conecte-se conosco


Esportes

Internacional vence Palmeiras nos pênaltis e vai às semis da Copa do Brasil

Publicado

Lance

Pelas quartas de final da Copa do Brasil%2C Inter bate o Palmeiras nos pênaltis arrow-options
Max Peixoto/DiaEsportivo/Agência O Globo

Pelas quartas de final da Copa do Brasil, Inter bate o Palmeiras nos pênaltis


O Internacional está nas semifinais da Copa do Brasil. Depois da vitória colorada, por 1 a 0, no tempo regulamentar, com gol de Patrick, os donos da casa levaram a melhor nos pênaltis, nesta quarta-feira, no Beira-Rio e venceram por 5 a 4. Marcelo Lomba defendeu a cobrança de Gustavo Gómez e Moisés mandou a bola no travessão. Weverton defendeu a do autor do gol. 

Com o resultado, o time gaúcho enfrenta o Cruzeiro na semifinal, nos dias 7 e 14 de agosto. Na outra chave, Grêmio e Athletico-PR lutam pela vaga na decisão. 

Pressão colorada
Em desvantagem pela derrota de 1 a 0, no jogo de ida no Allianz Parque, o Inter conseguiu fazer o jogo ideal no Beira-Rio, com maior posse de bola e uma marcação no campo de defesa no Palmeiras, que não deixou espaços para os rivais criarem. Os donos da casa eram comandados por D´Alessandro e exploravam as laterais. Weverton fez boas defesas em finalizações de Moledo, Nico López e Guerrero. Do outro lado, o Verdão conseguiu encaixar alguns contra-ataques e Lomba teve trabalho com Deyverson e Dudu. 

Leia Também:  Canarinho recebe mascote da Copa América no Museu Seleção Brasileira

Valeu insistir
Nos minutos finais da primeira etapa, o Inter cresceu, empurrado pelos mais de 40 mil torcedores presentes. E a insistência deu resultado. Aos 40, Patrick aproveitou rebote de um chute de Edenilson e finalizou da entrada da área. A bola desviou em Luan e encobriu Weverton para quebrar o recorde de 1200 minutos sem sofrer gols da dupla de zaga alviverde. O resultado levava a partida para os pênaltis. 

Paredão palmeirense
O segundo tempo começou com o Inter em busca de mais um gol, em ritmo. Weverton brilhou com grandes defesas em lances de Nico López e Cuesta, impedido. Mas o Verdão, mais compacto com a entrada de Moisés, conseguiu conter o ímpeto do Colorado. A partida ficou truncada com menos oportunidades para ambos os lados. Aos 37, o árbitro chegou a apontar um pênalti para o Palmeiras, anulado após revisão no vídeo. 

VAR em ação
Nos acréscimos, o sentimento de frustração tomou conta do Beira-Rio. Após cobrança de escanteio de D´Alessandro, Cuesta ganha pelo alto e marcou o que seria o gol da classificação colorada. Na revisão do lance, no entanto, o árbitro viu falta em Felipe Melo. O camisa 10 do Inter foi ainda expulso por reclamação. 

Leia Também:  “Chegada de CR7 não garantia a conquista da Champions”, diz técnico da Juventus

Pênaltis
Nas penalidades, Lomba defendeu cobrança de Gustavo Gómez e Weverton, a de Patrick. Nas batidas alternadas, Moisés mandou a bola no travessão e confirmou a sofrida classificação dos gaúchos. 

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 1 (5) X (4) 0 PALMEIRAS

Data/Hora: 17/07/2019, às 21h30 (de Brasília)
Local: Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
Gramado: Bom
Público/ Renda: 38.836 pagantes; 42.344 presentes/R$ 2.306.661,00.
Árbitro: Rafael Traci (SC) Nota L!: 5,5 – Decisões polêmicas para os dois lados
Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa-PR) e Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (Fifa-RJ)
Árbitro de vídeo: Rodrigo D’alonso Ferreira (SC)
Assistentes de VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ) e Michael Correia (RJ)
Cartões amarelos: Nico López, D´Alessandro, Wellington Silva (INT); Dudu, Luan, Gustavo Gómez, Marcos Rocha (PAL)
Cartões Vermelhos: D´Alessandro, 49’/2ºT (INT) e Pedro Lucas, 55’/2ºT (INT)

Gol: Patrick (40’/1ºT, 1-0)

Pênalits: Guerrero (1-0), Bruno Henrique (1-1), Rafael Sobis (2-1), Edenilon (3-1), Diogo Barbosa (3-2), Rodrigo Lindoso (4-2), Luan (4-3), Willian (4-4), Nonato (5-4)

Internacional: Marcelo Lomba; Bruno (Nonato, 30’/2ºT), Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Uendel (Wellington Silva, 41’/2ºT); Rodrigo Lindoso, Edenilson e Patrick; D’Alessandro, Nico López (Rafael Sobis, 19’/2ºT) e Guerrero Técnico: Odair Hellmann

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Lucas Lima (Moisés, intervalo); Dudu, Zé Rafael (Willian, 13’/2ºT) e Deyverson (Carlos Eduardo, 29’/2ºT) Técnico: Luiz Felipe Scolari

Fonte: IG Esportes
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Esportes

Cuiabá 2 x 0 Botafogo-SP – Com Radio ODOC ligada, Dourado dá show, faz 2 e dorme no G4

Publicado

JORGE MACIEL

O Cuiabá recebeu o Botafogo-SP na Arena Pantanal e conquistou uma importante vitória por 2 a 0 em confronto direto pela 18ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time da casa dorme no G4.

A vitória levou o Cuiabá aos 29 pontos, mesma pontuação do quinto colocado Sport, que ainda joga no sábado contra a Ponte Preta. A equipe mato-grossense fica em quarto porque tem oito vitórias, uma a mais do que os pernambucanos.

O Botafogo, por sua vez, segue estacionado nos 27 pontos e perde a oportunidade de ingressar entre os quatro primeiros. Mesmo assim, na sexta colocação, a equipe de Ribeirão Preto segue na briga pelo acesso.

RÁDIO ODOC LIGADA! Este jogo contou com transmissão, ao vivo, pela Rádio ODOC, sob o  comando de Pereira Bueno, narração de Paulo Garcia, reportagens e de Altair Bueno e P. Brazil. Os comentários de Wilson Santos.

DOURADO COMEÇA MELHOR O jogo começou estudado e com as duas equipes mostrando cautela e evitando se lançar ao setor ofensivo. No entanto, quando o Cuiabá se aventurou no ataque, foi letal.

Leia Também:  Boca Juniors acerta a contratação do volante italiano De Rossi, ex-Roma

Aos 29 minutos, Paulinho cruzou da esquerda e o atacante Gilmar se antecipou à defesa adversária para desviar de cabeça e abrir o placar.

O Botafogo tentou responder ainda na primeira etapa e por pouco não empatou com Henan, recebendo boa bola em profundidade de Nadson, mas o goleiro Victor Souza saiu bem e evitou a finalização.

VENCEU E CONVENCEU Após o intervalo, o Cuiabá assumiu postura ainda mais ofensiva. Mesmo com o placar favorável, o time da casa passou a pressionar em buscar do segundo gol para sacramentar a vitória.

De tanto insistir, o gol saiu aos 37 minutos, após linda troca de passes do time da casa. Coube a Jean Patrick finalizar a jogada bem construída e, com um chute de perna direita, estufar as redes.

Recuado, o Botafogo teve um segundo tempo muito abaixo do que vem apresentando na competição e não conseguiu reagir ao ímpeto ofensivo do adversário.

PRÓXIMOS JOGOS As duas equipes voltam a campo na próxima terça-feira, pela 19ª rodada da Série B. O Botafogo recebe o Paraná no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, enquanto o Cuiabá vai ao estádio Olímpico de Goiânia para encarar o Vila Nova.

Leia Também:  Grêmio é superado pela U. Católica e se complica na Libertadores

Continue lendo

Esportes

Série B – Jogadores do Figueira dão trégua e não farão WO contra CRB

Publicado

O torcedor do Figueirense pode respirar aliviado porque o clube não será excluído da Série B do Brasileiro. Na noite desta quinta-feira, por meio de uma nota oficial, os jogadores descartaram um novo W.O neste sábado, diante do CRB, no Orlando Scarpelli, pela 18ª rodada.

Na nota divulgada pelo advogado Felipi Rino, os jogadores criticaram a falta de diálogo dos dirigentes e confirmaram que vão encerrar a greve nesta sexta-feira, quando fazem o único treinamento antes do jogo. A decisão foi tomada em respeito ao Figueirense e aos torcedores.

“Assim, em respeito á instituição Figueirense FC e à nossa torcida, que tem nos apoiado tanto, decidimos, mesmo sem que a Diretoria tenha cumprido com NENHUMA das nossas exigências, não tenha efetuado os pagamentos salariais e Direitos de Imagem, não dialogue conosco, retornar aos treinos amanhã, confirmando que estaremos em busca da vitória na partida de sábado”, dizia parte da nota.

Se não entrasse em campo diante do CRB, o Figueirense seria excluído da Série B e automaticamente rebaixado para a Série C, de acordo com o parágrafo III do artigo 203 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

Leia Também:  CSA recebe proposta milionária e pode ser vendido para chineses

Os jogadores, porém, não descartam uma nova paralisação “caso o impasse não seja resolvido pela Diretoria”. Na última terça-feira, também através de uma nota oficial, os dirigentes prometeram acabar com as pendências financeiras até a próxima quarta.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana