no início de 2021. Sob o capô, ele é semelhante ao sistema usado no Honda Accord Hybrid. O trem de força combina um motor a gasolina de 2.0 litros com um motor elétrico proporcionando uma potência total de 212 cavalos.

4 – Toyota RAV4

Apesar de já ter o RAV Hybrid vendida no Brasil, a Toyota promete agora o lançamento da versão Prime. Ele é um híbrido plug-in de 306 cv e de acordo com dados de fábrica, a aceração de 0 a 100 km/h é feita em apenas 5,8 segundos .

O Toyota RAV4 Prime 2021, equipado com uma bateria de 18,1 kWh. Tem autonomia de 67,6 km no modo elétrico e de 965 km combinado com o motor à gasolina.

A Toyota já vende no Brasil o RAV-4 híbrido e deverá lançar a versão Prime, um dos SUVs eletrificados mais potentes da categoria. Com diversos avanços tecnológicos, esses SUVs médios reúnem o melhor de dois mundos: modernidade com economia de combustível. A questão é que no mercado brasileiro estes modelos são importamos e podem ter preços acima dos R$ 200 mil.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana