conecte-se conosco


Internacional

Hospitais do Chile estão quase no limite com pandemia de covid-19

Publicado


.

O sistema de saúde do Chile está sob pressão e “muito perto do limite”, disse o presidente Sebastián Piñera nesse domingo (24), quando o número de infecções confirmadas pelo novo coronavírus se aproxima de 70 mil após aumento nos últimos dias.

O Ministério da Saúde registrou 3.709 novos casos no último dia, elevando o total para 69.102. O número de mortos é 718.

“Estamos muito perto do limite, porque tivemos um aumento muito grande nas necessidades e demandas de atendimento médico e de leitos em unidades de terapia intensiva e ventiladores”, disse Piñera durante visita a um hospital em Santiago.

Mais de 1.000 pessoas foram hospitalizadas por doenças associadas ao novo coronavírus, segundo o governo.

O Chile, maior produtor mundial de cobre, confirmou seu primeiro caso de covid-19 no início de março e ultrapassou 50 mil infecções na última semana.

Um terço da população, de cerca de 19 milhões, está em quarentena obrigatória, depois que o governo colocou Santiago e várias outras cidades em isolamento total.

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Internacional

Biden desiste de atos de campanha devido à pandemia

Publicado


source
Joe Biden
Reprodução/Instagram Joe Biden

Decisão de Biden foi anunciada nesta terça-feira (30).

O candidado do Partido Democrata na eleição presidencial deste ano, Joe Biden , desistiu de realizar atos públicos de campanha. O motivo da decisão é a pandemia do  novo coronavírus (Sars-Cov-2). Anúncio foi feito nesta terça-feira (30).

A desistência de eventos públicos vai na contramão da decisão do atual presidente e candidato à reeleição, Donald Trump. O republicano realizou um comício eleitoral no dia 20 de junho e reuniu apoiadores em um evento no qual defendeu a diminuição do número de testes de Covid-19.

Durante coletiva de imprensa realizada em Delaware, na costa leste dos EUA, Biden disse que vai “seguir as ordens dos médicos – não apenas por mim, mas também pelo país – e isso implica que não realizarei nenhum comício”.

Fonte: IG Mundo

Continue lendo

Internacional

Alemanha dissolve unidade de elite por laço com a extrema-direita

Publicado


source
Alemanha
Divulgação

Anúncio foi feito pela ministra da Defesa alemã, Annegret Kramp-Karrenbauer.

O governo da Alemanha decidiu dissolver parte de uma unidade militar de elite por conta da ligação de alguns membros com movimentos da extrema-direita. Anúncio foi feita pela ministra da Defesa alemã, Annegret Kramp-Karrenbauer.

Segundo Annegret, as forças especiais da Alemanha (KSK) “se declararam parcialmente autônomas a respeito do restante do Exército, em particular por causa de uma cultura tóxica de alguns de seus comandantes”. A ministra concluiu dizendo que “a KSK não pode continuar sob sua forma atual”.

As forças especiais são acusadas de terem se separado excessivamente do restante do exército. Segundo as autoridades alemãs, isso teria facilitado a ascensão de líderes e a difusão de “ideais extremistas” entre os membros da unidade. 

As companhias restantes da unidade não participarão de exercícios e missões. Criada em 1996, a unidade de operações secretas é formada por 1.400 soldados. Entre as missões da unidade estão repatriar cidadãos alemães de zonas de guerra, treinamento de forças aliadas e trabalhos de inteligência.

Fonte: IG Mundo

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana