conecte-se conosco


Esportes

Internacional vence Palmeiras nos pênaltis e vai às semis da Copa do Brasil

Publicado

Lance

Pelas quartas de final da Copa do Brasil%2C Inter bate o Palmeiras nos pênaltis arrow-options
Max Peixoto/DiaEsportivo/Agência O Globo

Pelas quartas de final da Copa do Brasil, Inter bate o Palmeiras nos pênaltis


O Internacional está nas semifinais da Copa do Brasil. Depois da vitória colorada, por 1 a 0, no tempo regulamentar, com gol de Patrick, os donos da casa levaram a melhor nos pênaltis, nesta quarta-feira, no Beira-Rio e venceram por 5 a 4. Marcelo Lomba defendeu a cobrança de Gustavo Gómez e Moisés mandou a bola no travessão. Weverton defendeu a do autor do gol. 

Com o resultado, o time gaúcho enfrenta o Cruzeiro na semifinal, nos dias 7 e 14 de agosto. Na outra chave, Grêmio e Athletico-PR lutam pela vaga na decisão. 

Pressão colorada
Em desvantagem pela derrota de 1 a 0, no jogo de ida no Allianz Parque, o Inter conseguiu fazer o jogo ideal no Beira-Rio, com maior posse de bola e uma marcação no campo de defesa no Palmeiras, que não deixou espaços para os rivais criarem. Os donos da casa eram comandados por D´Alessandro e exploravam as laterais. Weverton fez boas defesas em finalizações de Moledo, Nico López e Guerrero. Do outro lado, o Verdão conseguiu encaixar alguns contra-ataques e Lomba teve trabalho com Deyverson e Dudu. 

Leia Também:  Argentina bate o Catar e vai às quartas; Colômbia vence e complica o Paraguai

Valeu insistir
Nos minutos finais da primeira etapa, o Inter cresceu, empurrado pelos mais de 40 mil torcedores presentes. E a insistência deu resultado. Aos 40, Patrick aproveitou rebote de um chute de Edenilson e finalizou da entrada da área. A bola desviou em Luan e encobriu Weverton para quebrar o recorde de 1200 minutos sem sofrer gols da dupla de zaga alviverde. O resultado levava a partida para os pênaltis. 

Paredão palmeirense
O segundo tempo começou com o Inter em busca de mais um gol, em ritmo. Weverton brilhou com grandes defesas em lances de Nico López e Cuesta, impedido. Mas o Verdão, mais compacto com a entrada de Moisés, conseguiu conter o ímpeto do Colorado. A partida ficou truncada com menos oportunidades para ambos os lados. Aos 37, o árbitro chegou a apontar um pênalti para o Palmeiras, anulado após revisão no vídeo. 

VAR em ação
Nos acréscimos, o sentimento de frustração tomou conta do Beira-Rio. Após cobrança de escanteio de D´Alessandro, Cuesta ganha pelo alto e marcou o que seria o gol da classificação colorada. Na revisão do lance, no entanto, o árbitro viu falta em Felipe Melo. O camisa 10 do Inter foi ainda expulso por reclamação. 

Leia Também:  EUA vai ou não na Casa Branca? Alex Morgan diz que decisão será coletiva

Pênaltis
Nas penalidades, Lomba defendeu cobrança de Gustavo Gómez e Weverton, a de Patrick. Nas batidas alternadas, Moisés mandou a bola no travessão e confirmou a sofrida classificação dos gaúchos. 

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 1 (5) X (4) 0 PALMEIRAS

Data/Hora: 17/07/2019, às 21h30 (de Brasília)
Local: Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
Gramado: Bom
Público/ Renda: 38.836 pagantes; 42.344 presentes/R$ 2.306.661,00.
Árbitro: Rafael Traci (SC) Nota L!: 5,5 – Decisões polêmicas para os dois lados
Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa-PR) e Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (Fifa-RJ)
Árbitro de vídeo: Rodrigo D’alonso Ferreira (SC)
Assistentes de VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ) e Michael Correia (RJ)
Cartões amarelos: Nico López, D´Alessandro, Wellington Silva (INT); Dudu, Luan, Gustavo Gómez, Marcos Rocha (PAL)
Cartões Vermelhos: D´Alessandro, 49’/2ºT (INT) e Pedro Lucas, 55’/2ºT (INT)

Gol: Patrick (40’/1ºT, 1-0)

Pênalits: Guerrero (1-0), Bruno Henrique (1-1), Rafael Sobis (2-1), Edenilon (3-1), Diogo Barbosa (3-2), Rodrigo Lindoso (4-2), Luan (4-3), Willian (4-4), Nonato (5-4)

Internacional: Marcelo Lomba; Bruno (Nonato, 30’/2ºT), Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Uendel (Wellington Silva, 41’/2ºT); Rodrigo Lindoso, Edenilson e Patrick; D’Alessandro, Nico López (Rafael Sobis, 19’/2ºT) e Guerrero Técnico: Odair Hellmann

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Lucas Lima (Moisés, intervalo); Dudu, Zé Rafael (Willian, 13’/2ºT) e Deyverson (Carlos Eduardo, 29’/2ºT) Técnico: Luiz Felipe Scolari

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Esportes

Em noite de estreia, Operário bate Poconé, União vence Mixto e LEC cede empate ao Dom Bosco

Publicado


Operário inaugurou o estádio e o placar, vencendo o Poconé /Foto: Alan Cosme/ Futebolpress

O União e Operário se deram bem e conseguiram os três primeiros pontos na noite de abertura do Campeonato Mato-grossense de Futebol, enquanto que o Luverdense cedeu empate ao Dom Bosco, em 1 a 1, e, pelo menos, não estrearam com derrota.

Em Rondonópolis, jogando em casa contra o Mixto, o Colorado bateu os visitantes pelo placar de 2 a 0, em jogo muito corrido, principalmente no primeiro tempo. Melhor postado, o União dominou parte do primeiro tempo, até os gols, quando recuou e deu espaço aos alvinegros. O Colorado abriu o marcador com Cabralzinho, aos nove da primeira etapa e João Emanuel ampliou dez minutos depois. No segundo tempo, o Mixto cresceu na partida, mas prevaleceu o resultado.

Inaugurando o seu estádio, o Dito Souza, o Operário venceu o Poconé por 1 a 0, gol do meia-atacante Pikachu, aos 34 minutos do segundo tempo. Ao norte do Estado, o Luverdense cedeu empate ao Dom Bosco, depois de sair na frente com Kauê, aos 11 minuto da primeira etapa, e dominar o jogo durante os dois tempos. Com precipitação e cansaço, o Verdão se manteve no placar até os 33 minutos da segunda etapa, quando Isael escorou um cruzamento firme da esquerda: 1 a1. O Dom Bosco ainda perdeu um pênalti aos 15 da etapa final.

Leia Também:  Brasil faz último treino antes de duelo com a Escócia, nesta segunda

A RODADA QUE SEGUE NESTA 4ª

Mais dois jogos têm sequência nesta quarta-feira 22: na Arena Pantanal, às 20:10, o atual campeão, o Cuiabá, recebe o debutante Nova Mutum. No Gigante do Norte, no mesmo horário, o Sinop faz sua estreia contra o Araguaia.

A RODADA DESTA TERÇA-FEIRA 21

União 2 x 0 Mixto

Operário 1 x 0 Poconé

Luverdense 1 x 1 Dom Bosco

Continue lendo

Esportes

Mato-grossense: campeonato abre nesta 3ª e União e Mixto é único clássico da rodada

Publicado

Mixto e União, uma das maiores rivalidades do futebol mato-grossense, é o único clássico da primeira rodada do Campeonato Mato-grossense de Futebol, que tem abertura nesta terça-feira 21 com quatro partidas e um jogo na quarta-feira 22.

Nas demais partidas, não há rivalidade tão expressiva. O Araguaia vai ao Gigante do Norte, onde joga com o Sinop, time da casa. Numa outra ponta, o Operário recebe o Poconé, no seu novíssimo estádio, o Dito Souza. Ao norte, o Luverdense estreia em casa, no Passo das Emas, contra o Dom Bosco. A rodada se encerra com o jogo entre o atual campeão, o Cuiabá, que recebe o debutante Nova Mutum, que subiu após conquistar o título da segunda divisão, no ano passado.

A Federação Mato-grossense de Futebol manteve os moldes da edição passada, com dez clubes buscando o título (Araguaia, Cuiabá, Dom Bosco, Luverdense, Mixto, Nova Mutum, Operário Várzea-grandense, Poconé, Sinop e União). A edição 2020 terá a mesma fórmula deste ano: é Chave única com dez times se enfrentando apenas em jogos de ida. Os oito primeiros colocados se classificam as quartas de finais, enquanto os dois últimos serão rebaixados.

Leia Também:  Majestoso na final do Paulistão 2019: Veja curiosidades e números do clássico

No mata-mata, as equipes se enfrentam em jogos de ida e volta, incluindo a decisão. O clube de melhor campanha, fará a finalíssima em casa. A novidade para a temporada 2020 será a disputa de terceiro e quarto lugar em jogo único na casa do time de melhor campanha na 1ª fase.

SITUAÇÃO DOS ESTÁDIOS

Os estádios que receberão jogos nesta primeira rodada estão em ordem, segundo informou a Federação Mato-grossense de Futebol (FMF), promotora do campeonato.

Há dois deles em que as obras ainda estão em andamento, mas os times da casa não são mandantes. É o caso do Zeca Costa, casa do Araguaia, que joga no Gigantão do Norte – em condições de jogos, e do estádio Valdir Wolz, cujo mandante é o Nova Mutum, que joga na Arena Pantanal contra o Cuiabá, na quarta-feira.

VEJA A 1ª RODADA

Terça-feira (21)

União x Mixto –  Estádio Luthero Lopes – 20:10 h

Luverdense x Dom Bosco – Estádio Passo das Emas – 20:10h

Operário x Poconé –  Estádio Dito Souza – 20h10 h

Leia Também:  EUA vai ou não na Casa Branca? Alex Morgan diz que decisão será coletiva

Quarta-feira (22)

Sinop x Araguaia – Estádio Gigante do Norte 20:10h

Cuiabá x Nova Mutum – Arena Pantanal – 20:10

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana