conecte-se conosco


Saúde

Inscrições para a 2ª fase do Programa Mais Médicos começam nesta segunda-feira

Publicado

Mais Médicos
Divulgação/ Ministério da Saúde

Profissionais interessados terão até o dia 12 para realizar a inscrição no programa

A partir desta segunda-feira (8) começam as inscrições para a 2ª fase do edital do  Programa Mais Médicos, agora destinadas a brasileiros formados no exterior. Os profissionais interessados em aderir ao programa terão entre os dias 8 e 12 de julho para fazer a inscrição.

Leia também: Pesquisa indica que massagem pode ser uma grande aliada contra a dor

As inscrições no Mais Médicos terão que ser feitas exclusivamente pela internet, através do Sistema de Gerenciamento de Programas (SGP). Quanto aos médicos que tiveram as inscrições concluídas na 1ª fase do edital, o prazo para se apresentarem nas cidades escolhidas terminou no dia 28 de junho.

Os números consolidados dos médicos homologados e a lista dos municípios com vagas preenchidas serão divulgados a partir desta segunda-feira no site do programa .

Os municípios contemplados neste edital do Mais Médicos são de áreas historicamente com maiores dificuldades de acesso – a exemplo das ribeirinhas, fluviais, quilombolas e indígenas – e que dependem do atendimento do Sistema Único de Saúde ( SUS ).

Leia Também:  Entenda como as mudanças nos planos de saúde vão afetar sua vida

As pessoas que vivem nas áreas mais vulneráveis do Brasil terão um reforço na assistência à Atenção Primária pelo Programa Mais Médicos a partir deste mês. Até o momento, 1.481 profissionais brasileiros já começaram a atuar nas unidades de saúde.

Leia também: Ministério da Saúde anuncia R$ 233 milhões para atenção primária

Fonte: IG Saúde
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Saúde

Guia Alimentar Brasileiro poderá ser adaptado para outros países

Publicado

O Guia Alimentar para Crianças Brasileiras Menores de 2 Anos, publicação feita pelo Ministério da Saúde com o intuito de combater a obesidade infantil, poderá ser adaptado e usado por outros países que têm o português como língua oficial. A sugestão foi apresentada hoje (13) pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, durante a V Reunião de Ministros da Saúde – encontro que reúne autoridades da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), em Lisboa, Portugal.

Lançado este ano, o guia apresenta recomendações e informações sobre alimentação de crianças nos dois primeiros anos de vida.

Além de promover saúde, crescimento e desenvolvimento a esse público, o guia subsidia família e profissionais de saúde em ações de educação alimentar e nutricional. Ao mesmo tempo, é um instrumento que ajuda na orientação de políticas públicas que visam a apoiar, proteger e promover a saúde das crianças.

No encontro da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, Mandetta compartilhou a experiência brasileira e ofereceu ajuda aos demais países integrantes do grupo, no sentido de elaborar e adaptar guias alimentares às realidades locais de cada um deles.

Leia Também:  Alergias alimentares: saiba quais são os alimentos mais “perigosos”

A ideia é promover, já no primeiro trimestre de 2020, oficinas técnicas para apresentar a metodologia adotada pelo Brasil na elaboração do guia.

Instituída em julho de 1996, a CPLP reúne nove Estados membros: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné-Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Juntos, esses países têm 230 milhões de habitantes distribuídos por quatro continentes.

Edição: Lílian Beraldo

Fonte: EBC Saúde
Continue lendo

Saúde

Doença faz jovem de 15 anos aparentar ser mais velha: “Tratada como aberração”

Publicado

Women's Health

Já imaginou ser jovem, mas ter a aparência de uma idosa? É o que acontece com a adolescente chinesa de 15 anos, Xiao Feng, que possui a “doença do envelhecimento”, condição rara conhecida como síndrome de Hutchinson-Gilford ou progéria, que faz a pele do corpo inteiro ficar enrugada. 

Leia também: Mulher morre após recusar tratamento médico por não querer ‘ficar velha e gorda’

doença rara arrow-options
Reprodução

Xiao Feng, de 15 anos, tem uma doença rara que a faz aparentar ser bem mais velha que a sua idade real

Por causa da doença , Xiao Feng abandonou a escola por conta da vergonha de sair em público. “Eu sou tão diferente dos meus colegas de sala que parei de ir à escola. Eu não tinha mesmo muitos amigos na escola. Sentada ao lado dos colegas, eu parecia avó deles”, desabafou a jovem, de acordo com o Daily Star .

“As pessoas me chamam de tia na rua e na escola sou tratada como aberração”, completa. “Quero ter uma vida normal e me tornar médica. Sonho com isso”, afirma.

Leia Também:  USP inaugura laboratório que identifica doenças emergentes

Leia também: Peter Pan da vida real: conheça o jovem que não envelhece

A “doença do envelhecimento”

doença rara arrow-options
Reprodução

Por conta da doença, a chinesa diz que, ao lado dos colegas da escola onde estudava, pareceria ser “avó deles”

A condição é hereditária. A mãe de Xiao também luta contra a doença. “Não fomos à escola, não sabíamos nada sobre desordens genéticas. Quando ela nasceu já era tarde demais para nos arrependermos”, comenta o pai da jovem. A chinesa lançou campanha na web para arrecadar o equivalente a R$ 300 mil a fim de custear o tratamento.

Leia também: “Não sabemos até quando se desenvolverá”, diz mãe de menina com Síndrome de Rett

Quais são os sintomas?

Com quadro de progéria, a criança ou o adolescente passa a apresentar todos os sinais típicos da velhice , como pele seca e enrugada, calvície e costas curvadas. Com baixa estatura, os portadores de doença também não apresentam períodos menstruais ao crescer e são estéreis. Outros males típicos da velhice como cardíacas, renais e pulmonares também podem aparecer.

Leia Também:  Entenda como as mudanças nos planos de saúde vão afetar sua vida

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana