conecte-se conosco


Internacional

Hong Kong alcança segundo lugar em competitividade mundial

Publicado

 A Região Administrativa Especial de Hong Kong (RAEHK) continuou em segundo lugar no ranking do Anuário de Competitividade Mundial (WCY) 2019, publicado pelo Instituto Internacional de Desenvolvimento de Gestão (IMD).

“O governo promete reforçar a competitividade e vibração da nossa economia. O WCY reconheceu mais uma vez Hong Kong como uma das economias mais competitivas do mundo”, destacou o governo da RAEHK.

Analisado por quatro fatores de competitividade do WCY, Hong Kong manteve o topo em “eficiência do governo”, ficou em segundo lugar em “eficiência da empresa” e em 10º em “desempenho econômico”.

Através do aumento do investimento do governo em áreas como infraestrutura, inovação, tecnologia, bem como educação, o ranking de Hong Kong subiu para 22º em “infraestrutura”.

A administração regional destacou que, “entre a forte concorrência de economias mundiais, precisamos manter os esforços para consolidar nossas vantagens predominantes competitivas, incluindo um mercado aberto e livre, um setor público eficiente e um ambiente favorável de comércio com condições equitativas.”

Leia Também:  Trump diz que negociações com a China vão começar em breve

O governo vai continuar a assumir o papel de “facilitador” e “promotor”, a fim de explorar mais oportunidades para Hong Kong.

Além disso, a administração vai também intensificar o investimento em infraestrutura, inovação e tecnologia, formar talentos e aumentar a oferta de terras, de modo a fornecer um ambiente favorável para desenvolvimento econômico de longo prazo de Hong Kong. 

Edição: José Romildo

Fonte: EBC Internacional
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Internacional

Horas antes da mudança de governo, Macri e Fernández assistem à missa

Publicado

Horas antes da mudança de governo na Argentina, o presidente Mauricio Macri e o presidente eleito Alberto Fernández assistem neste domingo (8) a uma missa pela “unidade e paz”, convocada pela Igreja Católica na Basílica de Luján, por ocasião do Dia da Imaculada Conceição da Virgem Maria. Fernández e a vice-presidente eleita, Cristina Kirchner, tomam posse terça-feira (10).

Casa Rosada Argentina

Casa Rosada, sede do governo da Argentina – Reuters/Direitos Reservados

Além dos católicos, a Conferência Episcopal Argentina (CEA) convocou todos os setores sociais e políticos “para orar juntos pela pátria”, na cerimônia desta manhã, conduzida pelo bispo de San Isidro e presidente da CEA, dom Oscar Ojea.

Macri e Fernández responderam rapidamente à convocação da Igreja, à qual comparecerão acompanhados por outros líderes e colaboradores.

Embora tenham compartilhado comunicações telefônicas e mensagens do WhatsApp, Macri e Fernández foram vistos pela última vez em 20 de julho, no segundo e no último debate presidencial antes das eleições de 27 de outubro.

Fonte: EBC Internacional
Leia Também:  Soja brasileira chega a novo porto na China
Continue lendo

Internacional

Pelo menos 43 pessoas morrem em incêndio numa fábrica de Nova Delhi

Publicado

Pelo menos 43 pessoas morreram neste domingo (8) em um incêndio em uma fábrica no centro de Nova Delhi. O incêndio, que começou às 5h30 (hora de Brasília), já foi controlado, em uma operação que, segundo o Corpo de Bombeiros, mobilizou 25 viaturas. A polícia da capital da Índia está investigando as causas do incêndio.

Segundo as autoridades indianas, a fábrica também servia de dormitório para os trabalhadores, e a maioria das pessoas dormia quando o incêndio começou e morreu de asfixia.

“Até agora resgatamos mais de 50 pessoas, e grande parte delas tinha sido afetada pela fumaça”, disse o bombeiro Aul Garg.

De acordo com o último balanço, pelo menos 16 pessoas foram hospitalizadas até ao momento.

Em várias cidades da Índia, as fábricas e pequenas unidades industriais estão localizadas em bairros antigos e apertados, onde o preço dos imóveis é mais baixo.

À noite, esses prédios costumam servir de dormitório para os trabalhadores pobres, a maioria deles migrantes, que economizam dinheiro ao dormir no local de trabalho.

Leia Também:  Ministro da Justiça da Coreia do Sul pede demissão

Em mensagem no twitter, o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, considerou “horrível”o incêndio. “Os meus pensamentos estão com aqueles que perderam os seus entes queridos. Desejo aos feridos uma rápida recuperação”, disse o premiê.

“As autoridades estão a dar toda a assistência possível no local da tragédia”, acrescentou.

Na Índia, as leis de construção e as normas de segurança são frequentemente desrespeitadas pelos construtores e moradores, razão pela qual os incêndios são comuns.

Em 1997, um incêndio em um cinema em Nova Deli matou 59 pessoas. Já em fevereiro deste ano, 17 pessoas morreram devido a um incêndio em um hotel de seis andares, também na capital indiana. O fogo começou numa cozinha não autorizada na cobertura do edifício.

 

Fonte: EBC Internacional
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana