conecte-se conosco


Mulher

Iluminação: a peça chave para qualquer ambiente

Publicado

source

Você já se deparou com um ponto de interrogação em uma loja de luminárias? Entender sobre o universo luminoso parece tarefa fácil. Mas um erro recorrente no processo de reforma ou construção é desconsiderar a questão da luminosidade ao conceber uma obra, projeto ou reforma. 

Ao abordar o tema  devemos levar em conta o uso de cada ambiente, as integrações visuais, os materiais e a complexidade da rede elétrica. 

A coluna Dentro de Casa lista abaixo as dúvidas sobre iluminação mais comuns que as pessoas têm quando o assunto é lançar luz nos ambientes da casa ou do escritório: 

1.     Qual o tom da lâmpada escolher?

 O tom da lâmpada é classificado conforme sua temperatura, baseada na radiação térmica de um corpo aquecido. As lâmpadas que variam entre 2700K e 3000K (branco morno ou branco amarelado), criam uma atmosfera mais aconchegante, ótima opção para salas e quartos. Já as lâmpadas de 4000K e 5000K (branco frio) ou mais de 6500k (quase azulado) são recomendadas para áreas de trabalho, cozinha e áreas de serviços.

 2.     Quais os tipos de iluminação?

Difusa: gera uma luminosidade suave, sem foco, com pouca sombra. Exemplo de uso: salas de tv e quartos

 Direta: quando uma fonte luminosa emite aproximadamente 90% de luz para baixo. Exemplo de uso: mesas de trabalho 

Leia Também:  Horóscopo do dia: previsões para 7 de abril de 2019

Dirigida: com foco direcionado a um ponto específico. Exemplo de uso: para realçar paredes ou elementos decorativos. 

Indireta: em sua maioria, emite a luz para cima, refletindo no teto. Exemplos de uso: quarto

3.     Qual tipo de luminária usar?

Plafons: fechados por vidro, acrílico ou tecido translúcido, são ótimas opções para espaços com baixo pé-direito (altura entre piso e teto até 2.40m) ou áreas reduzidas. Existem opções de embutir (no caso de o ambiente possuir rebaixo de forro) ou de sobrepor (pode no forro e na laje). Produzem uma luz difusa, que se dissipa pelo ambiente. 

Spots ou projetores: são direcionais, utilizadas quando há o desejo ou necessidade de orientação ao objeto a ser iluminado. Normalmente, são embutidas em forro ou em trilhos.

Arandelas: fixadas em paredes internas ou externas, normalmente emitem luz difusa e ou indireta. Alguns modelos produzem luzes diretas. A coluna Dentro de Casa recomenda que o foco seja direcionado ou para o piso ou para o teto. 

Lustres ou pendentes: opções muito utilizadas em mesas de jantar ou em ambientes com pé-direito mais alto, os modelos costumam ter a distância do teto regulada e emitem diversos efeitos luminosos. 

Leia Também:  Suplemento de beleza: por que você deveria (ou não) tomar biotina

Dicas da Helô: que tal ousar e utilizar pendentes em detalhes como acima de bancada de lavabo ou nas laterais da cama, acima do criado-mudo? E um lustre acima da cama? Fica charmoso e dá um toque especial ao espaço.

Entender sobre o universo luminoso parece tarefa fácil, mas nao é
Imagem Viva Decora

A automação da iluminação de um ambiente é alternativa interessante

4. Quando devo optar por automação? 

A automação da iluminação de um ambiente é alternativa interessante para a criação de cenas diversas num mesmo local, estabelecendo diferentes intensidades de luminosidade para cada situação. As áreas sociais são as mais pedidas e podem integrar outros sistemas como sonorização, ar-condicionado e cortinas. Hoje, com a tecnologia, existem inúmeras opções, desde sistema por dimmers até integração com smartphones. 

5. Como valorizar a área externa? 

Postes, balizadores e projetores de alta resistência a umidade, raios solares e maresia são as opções ideais. Evidenciar o paisagismo é uma tendência (para sempre!). Peças de alumínio são as mais indicadas e, se possível, adquira produtos solares. Confira também se possui proteção contra invasão de objetos dentro de partes elétricas, contra poeira e água. Em casos de luminárias em espelho d’água ou piscina, verifique também se elas podem ficar submersas.

Leia mais:

Elétrica: conheça dicas para manter segurança da casa em primeiro lugar

Fonte: IG Delas
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Mulher

Noiva desastrada joga buquê na própria cabeça e cai na hora da valsa

Publicado

source

Você se considera uma pessoa desastrada? Se sim, provavelmente vai rever o conceito depois de conhecer Suzy Bartholo, 24 anos, uma noiva que não apenas derrubou o buquê na própria cabeça, como também caiu na hora da valsa.

Leia também: “A Dona do Pedaço”: Vivi Guedes escolherá vestido de noiva preto; você usaria?

noiva arrow-options
Reprodução/Twitter/suzybartholo

Suzy Bartholo, 24 anos, foi assunto no Twitter ao jogar o buquê na própria cabeça e cair na hora da valsa

A noiva de Itajaí, Santa Catarina, compartilhou vídeos dos momentos em seu Twitter e viralizou. “E eu que joguei o buquê na minha cabeça? kkkk”, brinca na leganda da gravação. Veja o vídeo:

Leia também: Convidada rouba a cena em casamento e atrapalha entrada da noiva

“Era muito pesado, tu viu que eu saio segurando a coroa? Porque foi um peso na cabeça que eu achei que a coroa tinha caído”, escreveu Suzy para uma seguidora. Apesar do susto, nada grave aconteceu.

Leia Também:  Os 10 looks que mais deram o que falar no tapete rosa do Met Gala 2019

E não parou por aí! A publicação recebeu tantos comentários que Suzy também compartilhou outro vídeo memorável do casamento : “Se não bastasse o buquê na cabeça eu também cai na minha valsa”, conta. Confira:

Leia também: Alerta máximo de climão! Sogra copia vestido de nora em casamento

A repercussão do casamento de Suzy foi tanta que a festa foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter no Brasil. Como a festa foi no sábado (14),  noiva respondeu que está aproveitando a lua de mel, mas pretende contar em breve os detalhes do dia na rede social.

Fonte: IG Delas
Continue lendo

Mulher

“A Dona do Pedaço”: Vivi Guedes escolherá vestido de noiva preto; você usaria?

Publicado

source

Vivi Guedes (Paolla Oliveira) vai se casar novamente. A digital influencer de “A Dona do Pedaço” subirá ao altar com Camilo (Lee Taylor) após ser chantageada por ele com ameaças envolvendo Chichete (Sergio Guizé), seu verdadeiro amor. Com tanto drama envolvendo a união, ela decidiu apostar em um vestido de noiva com significado, na cor preta.

Leia também: Como o perfil de Vivi Guedes pode te ensinar a fazer sucesso no Instagram

Vivi Guedes com vestido preto arrow-options
Divulgação/TV Globo/Raquel Cunha

Vivi Guedes escolheu um vestido de noiva preto para dar dramaticidade à união com Camilo, que acontecerá no sábado (21)

A “ousadia” pela escolha do preto para o  vestido de noiva foi a forma que Vivi encontrou para mostrar também sua revolta pelo casamento a contragosto.  Indo para além da cor, porém, esse modelo segue todas as últimas tendências — não que poderia ser diferente falando da blogueira mais amada de “A Dona do Pedaço”, não é? 

Inspirado em um vestido dos anos 80 lançado pela Dior, as mangas bufantes e a capa exagerada, com 10 metros de tafetá, fazem parte da onda retrô que tomou conta do mundo da moda nas últimas temporadas. Além disso, reforçam a questão da dramaticidade.

Leia Também:  Certo x errado: será que devemos julgar quem comete uma traição?

Ao site oficial da emissora, as figurinistas da novela, Claudia Kopke e Sabrina Moreira, afirmam que mudaram o estilo original da peça para se adequar à cena, que está prevista para ir ao ar no próximo sábado (21/09).

“Bebemos na fonte desse desfile Dior, da década de 80. O vestido original era vermelho, mas o briefing da novela pedia preto e alteramos a cor. Acrescentamos uma capa e uma cauda, confeccionadas pelas nossas costureiras, e o resultado ficou incrível: uma verdadeira Drama Queen”, comenta Sabrina. 

Para quem quer se inspirar, uma dica é “excluir” os itens que achar que não combinam com a sua própria personalidade. Por exemplo, se você é fã de peças vintage, mas não necessariamente do exagero, pode optar pelo vestido de cetim sem a capa e as mangas.

Dê a sua opinião sobre a peça no teste abaixo: 


Leia também: Roxo no casamento? Consultora lista erros de famosas no vestido de noiva

Compare os vestidos de noiva de Vivi Guedes, em “A Dona do Pedaço”


Para o casamento anterior , Vivi havia sido tão ousada quanto. O  vestido de noiva  (dessa vez, branco) também foi de tafetá, completamente liso e sem nenhum tipo de bordado ou brilho. Curto na frente, longo atrás, os detalhes ficam por conta de babados balonê e do corset. 

Fonte: IG Delas
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana