conecte-se conosco


Economia

Janguiê Diniz é o novo sócio da 4.events, que mira crescimento de 100% em 2021

Publicado


source
Empresário Janguiê Diniz é o novo sócio da 4.Events
Divulgação

Empresário Janguiê Diniz é o novo sócio da 4.Events

O empreendedor Janguiê Diniz , fundador e presidente do Conselho de Administração do grupo Ser Educacional, é o novo sócio conselheiro da 4.events , empresa que oferece soluções digitais para realização de eventos. Ele adquiriu participação no empreendimento por meio de seu Family Office Epitychia. A empresa, que, durante a pandemia, voltou-se aos eventos online, prepara-se para a retomada das atividades presenciais com a integração entre online e offline, estimando um crescimento, em 2021, de 100%.

A 4.events surgiu em 2014, dentro do ambiente acadêmico da Universidade de São Paulo ( USP ), como uma ferramenta a auxiliar a organização de eventos . “Geralmente, essa organização é algo gigantesco. É preciso pensar em várias etapas, desde a programação, confecção e envio dos convites, emissão de certificados etc. O que oferecemos é uma plataforma que integra todos esses processos, facilitando a vida dos organizadores”, explica o fundador e CEO da empresa, Vitor Pereira .

A chegada de Janguiê Diniz como novo sócio e conselheiro vem para somar a experiência e visão de mercado do empreendedor à tecnologia e aos serviços inovadores do empreendimento. “Eu vejo na 4.events um grande potencial de crescimento, principalmente a partir da retomada dos eventos presenciais, assim que possível. Vamos trabalhar para impulsionar as atividades e direcionar a empresa em escala ascendente, a fim de se posicionar, no futuro próximo, como referência no mercado de eventos”, pontua.

Inovação e reinvenção foram os dois pontos que guiaram a 4.events durante o período da pandemia. “A pandemia congelou o mercado de eventos, que ainda sofre bastante. Nós fomos a primeira empresa a adotar os eventos online e híbridos”, destaca Vitor Pereira. “Além de transformar nossa plataforma, criamos uma academia educacional que ensina a produzir eventos online, além de sermos a única empresa brasileira do setor a oferecer um estúdio de transmissão online, similar ao Google Meet, com várias ferramentas. Nosso principal objetivo é trazer a experiência do offline para o online, para que os participantes se sintam de fato dentro de um evento”, completa.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Leilão da cessão onerosa do pré-sal deve ocorrer em dezembro; veja o que esperar

Publicado


source
Leilão da cessão onerosa do pré-sal será em dezembro
Reprodução/Petrobras

Leilão da cessão onerosa do pré-sal será em dezembro

O secretário-executivo adjunto do Ministério de Minas e Energia, Bruno Eustáquio, disse que a segunda rodada do leilão do excedente da cessão onerosa (excedente do volume de petróleo e gás que a União cedeu à Petrobras ) dos campos de petróleo e gás natural nos blocos de Sépia e Atapu deve ser realizada no dia 17 de dezembro.

Esse deve ser o maior leilão de blocos de campos de petróleo e gás natural da camada do pré-sal de 2021. Na primeira rodada não houve interessados nos dois blocos, apenas nos de Búzios e de Itapu. Segundo Eustáquio, isso não deve se repetir dessa vez. “Temos evidências, já no presente, de participação de importantes empresas”, disse.

Junto com o primeiro leilão já realizado, a expectativa é arrecadar R$ 204 bilhões em investimentos até 2050 e gerar 110 mil empregos . “Um projeto que transformará o nosso setor de petróleo e gás e transformará também toda a nossa sociedade que colherá frutos disso”. Além disso, com a operação dos campos é esperada uma arrecadação de, aproximadamente, R$ 110 bilhões por parte do governo federal com a venda dos barris.

“Estamos falando de um reposicionamento do Brasil no ranking de produtores de petróleo e gás”, disse. Hoje o país produz cerca de 2,9 milhões de barris/dia. No pico de produção haverá adição de mais 560 mil barris/dia. “Isso significa 20% da nossa produção hoje”.

O secretário-executivo adjunto do ministério disse que estados e municípios terão sua fatia nos lucros. No bônus de assinatura – que é de R$ 11,1 bilhões – serão direcionados R$ 7,3 bilhões para esses entes federativos. A expectativa é de que o bônus seja pago até fevereiro de 2022.

“Todos os brasileiros ganham na partida e ganham ao longo do projeto na medida que nós teremos arrecadação via royalties e impostos e ganham também através dos investimentos consequente da geração de emprego e renda.”

Continue lendo

Economia

Auxílio emergencial: Caixa paga nova rodada do benefício neste domingo; confira

Publicado


source
Auxílio emergencial
Sophia Bernardes

Auxílio emergencial

Trabalhadores informais nascidos em  agosto  recebem hoje (25) a quarta parcela da nova rodada do  auxílio emergencial . O benefício terá parcelas de R$ 150 a R$ 375 , dependendo da família. O saque em dinheiro ficará disponível a partir de 12 de agosto

O pagamento também será feito a inscritos no Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos no mesmo mês. O dinheiro será depositado nas contas poupança digitais e poderá ser movimentado pelo aplicativo Caixa Tem. Somente de duas a três semanas após o depósito, o dinheiro poderá ser sacado em espécie ou transferido para uma conta-corrente.

No último dia 15, a Caixa anunciou a antecipação do pagamento da quarta parcela. O calendário de depósitos, que começaria hoje e terminaria em 22 de agosto, teve o início antecipado para o último dia 17 e será concluído em 30 de julho.

Ao todo 45,6 milhões de brasileiros serão beneficiados pela nova rodada do auxílio emergencial. O auxílio será pago apenas a quem recebia o benefício em dezembro de 2020. Também é necessário cumprir outros requisitos para ter direito à nova rodada. Calendário de saques da terceira parcela do auxílio emergencial 2021.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana