conecte-se conosco


Geral

Inmet alerta para aumento de 5ºC na temperatura e risco de morte devido onda de calor em Cuiabá e outras 27 cidades

Publicado


Calor extremo e não previsão de chuva faz instituto colocar Cuiabá em alerta vermelho [F- Reprodução]

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu nesta terça-feira (10) um alerta vermelho de onda de calor em Mato Grosso com possibilidade de aumento de até 5ºC na temperatura, o que pode ocasionar risco de hipertermia e morte. No estado, o alerta vale para Cuiabá e outras 27 cidades e vale até amanhã (11) às 9 horas.

Para os próximos 20 dias, não há previsão de chuvas para Mato Grosso. O Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), que é ligado ao Inpe, também emitiu um alerta de onda de calor nos 141 municípios mato-grossenses. Nesta terça-feira, Cuiabá ter a temperatura máxima de 38° e clima de deserto com baixa umidade.

Durante toda a semana, temperatura deve oscilar acima de 40ºC e a umidade relativa do ar em torno de 15%. Já na quarta-feira (11), os termômetros apontam a máxima de 40°C e mínima de 23°C, sem possibilidade de chuva. No fim de semana, a previsão é que a temperatura continue subindo e Inpe aponta para uma máxima de 41°C e mínima de 28°C.

O Governo do Estado e a prefeitura de Cuiabá decretaram situação de emergência devido ao aumento no número de queimadas e pelas condições climáticas propiciarem a propagação do fogo. Mato Grosso passa por um período de estiagem de 4 meses, em diversas regiões, como é o caso da Grande Cuiabá.

Confira a lista de cidades afetadas:

Acorizal

Alto Paraguai

Arenápolis

Barão De Melgaço

Barra Do Bugres

Cáceres

Campo Verde

Chapada Dos Guimarães

Cuiabá

Denise

Diamantino

Dom Aquino

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Geral

Mais um reeducando da cadeia pública de Alta Floresta morre de coronavírus e MT chega a 55 óbitos pela doença

Publicado


Outros cinco presidiários da unidade testaram positivo para a doença

Mais uma pessoa morreu em decorrência do novo coronavírus [covid-19] em Mato Grosso. O óbito foi registrado na noite de quinta-feira (28) em Alta Floresta (803 km de Cuiabá) e deve contar no boletim da Secretaria Estadual de Saúde desta tarde. Essa é a terceira morte registrada no município. Com esse óbito, Mato Grosso tem 55 vítimas fatais da doença.

Otávio Lindolfo da Silva tinha 79 anos e era reeducando da Cadeia Pública de Alta Floresta. Ele havia testado positivo para o novo coronavírus e estava internado no Hospital Regional no município. Ainda não há informações se ele era portador de comorbidades. Esse é o segundo detento que vai a óbito vítima de coronavírus na unidade prisional.

Outros cinco presidiários testaram positivo para a doença, mas apresentam sintomas leves e estão em isolamento dentro da própria unidade. Quatro reeducandos estão com suspeita da doença e aguardam o resultado do exame.

Dentre os 20 municípios com maior número de casos de Covid-19, estão: Cuiabá (655), Várzea Grande (203), Rondonópolis (162), Tangará da Serra (98), Primavera do Leste (89), Barra do Garças (70), Lucas do Rio Verde (64), Confresa (64), Sorriso (59), Sinop (45), Rosário Oeste (38), Jaciara (36), Alta Floresta (36), Pontes e Lacerda (27), Nova Mutum (27), Peixoto de Azevedo (25), Cáceres (25), Campo Verde (24), Querência (15) e Nova Ubiratã (15).

 

Continue lendo

Geral

Polícia apreende droga sintética em residência em bairro nobre de Cuiabá

Publicado

Foram apreendidos comprimidos de ecstasy em uma casa próximo da UFMT

Mais de cem comprimidos de ecstasy foram apreendidos pela Polícia Civil, no final da tarde de quinta-feira (28), em Cuiabá. O trabalho da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE)  resultou também na prisão de três pessoas e na apreensão de porções de maconha, dinheiro e celulares.

Dois homens de 29 e 26 anos, e uma mulher de 21 anos, foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico, após serem surpreendidos em uma residência no bairro Boa Esperança, a pouco mais de 200 metros de uma universidade federal na região.

Os  policiais civis da DRE realizavam diligências quando identificaram uma casa cujo morador atuava com a venda de drogas sintéticas. Diante dos fatos, a equipe passou a monitorar o endereço, e na tarde de quinta-feira (28) flagraram o momento em que um jovem chegou ao local.

Em abordagem, foi encontrado no bolso dele um pacote com dois comprimidos de ecstasy. Em seguida, os policiais foram até a residência suspeita do comércio ilícito, onde encontraram as outras duas pessoas. Durante busca, foram apreendidos uma grande quantidade da droga totalizando 101 comprimidos de ecstasy, além de três porções médias de maconha, mais de R$ 50 em dinheiro e vários materiais usados para embalar entorpecentes.

Segundo o delegado da DRE, Vitor Hugo Bruzulato Teixeria, o imóvel aparentava situação de abandono com lixo acumulado e fezes de animais domésticos por todos os cômodos.

Com o flagrante, o trio foi conduzido para DRE, onde foram interrogados e autuados pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Após a confecção dos autos os dois rapazes e a moça foram encaminhados para audiência de custódia, ficando à disposição da Justiça.

 

 

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana